Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Como identificar a autossabotagem?

Conseguir identificar a autossabotagem é o primeiro passo para poder barrá-la e, assim, aumentar os seus resultados e a sua qualidade de vida.

Afinal, embora a autossabotagem seja algo extremamente ruim, acabamos cometendo-a por, simplesmente, cometer! Às vezes nos deixamos levar pela preguiça, pela procrastinação, pelos pensamentos negativos… E quando nos damos conta, deixamos de fazer algo importante por conta do medo ou por acreditar “que não vai dar certo”.

Sendo assim, neste texto vamos apresentar algumas ideias que podem ser relevantes neste contexto. Acompanhe e vamos juntos combater a autossabotagem. 😉

Como identificar a autossabotagem?

A autossabotagem, muitas vezes, pode ser bem silenciosa na nossa vida. Ela aparece sem “aparecer” de verdade. Fica um pouco escondida, podemos assim dizer.

Por isso que muitas vezes criamos hábitos sabotadores e nem nos damos conta disso. Mas, a seguir, você verá alguns pontos que poderão ser observados para que você avalie a presença ou ausência da autossabotagem. Veja:

1- Observe se você costuma ver o lado ruim das situações

Independente do contexto, você costuma enxergar o lado ruim das coisas? Mesmo nas situações mais bobas? Então esse pode ser um sinal para identificar a autossabotagem.

É claro que há momentos que devemos avaliar os prós e os contras. Isso é saudável. Mas, quando pensamos apenas nas coisas ruins, e ainda, deixamos de fazer atividades por conta dos potenciais “pontos negativos”, a autossabotagem pode estar operando.

É como deixar de fazer um concurso público por acreditar que é “difícil demais”, ao invés de fazê-lo e estudar para tentar atingir um resultado mais positivo.

2- Você procrastina? Deixa para começar amanhã?

Quando foi a última vez que você disse “amanhã eu começo”? Quando foi a última vez que você disse que não era o momento adequado para se começar algo? Reflita.

Se esse tipo de situação é muito recorrente, pode ser que você tenha o costume de adiar atividades importantes. E isso é um dos mais poderosos sinais para identificar a autossabotagem.

3- Observe se você insiste em ser autossuficiente

Você tenta resolver tudo sozinho? Tem dificuldade para delegar tarefas? Pense sobre isso.

Muitas vezes criamos a errônea ideia de que algo só ficará bom se nós mesmos fizermos, e com isso acabamos não dando atenção ao que realmente importa, por tentar fazer tudo ao mesmo tempo.

Só que essa sobrecarga só nos oferece atrasos, desgastes, estresse, etc.

Quando foi a última vez que você delegou algo?

4- Você faz comparações excessivas?

Você tem o costume de ficar se comparando aos outros? E ainda, de uma forma extremamente negativa?

Essas comparações é um dos sinais para identificar a autossabotagem, pois elas podem estar impedindo você de seguir em frente! Afinal, se você acha que o outro é mais capaz para tentar determinada vaga de emprego, por que tentar, certo?

Pois é… Se você tem pensado dessa forma com recorrência, a autossabotagem pode estar operando em sua vida.

5- Tem buscado o perfeccionismo?

Você tenta ser perfeito em tudo que faz e, caso não seja, desiste? Bom, essa é uma das formas mais clássicas da autossabotagem. Afinal, perfeição não existe e se ficarmos tentando alcançá-la, nunca sairemos do lugar.

Lembre-se: antes feito do que perfeito. Que tal… Fazer?!

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.