Caixa acaba de liberar saque de R$6.220 para mais brasileiros; veja se você tem direito

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) é um direito do trabalhador brasileiro que pode ser utilizado em momentos de necessidade, como em situações de calamidade pública. Recentemente, a Caixa Econômica Federal liberou o saque de até R$ 6.220 para trabalhadores em determinadas cidades afetadas por desastres climáticos em Santa Catarina. Neste guia completo, você encontrará todas as informações necessárias para realizar o saque de emergência do FGTS.

Saque Calamidade: Quem pode fazer?

O saque de emergência do FGTS, também conhecido como saque calamidade, está disponível para os trabalhadores que residem em municípios afetados por desastres naturais. No caso específico de Santa Catarina, a Caixa Econômica Federal divulgou uma lista com as cidades habilitadas para o saque, juntamente com as datas limite para a retirada do dinheiro. Confira abaixo algumas das cidades incluídas na lista:

Cidade Data Limite
Agronômica 14/01/2024
Blumenau 14/01/2024
Itajaí 14/01/2024
Lages 14/01/2024
Rio do Sul 25/01/2024
São Bento do Sul 14/01/2024

É importante ressaltar que as datas limite podem variar de acordo com cada município. Portanto, é fundamental verificar a lista completa divulgada pela Caixa Econômica Federal para garantir que você esteja dentro do prazo estabelecido.

Como realizar o saque calamidade

Existem duas formas de realizar o saque de emergência do FGTS: através do aplicativo APP FGTS ou diretamente em uma agência da Caixa Econômica Federal. A seguir, explicaremos o passo a passo para cada método.

Através do APP FGTS

  1. Baixe e instale o aplicativo APP FGTS em seu dispositivo móvel.
  2. Ao acessar o APP FGTS, clique na opção “Meus Saques”.
  3. Escolha a opção “Outras Situações de Saques”.
  4. Selecione o motivo do saque como “Calamidade Pública”.
  5. Selecione o município em que reside e clique em “Continuar”.
  6. Escolha uma das opções para receber o FGTS: crédito em conta bancária de qualquer instituição ou saque presencialmente.
  7. Envie os documentos solicitados através do aplicativo.
  8. Confira os documentos anexados e confirme o envio.
  9. A Caixa Econômica Federal analisará a solicitação e, caso esteja tudo correto, o valor será creditado na conta cadastrada.

Em uma agência da Caixa Econômica Federal

  1. Dirija-se a uma agência da Caixa Econômica Federal.
  2. Leve os seguintes documentos:
    • Comprovante de residência em nome do trabalhador, emitido nos últimos 120 dias anteriores à decretação da emergência ou calamidade.
    • Na ausência de comprovante de residência, é possível apresentar uma declaração emitida pelo governo municipal ou do Distrito Federal, atestando a residência na área afetada.
    • Documento de identificação do trabalhador ou diretor não empregado.
    • CPF.
    • Carteira de Trabalho física ou digital, ou qualquer outro documento que comprove o vínculo empregatício.

Garanta que está dentro do prazo

O saque de emergência do FGTS é uma importante medida para auxiliar os trabalhadores em momentos de necessidade, como em situações de calamidade pública. Com as informações fornecidas neste guia completo, você está preparado para realizar o saque calamidade de forma rápida e segura. Não deixe de verificar a lista de cidades habilitadas e as datas limite para garantir que você esteja dentro do prazo estabelecido. Lembre-se de seguir as orientações da Caixa Econômica Federal e utilizar o aplicativo APP FGTS ou dirigir-se a uma agência para efetuar o saque.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.