Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Cadastro via aplicativo do Bolsa Família 2021; saiba como fazer

O Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda. Isto é, ele possui o objetivo de direcionar valores para famílias que se encontram em situação de pobreza e de extrema pobreza no Brasil. Dessa forma, pretende, então, promover a superação de vulnerabilidade dos brasileiros.

Além disso, ele se propõe a garantir o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde, já que concede um aporte financeiro importante. Inclusive, no contexto de pandemia da Covid-19, seu importância é ainda maior. Ocorre que a proliferação do vírus é maior em aglomerações, de forma que para evitá-lo, a economia se impacta diretamente. Assim, por todo o país, o Bolsa Família atende mais de 13,9 milhões de famílias.

Nesse sentido, portanto, o presidente Jair Bolsonaro, se manifestou acerca de possíveis alterações no programa. De acordo com ele, os valores sofreram alterações, assim como outros pontos do benefício.

Presidente declara que o Bolsa Família terá cadastro por aplicativo

Atualmente, o programa realiza o cadastro das famílias beneficiárias a partir do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social).

Isto porque, para participar do Bolsa Família, anteriormente, o interessado precisará se inscrever no Cadastro Único que tal Centro realiza. Este órgão, por sua vez, possui sede na grande maioria das cidades brasileiras, com o intuito de atender a população mais vulnerável.

No entanto, o presidente Jair Bolsonaro declarou nessa quinta-feira, 13 de maio, que o cadastro do Bolsa Família passará a se realizar por meio de aplicativo. A declaração ocorreu em evento que o presidente participava em Maceió.

Segundo ele, “Está quase pronto também a questão do novo Bolsa Família. E mais ainda, brevemente a inclusão no Bolsa Família não será mais procurando prefeituras pelo Brasil. Será feito através de um aplicativo”.

No entanto, tal manifestação já recebe críticas, visto que justamente o público que necessita do benefício é aquele que menos tem acesso e familiaridade com o uso de internet.

Ex-secretária nacional de Renda e Cidadania se manifesta contrária à medida

Letícia Bertoldo, ex-secretária nacional de Renda e Cidadania, que foi, inclusive, responsável pelo programa Bolsa Família e do Cadastro Único, se manifestou de maneira contrária à declaração do presidente.

De acordo com ela, portanto, a medida que o presidente apresentou irá “apartar ainda mais o Estado da população mais pobres”. Nesse sentido, então, Letícia entende que é responsabilidade do Estado estar presente nas necessidades da população.

Segundo ela, “A solução desconsidera a colaboração federativa, de que o combate à pobreza é atribuição dos três níveis da federação, municipal, estadual e federal.  O governo se esquece que as famílias não vão simplesmente se cadastrar, elas entram num centro de referência de assistência social, que é a porta de entrada do Estado, que vai avaliar as necessidades da família, inclusive dificuldade de moradia, situações de violência. Transformar tudo num aplicativo é apartar ainda mais o Estado da população mais pobre”.

Ademais, a ex-secretária entende que o uso de aplicativos por acontecer, porém, como alternativa, sem que se acabe com o atendimento das prefeituras. Ela relata que “A digitalização pode ser uma aliada em complemento à atuação presencial do estado, e não em substituição”.

Além disso, a mesma também alerta pelo fato de que o programa não sofre um reajuste desde 2018. Portanto, ela considera que essa deveria ser a prioridade, em conjunto com incluir diversos interessados no programa.

“São 19 milhões passando fome, mais de metade da população sem uma alimentação adequada e frequente. Temos que pensar em como se corrige os prejuízos que ocorreram nos últimos anos para os mais pobres. Desde o início do mandato, o governo falou em aprimorar o Bolsa Família, que estava fazendo estudos, mas as propostas nunca surgiram, só tem fila e fome. É disso que o governo deveria tratar”, argumenta a ex-secretária.

Como funciona atualmente o programa?

Atualmente, para receber o benefício, o interessado deverá passar por alguns procedimentos. Entenda melhor quais são eles, abaixo.

Cadastro no CRAS ou prefeitura

Cada município possui um órgão específico que se responsabiliza pelo cadastro no Bolsa Família. Nesse sentido, geralmente são o CRAS e as prefeituras. ?Dessa forma, caso a família se encaixe em alguma das faixas de renda que o programa define, deverá procurar um destes órgãos. A partir de então, será necessário que se apresente documento de identificação a fim de se inscrever no Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal.?

Seleção pelo Ministério da Cidadania

?Em seguida, o Ministério da Cidadania realizará a seleção dos interessados, levando em consideração, todos os dados do Cadastro Único. Assim, o Governo Federal analisará os critérios de composição familiar e renda de cada membro.

Pagamento do benefício

Por fim, então, após o cadastro e a seleção, a família que obedeça a todas a exigências necessárias receberá o benefício por meio da Caixa Federal. Os valores dependerão de características de cada unidade familiar, variando entre R$ 41,00 e R$ 205,00, a depender da composição familiar, dentre outros fatores.

Quem pode recebê-lo?

Para ter acesso ao Bolsa Família requer-se que o interessado cumpra determinados requisitos. Dessa maneira, deverá comprovar, portanto, que:

  • Se encaixa na categoria de família extremamente pobres, ou seja, aquelas que têm renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa.
  • Está enquadrado dentro da categoria de famílias pobres, ou seja, aquelas com renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa. No entanto, para essas, ainda é necessário que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos.

Além disso, os beneficiários deverão cumprir uma série de exigências para seguir recebendo o benefício. Portanto, precisarão:

  • Comparecer às consultas de pré-natal, de acordo com o calendário que o Ministério da Saúde estabelece, para aquelas famílias que possuem gestantes.
  • Participem de atividades educativas que o Ministério da Saúde oferta, acerca de aleitamento materno e alimentação saudável, quando falamos de famílias que contenham nutrizes, ou seja, mães que amamentam.
  • Manter o cartão de vacinação das crianças de 0 a 7 anos atualizado.
  • Acompanhar a saúde de mulheres na faixa de 14 a 44 anos.
  • Garantir a frequência mínima de 85% na escola, para crianças e adolescentes de 6 a 15 anos, e de 75%, para adolescentes de 16 e 17 anos?.
41 Comentários
  1. Silvani dos santos alves Diz

    O meu bolsa família foi cortado, a minha filha não recebe mais o alelo, um cartão de alimentação, fiz o bolsa novamente já faz 3 meses e até hj eu tbm não tive nenhum retorno, nem o auxílio nesse ano eu recebi, gostaria de uma informação e uma resposta pra tudo isso, sou mãe solteira, desempregada vivo de bicos mais a renda não é suficiente para comer e pagar as contas..

  2. Aline Silva Santos Diz

    sou mãe solteira não tenho renda nenhuma fiz o cadastro do bolsa família tem 3mes não veio nem recebo auxílio

  3. Roberto de Oliveira Diz

    Eu recebi até quarta parcela arrumei um serviço fui cortado agora tou desempregado estou precisando muito do meu auxílio emergênciai

  4. Aline Silva Santos Diz

    eu fiz o cadastro bolsa família tem 3 mês até hoje não veio sou mãe solteira tenho dois filhos não reci auxílio

  5. DOLORES GOMES NUNES Diz

    Meu auxílio foi cancelado e eu não tem renda nenhuma

  6. Edivania Ramos Santos Diz

    Como posso está fazendo a escrição da bolsa família pela internet

  7. Daniele Diz

    Meu auxílio foi cancelado gostaria de saber o porquê ñ tenho renda nenhuma

  8. LEILA FLORES Diz

    o meu Bolsa foi cortado o ano passado eu fiz denovo este ano no mes de Janeiro até hoje eu não fui aprovada só mãe soltera esto desepregada. tenho 3 filhos não recebo o hociliu não fui aprovada por que eu trabalhava no ano 2020 em 2021 esto desepregada dependo dos outros para come com meus filhos

  9. Rosa Maria de Almeida Diz

    Fiz o cadastro ano passado mas até hje não tive respossta…o que faço?

  10. natalina Aparecida dos Santos Diz

    em 2020recebi e não recebi mais gostaria de saber porque não tenho renda nenhuma

  11. Rafaela Nunes dos Santos Diz

    Eu desbloquear bolsa família

  12. Iracê Maria da Silva Diz

    Quero saber como participar do Bolsa família?

  13. Eliane Barbosa da Silva Alves Diz

    O meu também tava broqueado e agora cancelado eu preciso

  14. Eliane Barbosa da Silva Alves Diz

    O meu também táva broqueado e agora cancelado eu preciso me ajuda

  15. Adriana barbara ferreira da Silva Diz

    Também sou mãe e desempregada como faço pra voltar a receber o bolsa família

  16. Josimara silva Diz

    Na minha cidade as pessoas mais vulneráveis a i tem acesso a internet ..tem wi-fi em casa ou no celular …num acha um sem internet …ficam sem comer pela internet….desse jeito ….mas fácil as pessoas se cadastrarem pela internet…pois muitos não tem como sair da roça pra ficar indo lá se cadastrar

  17. Domingas Diz

    Meu bolsa família foi bloqueado

  18. Maria Diz

    Meu bolsa família foi bloquiado a anos por motivos de idade agora que preciso por motivo de saúde ñ tenho nem o auxílio acho um absurdo tem muitos que precisa ñ consegue e muitos que tem sem precisão

  19. Luciana Pereira Da C Santos Diz

    Preciso do auxílio emergencial urgente, n estou trabalhando,sou mãe chefe de família ,obg!!!!

  20. Luciana Pereira Da C Santos Diz

    Algum órgão do auxílio emergencial,fui excluída do auxílio, não estou trabalhando,sou mãe chefe de família,o pai do meu filho, faleceu em janeiro desse ano,e nem direito ao NSS meu menino de 8 anos tem, preciso do auxílio urgente,obg!!!

  21. Luciana Pereira da Costa Santos Diz

    O ano passado recebi o auxílio direitinho,esse ano fui excluída,tenho uma criança de 8 anos ,n estou trabalhando,eu sou autônoma,vendinha cortina blekaut,mais n está chegando mais para mim,por causa da pandemia,,acho que nem existe mais a fábrica,com certeza teve ter falido,Pois eles n entraram em contato comigo mais.,o que me ajudou bastante,foi o auxílio, que na cortina n conseguia muito dinheiro,preciso do auxílio urgente,por favor

  22. Sirlene pereira Rezende da Silva Diz

    Como participar do bolsa famíliar

  23. Cristiana santos Diz

    Esse auxílio emergencial tinha q ter um prazo maior pra se cadastrar eu não consigui receber pq estava no seguro desemprego agora q não tô mais recebendo o seguro não tem como fazer o cadastro estou desempregada e sem o auxílio …..

  24. Marizete de Sousa Cardoso Diz

    eu ja fis o bolsa família ja faz tempo nem uma resposta

  25. Valdineide da Silva freitas Diz

    Tenho dois filhos moro sozinha com eles

  26. Valdineide da Silva freitas Diz

    Meu bolsa família foi cancelado em 2016 como faço pra ter meu bolsa família de volta

  27. Maria Eduarda França Souza Diz

    Fiz Meu Cadastro Do Bolsa Família Em Novembro De 2019 E Até Agora Não Foi Nada

  28. Jucimara Oliveira Rocha Diz

    Sou mãe solteira estou sem renda cortaram meu bolsa família, atualizei até agora nada

  29. Daniele dos Santos moreira Diz

    Como sabe que meu bolsa familia foi aprovado

  30. Lenita faria silva Diz

    Quero me cadastra no bolsa familia

  31. Maria Diz

    O cadastro sendo feito assim, só vai servir para uma coisa, para que as pessoas mintam ao fazer o cadastro. E receber o bolsa sem ter direito. O mesmo que aconteceu com o auxílio emergencial, conheço pessoas mentiram. E estão recebendo indevidamente.

  32. Jane Cleide gomes da Silva Diz

    O meu foi cancelado já a 9 anos pq eu tava trabalhando agora já tem 1 ano e não conseguir de volta ainda

  33. Maria aparecida da silva Diz

    Quero refazer meu cadastro do balsa familia onlaine pois estou desempregada minha bolsa familia nao foi aprovada ate hojr

  34. Hugo Leonardo Gaspar Diz

    Como faço pra me cadastrar via app

  35. María José Cabral da Silva Diz

    Quero desbloquear meu bolsa família

  36. Rute cleia Diz

    Sou mae solo em 2020 recebi o auxilio agora na recebo mais

  37. Francisca de Lima Bezerra Diz

    Como participa do bolsa família

    1. Sirlene pereira Rezende da Silva Diz

      Como participar do bolsa família

    2. Iracê Maria da Silva Diz

      Gostaria de participar do Bolsa família…como faço?

      1. Daniella y Pereira Diz

        Meu seguro desemprego terminou no início do ano, tenho duas crianças,6 e 10 não consigo fazer cadastro no auxílio nem bolsa família,,, resumindo estou sem renda e na escola estadual os alunos não conseguiram cestas todo mês igual as outras, gostaria de um cadastro para eles como bolsa família, obrigada!

      2. DaniDaniella y Per Diz

        Meu seguro desemprego terminou no início do ano, tenho duas crianças,6 e 10 não consigo fazer cadastro no auxílio nem bolsa família,,, resumindo estou sem renda e na escola estadual os alunos não conseguiram cestas todo mês igual as outras, gostaria de um cadastro para eles como bolsa família, obrigada!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.