Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio Emergencial: dono de lotérica é acusado de desviar milhões do programa

De acordo com informações da Polícia Federal, homem foi preso em Belém acusado de desviar milhões do Auxílio Emergencial

O dono de uma casa lotérica foi preso nesta terça-feira (28). Ele está sendo acusado pela Polícia Federal (PF) de desviar algo em torno de R$ 19 milhões do Auxílio Emergencial. Ao que tudo indica, ele teria pedido essa quantia para fazer os pagamentos, mas não teria prestado conta para o Governo.

Diante desta situação, a justiça deflagrou a Operação Theisaurus em Belém do Pará, a cidade da lotérica. Os agentes da PF realizaram mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão. Esse foi justamente o do dono desse estabelecimento em questão. A PF não chegou a divulgar o nome dele.

Assim, não dá para saber o que ele teria a falar em sua defesa. Do mesmo jeito, também não dá para saber o que ele disse em seu depoimento. Só o que se sabe mesmo é que a suspeita é que ele tenha pedido esse dinheiro entre os meses de abril e julho de 2020. E logo depois não prestou nenhum tipo de comprovação de uso.

Não se sabe ao certo quantas pessoas do Pará podem ter sido prejudicadas por essa situação. Mas se entende que não foram poucas. Ao que se sabe, várias famílias que estavam de fato precisando do dinheiro podem ter ficado sem nada. A Justiça ordenou o bloqueio de bens no valor da denúncia, que no caso é o de R$ 19 milhões.

De acordo com a Polícia Federal, as investigações sobre esse caso ainda estão acontecendo. Pode ser, por exemplo, que esse homem tenha tido ajuda de mais gente. Em caso de condenação, ele pode passar um tempo na cadeia cumprindo pena por lavagem de dinheiro e peculato. Pelo menos é isso o que os agentes estão dizendo.

Fraudes em 2020

Esse caso pode acabar portanto se juntado a uma série de outros que representaram fraudes no Auxílio Emergencial em 2020. De acordo com dados do Tribunal de Contas da União (TCU), os golpes acabaram tomando bilhões de reais do Governo Federal.

É justamente por isso que agora em 2021, a regra é tentar fechar o cerco em torno dessas fraudes. Eles aumentaram o nível de segurança do app do Caixa Tem e aumentaram o pente fino da Dataprev.

A Controladoria Geral da União (CGU) também está analisando periodicamente cada uma das contas do projeto. Por isso, milhões de pessoas acabaram tendo um bloqueio no benefício nos últimos meses. Apenas uma parte conseguiu retornar.

Auxílio Emergencial

De acordo com o Ministério da Cidadania, que é a pasta que responde pelo programa, o Auxílio Emergencial atende hoje algo em torno de 35 milhões de pessoas. Esse número inclui, portanto, os informais e os usuários do Bolsa Família.

Além disso, sabe-se também que o valor dos pagamentos variam entre R$ 150 e R$ 375 a depender de quem recebe a quantia. No caso das mães chefes de família, por exemplo, elas recebem esse patamar maior.

Oficialmente o que se sabe é que o programa em questão vai seguir fazendo pagamentos até o próximo mês de outubro. Só que uma ala do Palácio do Planalto já está trabalhando para tentar aplicar uma nova prorrogação ao benefício.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.