Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.2/5 - (20 votes)

Auxílio Emergencial: 8ª parcela de até R$375 terá liberação em janeiro?

Atenção, brasileiros! O que se sabe neste momento é que o Congresso Nacional recebeu um Projeto Lei do Governo Federal solicitando a liberação de R$ 2,8 bilhões para viabilizar mais uma parcela do Auxílio Emergencial. Entretanto, conforme informado aqui no site, a proposta ainda não foi liberada.

8ª parcela do Auxílio Emergencial

A solicitação do Governo Federal chega no mesmo momento em que o Congresso já está discutindo a aprovação da PEC dos Precatórios, a fim de disponibilizar recursos para o Auxílio Brasil. Portanto, a prioridade é continuar analisando a proposta já em andamento.

O Auxílio Emergencial foi encerrado em outubro para dá espaço para o novo programa de transferência de renda, iniciado em novembro. Todavia, cerca de 22 milhões de beneficiários do coronavoucher ficaram desamparados pelo Governo Federal.

Acontece que o Auxílio Brasil tem o foco de atender somente as famílias em condição de pobreza e extrema pobreza, sendo as 14,6 milhões antes atendidas pelo Bolsa Família já transferidas para o novo programa.

Além disso, a expectativa é que apenas 2,4 milhões de famílias sejam incluídas no Auxílio Brasil, podendo ser, inclusive, beneficiárias do Auxílio Emergencial, mas desde que se encaixem nos critérios de elegibilidade no novo projeto do Governo Federal.

Contudo, caso a nova proposta enviada ao Congresso Nacional seja aprovada, será possível iniciar os pagamentos da 8ª parcela do Auxílio Emergencial. Todavia, não se sabe se isso ocorrerá ainda este ano, o que complica ainda mais a situação uma vez que o próximo ano será eleitoral.

Novo auxílio emergencial com valor de R$600 em mais 6 parcelas

auxílio emergencial no valor de R$600 acontecerá em mais seis parcelas. A liberação acontecerá para famílias em situação de pobreza, extrema pobreza e insegurança social. No entanto, nem todos podem receber o benefício. Veja, a seguir, quem poderá receber.

De acordo com informações do programa, o novo auxílio terá valor de R$600 e será distribuído em 6 parcelas mensais. Os valores consecutivos de R$ 100.

É importante destacar que o valor de R$100 será concedido para cada família com estudante matriculado na rede municipal de educação, disponibilizado até a regularização da oferta da alimentação escolar.

Mas não é isso, o valor de R$ 600 será concedido por família em situação de pobreza (com renda familiar mensal per capita de R$ 89,01 a R$ 178), disponibilizado em seis parcelas mensais e consecutivas de R$ 100.

Além disso, será pago R$ 1.200 por família em situação de extrema pobreza (renda familiar mensal per capita até R$ 89), disponibilizado em seis parcelas mensais e consecutivas de R$ 200.

3.2/5 - (20 votes)
20 Comentários
  1. Joelma do Socorro Gonçalves do Nascimento Diz

    Meu nome é Joelma do Socorro Gonçalves do Nascimento não errecebi nem uma parcela do auxílio emergencial ainda fiquei 10 meses sem arreceber o bolsa família errecebia apenas 89:00 reais eu preciso muito desse auxílio emergencial

  2. Gilvania Souza Diz

    Tenho 1 filho e sou mãe solteira estou desempregada não consigo emprego de jeito nenhum peço que me ajudem

  3. Genessi da Rocha Diz

    Eu vi fazer 60 anos não tenho nem uma renda emprego com essa idade e difice

  4. Rose mara Galvão Rodrigues Diz

    Tomara mesmo que caia estou precisando muito tbm

  5. Euripedes de Souza Diz

    Eu estou algum tempo sem registro esse dinheiro estava mim ajudando muito mais nois somos pobres não temos direito a nada… nunca vi uma coisa que ajuda o pobre ser mais falanda …esse povo q dinheiro pra q gente sem palavras

  6. Carlos Alberto Lourenço Diz

    É com certeza se o auxílio fosse pago continuamente a todos os cidadãos que realmente estam precisando teríamos um Natal diferente com famílias que poderiam está unidas e felizes nesse momento tão difícil ao qual está vivendo o nosso país, com os alimentos de preços absurdos onde nós não podemos abastecer nossa dispensa, nossa casa, e colocar em nossa mesa uma refeição digna ou que posso dizer Deus todo poderoso nós ajude nessa hora, que ele fortaleça a nossa fé nesse momento e eu desejo a todo o cidadão brasileiro independente de sua crença que a paz de Jesus Cristo esteja no coração de cada um e a mão de Deus esteja sobre nossa nação.

  7. Leniralacortepedroso Diz

    Minuto.obrigdo.por.todos.os.beneficios.pago.pra.nos.ate.agra.Deus.lhe.abencoe.irmalenira.irmao.celso.jundiaisp

  8. Maria Sandra Gonçalves Dias nome da minha mae Diz

    Boa noite meu nome ê Michelle sou sogra da maria Sandra Gonçalves dias nao entendo nd ela temm prolrema visual estar no data prev que ela consta no bolsa família e nao recebe nd mora sozinha pelo amor de deus ajudemm ela eu nao tenho condições..ela temm varios prolremas de saude

  9. Denilson Domingos Diz

    Bandidagem da milicaiada vagabunda safada e ladrão dinheiro público é pra ser distribuído para a população e não enfiar no rabo de banqueiros ladrões !

  10. Susana sena Diz

    Sou de idade tenho 61 anos o auxilio me ajudava não sou aposentada passo dificuldades é uma pena que o governo não vê isso que mtas pessoas precisa de ajuda

  11. Eunice Teixeira Bonfim Diz

    Este dinheiro ajuda muito não só a mim a várias pessoas

  12. Gisleni albuquerqui Silva Diz

    Eu quero muito receber o auxílio emergencial porque eu tenho três filhos eu não trabalho

  13. Gisleni albuquerqui Silva Diz

    Eu preciso receber o auxílio emergencial tenho três filhos e eu não trabalho por isso quero receber novamente o auxílio emergencial

  14. Odair apreciado moreira Diz

    Odair apreciado moreira

  15. Rosemeire aparecida Ribeiro da Silva Diz

    Como oitava parcela nós estamos em janeiro de 2022 muitos nem teve natal e nem ano novo porquê tiraram o auxílio emergencial eu acho isso muito injusto e uma falta de respeito com a humanidade tem gente que nem comida tinha para comer no natal passaram em branco eu falo por eu sei eu tenho pouco mais o pouco que eu tinha dividi com os moradores de ruas fiz Marmitex e sai distribuindo porque o governo e o presidente pouco se importou com essas pessoas que não tinha o que comer e ainda tiraram o auxílio agora vem falar da oitava parcela e ainda nem se sabe se vai ter nos que não temos o pouco que tem eu dividi minha comida para as pessoas que estava sem comer no natal e no ano novo e claro o presente e o governo tem oque comer e come do bom e do melhor porisso que estão pouco se importando com as pessoas na hora de querer votos da gente há isso quer mais na hora de fazer alguma coisa para a população ninguém quer fazer poxa vamos ter mais amor ao próximo

  16. Walter rosa ferreira Diz

    Walter rosa ferreira

  17. Ramiro pinheiro Diz

    Me ajudem

  18. Jeckson Diz

    83998141834

  19. Pedro Almeida de Oliveira Diz

    É brincadeira quase 30% da população brasileira passando fome, e esse tal de Bolsonaro vem com essa mixaria, chamando essa esmola de ajuda, chega desse cara, dia 02 de Outubro tá chegando legal, e você cara vai sofrer a pior derrota de toda a sua vida, ninguém da sua família vão conseguir se reelegeram.
    Fora Bolsonaro

  20. Karla Diz

    Bom dia
    Tomara que o auxílio seja depositada essa Oitava parcela, me ajudaria muito, e muitas pessoas que precisam também..
    Ajudaria muito na compra do gás..

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.