Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio Emergencial: 17 milhões ficarão sem parcelas; Entenda!

Mais de 17 milhões de beneficiários que começaram a receber o auxílio emergencial a partir de maio podem não receber todas as parcelas.

De acordo com a equipe econômica, nenhum pagamento será feito no ano que vem. Portanto, os beneficiários receberão os valores em 2020. O total de beneficiários chega a 67,7 milhões.

A suspensão do pagamento pode se tornar um alvo de judicialização e pode gerar um passivo para a União, caso as famílias busquem todas as parcelas a que teriam direito se tivessem sido aprovadas antes. Problemas técnicos do sistema e erros nos cadastros levaram muitos trabalhadores a serem rejeitados, o que atrasou a aprovação do benefício.

De acordo com dados do Ministério da Cidadania, quase 900 mil beneficiários começaram a receber as parcelas em agosto, quando o prazo do cadastro já  havia findado.

Ainda, Dados do Painel Interinstitucional de dados abertos sobre o coronavírus, criado pelo Conselho Nacional de Justiça, apontam 140 mil ações judiciais relativas ao auxílio emergencial. Atualmente, é considerado o assunto mais demandado, com um total de quase 200 mil ações apresentadas.

O painel é resultado da integração de dados de alguns órgãos do Judiciário, como CNJ, Ministério Público Federal, Advocacia-Geral da União e Defensoria Pública da União.

De acordo com a DPU (Defensoria Pública da União), existe a possibilidade de surgir uma nova onda de judicialização. “Soa bastante injusto que as pessoas que receberam benefício tardiamente sejam prejudicadas por conta disso, já que não houve erro delas”, informa o defensor nacional de Direitos Humanos, Atanasio Darcy Lucero Júnior. “Parece haver uma tendência muito grande de judicializar para garantir que haja o pagamento de todas as parcelas”, conclui.

Auxílio até dezembro

O presidente Jair Bolsonaro anunciou a prorrogação do auxílio emergencial por quatro meses no valor de R$ 300. A extensão do auxílio foi oficializada por meio de medida provisória e terá que ser aprovada por deputados e senadores no Congresso Nacional.  

“Não é um valor o suficiente muitas vezes para todas as necessidades, mas basicamente atende. O valor definido agora há pouco é um pouco superior a 50% do valor do Bolsa Família. Então, decidimos aqui, até atendendo a economia em cima da responsabilidade fiscal, fixá-lo em R$ 300”, disse Bolsonaro. 

Neste ano, o Executivo depositou cinco parcelas de R$ 600 para os beneficiários do auxílio, visando ajudar os brasileiros de baixa renda, trabalhadores informais, MEIs, autônomos e desempregados.   

O presidente Jair Bolsonaro já havia informado sobre a redução do valor do benefício e argumenta que, se o valo pode parecer pouco para os brasileiros afetados pela pandemia, “é muito para quem paga, no caso, o Brasil”.  

De acordo com cálculos feitos pela equipe econômica, o custo mensal do benefício foi de R$ 50 bilhões por mês durante a primeira fase do programa. 

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
29 Comentários
  1. Márcia Figueiredo leles Diz

    Sou do bolsa família recebir o emergencial até agosto foi indeferido dizendo o governo federal que resido no exterior a 12 meses,moro no interior da Bahia isso foi um grande erro tentei contestar mais não tive opção pela dataprev é também em nenhum canal quando tentei fazer a constentaçao dava erro no envio assim acabou o direito de contestar e fiquei sem receber.

  2. Edna maria goncalves vieira Diz

    Tem que estender esse auxílio cuido da minha mãe 71 anos viúva eu tenho 53 anos não tenho emprego e nao posso trabalhar fora pois cuido da minha mãe infarto tem 3 ponte safena como vou fazer agora sem auxílio pós o que minha mãe recebe mal da pra comprar remedios e comida pra casa sem auxílio como pago energia e aluguel

  3. José Victor. ,dos Santos Diz

    Recebi 6 parcelas. Tenho. Direito. Mais. Quantas,…..!! Como. E. Que eu u faço. Para me escrever. No programa. Único…??

  4. Marion da Silva vargas Diz

    Tenho 62 anos sou viúva meu esposo faleceu 2019 nunca na minha tive renda fica sou informal depois. da morte do meu esposo passei muita dificuldade esse tenho dois netos que moram comigo menores pela primeira vez na minha vida tive apoio desse governo agradeço de todo meu coração esse Presidente que escancarou as portas a essa nação indiscriminadamente a todos que precisam de socorro Deus abençoe nossa nação

    1. Dani Sperber Diz

      Desejo que seus netos sejam cidadãos abençoados. A gente ainda está passando pela pandemia. Então não esqueçam de usar máscara e álcool gel quando não puder lavar as mãos com frequência. PREFEITOS TOMEM CONTA DESSA GENTE!!!!!

    2. Levi Ribeiro dos santos Diz

      Como faço contestar via DPU esprica como faço estou tentando faz tempo

  5. Luiz pessoa dos santos Diz

    Porque prometeram pagar o auxílio extensão e não pagaram, recebi 5 parcelas e detergente dizem que o meu auxílio emergencial extensão não foi aprovado, isso e corvadia estou desempregado a 7 anos e não tenho nenhuma renda

  6. Genivaldo Gonçalves dos Santos Diz

    Eu recebi 5 parcelas até agosto, depois me bloquearam e cancelaram dos a contestação acredito que em dezembro volte o meu auxilio emergencial. Assim espero

  7. Rosana Diz

    Não recebi nenhuma parcela de 300.e não me dão nenhuma justificativa, não tem nem como reclamar.

  8. Maria zilanda Diz

    Eu recebi apenas as duas primeiras parcelas, depois fiquei em avaliação até hoje, diculpas deles grupo familiar recebe mais de três salários mínimo, a se eu recebesse pelo menos 1 real por mês, quanto mais meio salário, eles nem se quer avalia agente, pra ver se estamos falando a verdade. Agora é assim os mortos recebem no lugar dos vivos há que brasilllllllllllll!

  9. ROGERIO AGUIDO SILVERIO DA COSTA Diz

    Eu já fiquei três vezes em análise,eles alegando que meu ganho mensagem seria de mais de 3 salários mínimos,se eu ganhasse 3 salários mínimos por mês,jamais tiraria da boca daquele que precisa,primeiro por que não sou egoísta e muito menos desumano,igual o governo.

  10. Mônica cândido Silva Diz

    eu acho q se tem o cadastro das pessoas q estão demoregadias ou não tem nenhuma renda deveria continuar
    mais…. infelizmente tem gente recebendo e fazendo churrasco e outras coisas
    o pessoal d loas coitados… d uma certa forma contribuíram trabalhando informalmente . são tmbm prejudicado.

  11. Lúcia Helena stein Guedes Diz

    Não sou beneficiária desse auxílio só me solidarizo com milhares de pessoas que estão precisando e nada foi facilitado para que estas pessoas pudessem receber eu quero ver se tivesse faltando comida na mesa de vocês autoridades competentes que podem fazer algo olhem pelos mais nessecitados ajudem este povo facilita as coisas façam um Brasil mais justo está nas mãos de vocês governem para todos vamos acabar com tanta desigualdade.

  12. Lenise Costa Diz

    Só recebi 4 parcelas do auxilio emergencial. Depois foi suspenso sobre a alegação que estava algo errado .Como o errado?Sou autônoma,dou banca e com essa pandemia fiquei sem alunos.Não tenho outro meio de me sustentar. Estou vivendo de favor de pessoas pois o que tinha direito de receber resolveram suspender. Ficou 3 meses em Análise e agora está em avaliação! Estão esperando expirar o prazo que eles deram,para não pagar o dinheiro que é nosso ,de direito .Só quero o que tenho direito de receber. Só quero vê quando eles vão terminar de avaliar!

  13. Lenise Costa Diz

    Só recebi 4 parcelas do auxilio emergencial. Depois foi suspenso sobre a alegação que estava algo errado .Como o errado?Sou autônoma,dou banca e com essa pandemia fiquei sem alunos.Não tenho outro meio de me sustentar. Estou vivendo de favor de pessoas pois o que tinha direito de receber os sabidinhos resolveram suspender. Ficou 3 meses em Análise e agora está em avaliação! Estão esperando expirar o prazo que eles deram sabidamente para não pagar o dinheiro que é nosso ,de direito .Só quero o que tenho direito de receber. Só quero vê quando eles vão terminar de avaliar!

  14. Lenise Costa Diz

    Só recebi 4 parcelas do auxilio emergencial. Depois foi suspenso sobre a alegação que estava algo errado .Como o errado?Sou autônoma,dou banca é com essa pandemia fiquei sem alunos.Nao tenho outro meio de vida. Estou vivendo de favor de pessoas pois o que tinha direito de receber os sabidinhos resolveram suspender. Ficou 3 meses em Análise e agora está em avaliação! Estão esperando expirar o prazo que eles deram sabidamente para não pagar o dinheiro que é nosso ,de direito .Só quero o que tenho direito de receber. Só quero vê quando eles vão terminar de avaliar!

  15. VINICIUS DO ROSARIO SILVA Diz

    Boa tarde galera meu auxílio emergencial foi cancelado entendeu aí eu queria saber por que meu filho foi cancelado entendeu que não trabalho não tenho renda não tenho nada meu filho foi cancelado desde agosto que tá cancelado sem motivo nenhum que não tem o rabo não tenho renda não tenho nada meu filho foi cancelado viu e vocês não olharam ainda para milhões pessoa por favor dê uma resposta nós que nós tá precisando muito desse dinheiro entendeu desde agosto só recebi 4 parcelas é assim quando eu recebi nem ainda assim que parcela entendeu ainda tô numa esperança que vai dar tudo certo como funciona Jesus e você estiver olhando por favor me ajude eu precisar muito de dinheiro a ver foi erro de vocês se vocês bloquearam depois cancelou entendeu eu não tenho ela não tenho nada você bloquear entendeu eu quero uma resposta quero uma resposta porque não gosto de emergênci Out avaliações e não dá pé tá cancelado no 111 parcela de antes é nudes nenhuma resposta para nós todos por favor dê uma resposta para nós todos de uma olhada aí no meu Entendeu eu não preciso muito de dinheiro libere por favor eu peço a vocês tá chegando em dezembro e nada nenhuma resposta para nós

  16. Keke Diz

    Recebi 7 parcelas fui receber ontem é nada sou chefe de família tenho filho pra cuidar esse dinheiro tava ajudando muito só q ontem foi uma facada pra mim como vou fazer agora

  17. Miriam de moura Diz

    Vergonha total deixou de pagar as parcelas pra gente humilde e tem nego bom do dinheiro recebendo uma

  18. Rosangela Diz

    Até agora não vi falar dos 300 porque uns vão receber é outros não injusto todos temos direito isto nos revolta MUITO o auxílio não deve acabar este auxílio deveria ser pago como renda pra população bem antes como ajuda as pessoas carentes agora estamos desempregados e esperando pra ver se nos consegue este auxílio pra pagar uma luz água e algo pra casa mas está uma vergonha

  19. PAULO PEREIRA DA SILVA Diz

    Eu recebi a primeira parcela é não recebi nada mais recorri na defensoria pública da União até hoje não tiver resposta

  20. Ronilda Diz

    Não acabe auxílio emergêncial nao

  21. Luiz Carlos de souza Diz

    e uma vergonha esse presidente

  22. Manoela Diz

    Desde a primeira parcela sempre recebir normal, somente agora em outubro é que não conseguir receber mas.

  23. Rosangela Ferreira da Silva Diz

    Minha irmã não recebeu $ 300,00 este mês de novembro. Só $ 89,00. Desempregada.

  24. NELIA maria Siqueira Diz

    Eu recebim a têm quarta pacelas mais estou em análises primeira foi em maio

  25. Albert Diz

    Minha primeira parcela foi em setembro, recebi duas parcelas até agora.

  26. Rosimar de Paula Fernandes Diz

    Eu peso que o auxílio emergêncial não acabe em dezembro porque a pandemia está continua e as portas de emprego está se fechando como cuidaremos dos filhos da casa as nossas obrigações se não temos condições

    1. Sulemar Diz

      Meu auxílio extensão foi reprovado, enquanto tem gente recebendo sem necessidade eu estou desempregada e tenho dóis filhos e não recebi.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.