Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4/5 - (3 votes)

Auxílio Brasil: ainda não dá para saber quem vai receber em janeiro

Governo Federal ainda não divulgou a métrica para decidir quem vai receber o Auxílio Brasil no próximo mês de janeiro

O Governo Federal começou na última semana os pagamentos do seu novo Auxílio Brasil. De acordo com o Ministério da Cidadania algo em torno de 14,5 milhões de pessoas estão recebendo o benefício neste momento. Os valores já são turbinados. Ninguém está recebendo menos do que os R$ 400.

De qualquer forma, agora todo mundo já está de olho no que vai acontecer em janeiro. Esse promete ser um mês decisivo para o programa. É que, de acordo com o Governo Federal, cerca de 2,4 milhões de pessoas poderão entrar no benefício. Agora resta saber quem serão esses brasileiros que terão essa possibilidade.

Pelo que se sabe até aqui, o Governo Federal não tem espaço no orçamento para inserir todo mundo que tem direito ao benefício. Dessa forma, entende-se que alguns milhões de pessoas poderão acabar ficando de fora do programa também em janeiro. E ainda não dá para saber quem serão elas.

Como não há espaço para todo mundo, o Governo Federal vai ter que criar métricas para definir quem, entre as pessoas que possuem o direito, vai poder entrar no programa. Só que essas preferências ainda não estão muito claras. Pelo menos até o momento exato da publicação deste artigo na tarde desta segunda-feira (13).

Uma forte possibilidade é a de que o Governo vai dar preferência para as pessoas que já estão na fila do Bolsa Família. De acordo com o Consórcio Nordeste, cerca de 2,4 milhões de brasileiros estão nesta situação. Caso o Planalto opte por dar preferência para eles, esses seriam os primeiros a entrar em janeiro.

Como está a situação hoje?

Hoje o que se sabe é que o Governo Federal está atendendo cerca de 14,5 milhões de brasileiros. Nesta segunda-feira (13), por exemplo, é a vez daqueles que possuem o Número de Inscrição Social (NIS) terminando em 2.

Neste primeiro momento, apenas as pessoas que já estavam no Auxílio Brasil em novembro é que estão podendo repetir a dose agora. De acordo com o próprio Ministério da Cidadania, eles nem precisaram fazer qualquer tipo de inscrição. A passagem foi automática.

E o pessoal que perdeu o Auxílio Emergencial

Muita dúvida existe também em relação ao pessoal que acabou perdendo o Auxílio Emergencial. Esse programa chegou a atender este ano algo em torno de 39 milhões de pessoas. Ele chegou ao fim ainda no último mês de outubro.

Nas redes sociais, muita gente está pedindo para que o Governo Federal prorrogue os seus pagamentos por pelo menos mais algum tempo. No entanto, membros do Palácio do Planalto seguem dizendo que uma prorrogação não será necessária.

Vale-gás não é para todo mundo

Uma outra saída para as pessoas que não estão conseguindo entrar no Auxílio Brasil é tentar uma vaga no vale-gás nacional. Mas aí essa tarefa parece ser ainda mais complicada. Pelo menos é isso que dá para tirar do decreto do programa.

É que de acordo com o Governo Federal, esse dinheiro do vale-gás também vai basicamente para as pessoas que já recebem o Auxílio Brasil. Então muito provavelmente quem não recebe nada agora vai seguir sem receber o benefício também.

4/5 - (3 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

3 Comentários
  1. Christofer Diz

    Eu não consigo me cadastrar no auxílio Brasil e preciso muito do dinheiro

  2. RosanaMariaAntunes Dias Alves Diz

    Estou muito triste ,tenho 62 anos baixa renda, moro sozinha renda 200,00 e pago uma conta de luz e mal dá pra comer . Ficaria muito feliz se eu recebesse o auxílio Brasil . Sou cadastrada no CAD Único. Cuiabá MT

  3. Simone Gonçalves jardim Diz

    Sou cadastrada no a
    uxílio Brasil
    E não recebo até hoje

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.