Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

FGTS: Quase 10 milhões de pessoas vão usar dinheiro para pagar dívidas

Quase 10 milhões de brasileiros, cerca de 38% dos que pretendem utilizar o FGTS vão usar o dinheiro para quitar dívidas


De acordo uma pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), quase 10 milhões de brasileiros, cerca de 38% dos que pretendem utilizar o recurso liberado do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), vão usar o dinheiro para quitar dívidas. De acordo com o relatório, 45% dos beneficiários têm interesse em fazer o saque, que começou na última sexta-feira, 13 de setembro.

A pesquisa realizadas pelas instituições entrevistou 800 consumidores de ambos os sexos, de todas as classes sociais e acima de 18 anos em 12 capitais. Juntos, os entrevistados somam aproximadamente 80% da população brasileira. A margem de erro é de no máximo 3,4 pontos percentuais para um intervalo de confiança de 95%.

De acordo com a pesquisa realizada, 33% dos entrevistados devem guardar ou investir o dinheiro sacado. Pelo menos 24% vão usar o recurso em despesas básicas do dia a dia e 17% pretender fazer compras em supermercados. A pesquisa revela ainda que 13% pretendem fazer compras de produtos e serviços e 10% querem antecipar o pagamento de compras que não estão em atraso.

Em relação às dívidas que o beneficiário pretende quitar, o cartão de crédito é o mais citado (42%) na pesquisa. Em seguida aparecem pagamentos de contas de telefone (20%), contas de luz (18%), água (16%), empréstimos bancários (16%) e empréstimos com parentes ou amigos (16%). De acordo com o relatório, 42% dos beneficiários das contas do FGTS têm dívidas que não superam R$ 1 mil.

De acordo com o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior, a liberação do saque do FGTS é importante para aquecer a economia, pois, mesmo que grande parte dos recursos seja direcionada para sanar dívidas, isso recuperará o crédito dos consumidores.

“Esse dinheiro poderá ser utilizado nas obrigações mais urgentes do consumidor, como limpar o nome ou para necessidades do dia a dia. Livre das dívidas, o consumidor poderá retornar ao mercado de crédito, reaquecendo as vendas no varejo”, estimou Pellizzaro em nota.

Atenção, trabalhadores! Teve início na sexta-feira, 13 de setembro, os saques de até R$500,00 das contas ativas ou inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). De acordo com o banco, os saques já podem ser feitos para quem nasceu em janeiro, fevereiro, março e abril.

Para facilitar a vida dos trabalhadores, as agências da Caixa Econômica Federal vão abrir aos sábados e também haverá atendimento estendido em várias localidades do país. O pagamento segue até 31 de março de 2020.

Vale lembrar que entre os dias 16 e 20 de setembro, as agências da CEF vão ter um horário de funcionamento especial, abrindo duas horas mais cedo. Essa medida não é válida para todas as agências do país. Por isso, o cidadão deve consultar a lista das agências que funcionarão aos sábados no site.

De acordo com o calendário, as agências funcionarão aos finais de semana, nas seguintes datas:

Setembro: dias 14 e 28;

Outubro: dias 19 e 26;

Novembro: dias 09 e 23; e

Dezembro: dias 7 e 21.

De acordo com o governo, o trabalhador pode sacar de todas as contas do FGTS que possuírem, sejam de contas ativas (emprego atual) ou de contas inativas (empregos anteriores).

Por exemplo, se o trabalhador tiver duas contas, uma com saldo de R$ 2.000 e outra com R$ 3.000, ele poderá sacar R$ 500 de cada uma delas. Se tiver R$ 70 na conta, poderá retirar o valor total.

O governo informou que quem tiver conta poupança na Caixa, o depósito será feito automaticamente. Os correntistas que não desejarem sacar os valores deverão informar ao banco – eles terão até 30 de abril de 2020 para solicitar o desfazimento do crédito ou a transferência do valor para outra instituição financeira.

Calendário para quem tem conta poupança na Caixa

  • Aniversário em janeiro, fevereiro, março e abril: 13 de setembro de 2019
  • Aniversário em maio, junho, julho e agosto: 27 de setembro de 2019
  • Aniversário em setembro, outubro, novembro e dezembro: 9 de outubro de 2019

Calendário para quem não tem conta poupança na Caixa

  • Aniversário em janeiro: 18 de outubro de 2019
  • Aniversário em fevereiro: 25 de outubro de 2019
  • Aniversário em março: 8 de novembro de 2019
  • Aniversário em abril: 22 de novembro de 2019
  • Aniversário em maio: 6 de dezembro de 2019
  • Aniversário em junho: 18 de dezembro de 2019
  • Aniversário em julho: 10 de janeiro de 2020
  • Aniversário em agosto: 17 de janeiro de 2020
  • Aniversário em setembro: 24 de janeiro de 2020
  • Aniversário em outubro: 7 de fevereiro de 2020
  • Aniversário em novembro: 14 de fevereiro de 2020
  • Aniversário em dezembro: 6 de março de 2020

Leia Também:

top planilha
4 Comentários
  1. Fagner Gonçalves Diz

    Lógico esse governo que governa pros ricos,fica difícil pros q ganham salário mínimo infelizmente os classes médias se tornarão baixa e os classes baixas se tornarão miseráveis

  2. Tarciana Rodrigues de Freitas Diz

    Tenho conta poupança mais não consegui saquear o meu FGTS

  3. Bruno Diz

    Quitar dívidas kkkkk 500 reais não dá nem pra sentir o cheiro da primeira dívida , voces político são uma palhaçada , tomara q se lasquei tudo cambada de FDP país de bosta

    1. Fagner Gonçalves Diz

      Pais de bosta que colocou um filho da puta no governo q só pensa nos militares e no seu próprio umbigo tira dos pobres trabalhadores pra pra dar pra essa cambada de sangues-sugas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.