Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

O Impacto do Covid-19 nos pequenos negócios

O impacto da Covid-19 tem afetado principalmente os pequenos negócios, e em 14 segmentos tem sido maior no Brasil.

Considera-se que alguns desses segmentos, serão mais afetados, em torno de 13 milhões de pequenos negócios, que empregam 21,5 milhões de pessoas, segundo dados do Sebrae.

Os Estados do País mais afetados

Uma estimativa estadual do Santander com base em dados da GetNet, em abril as empresas de varejo tiveram uma queda estimada de 53% com variação regional.

Sergipe com uma queda de (-18,9%) e Mato Grosso com (-27,5%), foram os menos impactados economicamente.

Enquanto que Piauí (-88,7%), Paraíba (-83,8%) e Rio Grande do Norte (-81,9%) tiveram as quedas mais expressivas.

Efeitos do Covid-19 nos Pequenos Negócios

Na pesquisa realizada pelo Sebrae com mais de 6 mil empresários, contatou-se que no comércio varejista o pequeno negócio tem sofrido mais, registrando queda de 69% com relação a uma semana normal de funcionamento.

Devido a leve queda de consumo, devido o desemprego e redução da renda, as pessoas estabilizaram seu consumo.

Porém, o comércio eletrônico e delivery continuaram a crescer, fazendo com que muitas empresas migrassem para o mundo digital.

Dicas de como enfrentar a crise

Mesmo com a loja física fechada, é importante adaptar as vendas para a entrega direta ou delivery.

Conversamos com a Gislaine O., ela tem um comércio de docas e salgados, bolos de pote e açaí, e ela nos confirmou que diante a toda essa crise, implementou em seu negócio o sistema delivery para não perder seus clientes e nem suas vendas.

Criou inclusive perfis no facebook e Instagram para divulgar ainda mais a sua marca.

Por mais que o empreendedor precise fechar a loja física, ele deve manter esse contato com o cliente pelos canais digitais.

Algumas empresas optaram por vale produtos (vouchers), o cliente compra antecipado, disponibilizando um crédito para ele na aquisição de produtos.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

Aproveitar-se dos feriados comemorativos como Dia dos Namorados, Dia das Mães, Dia dos Pais, também é uma opção.

Cestas, kits de presentes com entrega na casa da pessoa, são algumas dicas que podem ser implementadas no seu negócio, caso ainda não ofereça esse tipo de serviço.

Segundo esses dados obtidos pelo Sebrae e Cielo, apesar do distanciamento, o consumidor tem mantido hábitos de consumos ligados às datas comemorativas.

São alternativas para o pequeno empreendedor não se sentir tão desamparado e desesperado diante desse quadro das quedas de vendas.

Lembrem-se, a situação pede inovação!!!

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?