Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Mães adolescentes podem pedir auxílio emergencial a partir de hoje

Novidade foi disponibilizada neste sábado, 30 de maio

A partir deste sábado, 30 de maio, mães com menos de 18 anos de idade podem pedir o auxílio emergencial. O benefício paga R$ 600 em três parcelas, ou R$ 1.200, nos casos de mães chefes de família.

A novidade sobre mães adolescentes ficou disponível na 16ª versão do aplicativo Caixa Auxílio Emergencial e foi liberado neste sábado. A extensão do benefício foi incluída pelo Congresso recentemente e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro dia 15 de maio. Os cadastros para tentar receber o auxílio seguem abertos para todos os cidadãos e podem ser feitos no aplicativo ou site oficial.

Na tarde deste sábado, Tatiana Thomé, vice-presidente de Tecnologia da Caixa, deu entrevista coletiva e explicou mais sobre a novidade. A mãe adolescente precisa cadastrar pelo menos dois membros da família, ou seja, ela mesma e mais um filho, no mínimo. Se a mãe adolescente fizer parte de uma família maior, com membro que já recebe o auxílio emergencial, será necessário fazer cadastro compatível com o do outro membro.

Não é possível fazer o cadastro de mães grávidas, já que o aplicativo pede o CPF do filho. Ao entrar no site ou aplicativo, a mãe deve digitar seu nome completo, número de CPF, nome da mãe e data de nascimento. Os dados devem condizer com o que está cadastrado na Receita Federal. Se o referente não conhecer a mãe, há a opção “mãe desconhecida”.

Com o cadastro feito, os dados são enviados à Dataprev. A empresa verifica as informações em 17 bases de dados para verificar se a requerente se enquadra nos requisitos. O andamento pode ser verificado no site e aplicativo.

Leia Também:

brasil 123  
2 Comentários
  1. ANDREA VIEIRA Diz

    Como faço pra fazer cadastro compatível com o do outro membro, ja que o outro membro está no cadastro unico? Quando finalizo a inscrição da que a menor esta no cadastro unico. O da mae dela no caso. Como faço?

  2. Angel Diz

    Uma pessoa me contou q mora prox a una biqueira (ponto de drogas) viu uma jovem comprando maconha e dizendo que ia comprar a droga com o dinheiro do auxilio que tinha “cantado” na conta dela.Eu nao daria. Pra menores, pq sao maes, nem pensar. Essas criancas geralmente quem cria sao as avos….nem vou falar tudo ..deixa pra la’

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?