Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio de R$600: Caixa CONFIRMA R$ 60 bilhões pagos

O valor leva em conta o que foi pago nas primeiras e segundas parcelas para os beneficiários.

A Caixa Econômica Federal (CEF) confirmou que, até agora, foram pagos R$ 60 bilhões para o auxílio emergencial. O valor leva em conta o que foi pago nas primeiras e segundas parcelas para os beneficiários.

De acordo com o banco, o total de 55,1 milhões de brasileiros receberam a primeira parcela do benefício. E 30,4 milhões receberam o pagamento da segunda parcela.

Do total de R$ 60 bilhões pagos, R$ 22,8 bilhões foram para beneficiários do Bolsa Família e R$ 11,7 bilhões foram para inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

O valor pago, até agora, para beneficiários que fizeram o cadastro pelo aplicativo ou pelo site oficial do auxílio emergencial foi de R$ 25,5 bilhões.

Ao todo, os cadastros para receber o auxílio atingiu o número de 101,2 milhões. Destes, 59 milhões foram considerados inelegíveis.

Quase 10 milhões continuam aguardando uma resposta e têm o cadastro ainda em análise: 4,9 milhões estão em análise e 4,8 milhões estão em reanálise, após o primeiro cadastro ter sido negado. Esse último grupo pode refazer o cadastro, agora com as informações corretas.

O auxílio emergencial foi criado pelo governo para ajudar trabalhadores informais, autônomos, desempregados e microempreendedores individuais (MEIs) durante a pandemia do novo coronavírus. O objetivo é que o valor ajude essa parcela dos brasileiros durante a crise causada pela pandemia.

O auxílio de R$ 600 será pago durante três meses e pode ser pago para até duas pessoas da mesma família. No caso de mães chefes de família, o valor de cada parcela é de R$ 1.200. O governo estuda prorrogar o tempo do auxílio, mas com cada parcela de valor menor que os atuais R$ 600.

Saiba quem pode receber o auxílio emergencial

O projeto altera uma lei de 1993, que trata da organização da assistência social no país. De acordo com o texto, durante o período de três meses será concedido auxílio emergencial de R$ 600 ao trabalhador que cumpra, ao mesmo tempo, os seguintes requisitos:

  • seja maior de 18 anos;
  • não tenha emprego formal;
  • não seja titular de benefício previdenciário ou assistencial, beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, ressalvado o bolsa-família;
  • a renda mensal per capita seja de até meio salário mínimos ou a renda familiar mensal total seja de até três salários mínimos;
  • que não tenha recebido em 2018 rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70.

O auxílio vai ser cortado caso aconteça o descumprimento dos requisitos acima. O texto também deixa claro que o trabalhador deve exercer atividade na condição de:

  • microempreendedor individual (MEI); ou
  • contribuinte individual do Regime Geral de Previdência Social que trabalhe por conta própria; ou
  • trabalhador informal, seja empregado ou autônomo, inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), até 20 de março de 2020, ou que se encaixe nos critérios de renda familiar mensal mencionados acima.

Desde já, a proposta estabelece que apenas duas pessoas da mesma família poderão receber cumulativamente o auxílio emergencial e o benefício do Bolsa Família, podendo ser substituído temporariamente o benefício do Bolsa Família pelo auxílio emergencial, caso o valor da ajuda seja mais vantajosa para o beneficiário. A trabalhadora informa, chefe de família, vai receber R$ 1.200.

Como pedir o auxílio

Os trabalhadores poderão solicitar o auxílio emergencial de R$600 das seguintes formas:

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

  1. O cidadão, enfim, no primeiro momento, deve acessar a página inicial oficial do site da Caixa (https://auxilio.caixa.gov.br/#/inicio);
  2. Dessa forma, na página seguinte, são mostrados os requisitos necessários para ter direito ao auxílio emergencial de R$600 a R$1.200;
  3. Após isso, o trabalhador informal deve preencher dados como nome completo, CPF e data de nascimento;
  4. Logo após, será necessário o preenchimento do número do celular para recebimento de um código de verificação por SMS;
  5. Assim chegar por SMS, o código de verificação deve ser colocado no campo “código recebido”;
  6. Após isso, o cidadão deverá informar a renda, o ramo de atividade (as opções oferecidas pelo sistema são Agricultura e Pecuária, Extrativismo/Pesca, Comércio, Produção de Mercadorias, Prestação de serviços, Trabalho Doméstico, Outros), estado e cidade;
  7. Em seguida, o trabalhador escolhe se quer receber em conta já existente ou criar uma poupança digital;
  8. O trabalhador poderá escolher se deseja receber o valor do auxílio em uma conta já existente ou criar uma poupança digital;
  9. Após informar a opção, trabalhador deve fornecer seu documento (RG ou CNH);
  10. Em seguida vêm os dados fornecidos pelo trabalhador;
  11. Em conclusão, na tela final, aparece o aviso de que o pedido do auxílio emergencial está em análise.

Veja também: Dois saques do PIS/PASEP são liberados com valor de até R$1.045

Leia Também:

brasil 123  
39 Comentários
  1. ANA CRISTINA DE ANDRADE LEAL Diz

    Triste mesmo,a falta de consideração com os menos favorecidos por parte do senhor presidente da República. Senhor Boçalnaro!

  2. William Diz

    Estou cadastrado desde o primeiro dia e até agora não consegui nem receber a primeira parcela, deram como aprovado o meu na semana retrasada e até agora nada, só no Brasil mesmo, quando eu morrer de fome eles vão pagar para outro usar

  3. Lucilene Diz

    Nasci em maio e minha segunda parcela não foi paga até hoje. E não tenho onde reclamar

    1. ANA CRISTINA DE ANDRADE LEAL Diz

      Quem recebeu? Ninguém! Abutres comendo a carne do povo que está quase na fase da putrefaçao de tanto esperar esse auxilio que seria pra ser emergencial, o próprio nome fala,porém é só o nome pois de emergencial não tem nada,é muito triste!

  4. Felipe Tostes Diz

    O meu cadastro até agora não foi aprovado só ficar no analise sério decepcionado🤦🏻‍♂️

  5. Aliane Correia Da Silva Diz

    Meu benefício da 1° parcela está programado para mim recebe dia 23/05 nas já estamos no dia 25/05 e até o momento no caixa tem fala que não há benefício disponível o que posso fazer pra está recebendo o benefício pois tenho duas crianças e essa e minha 1° parcela do benefício

    1. Renan Gomes de França Diz

      O meu foi aprovado e era pra mim receber dia 23/05 e até hj 25/05 não recebi.minha conta é na caixa poupança.bem mais prático do que conta digital e não conseguiram fazer o depósito.o que houve?

    2. Shirley Diz

      To na msm situação que vc, o meu pagamento tbm era 23/05 e até hj 25/05 nada , no site diz que o pagamento foi efetuado na minha conta mas até hj nada de dinheiro na minha conta liguei pro meu bando e não consta nada lá e mandou eu entrar em contato com a caixa que isso só eles pode resolver

  6. JOSECLEIDE FRANCISCO DA SILVA Diz

    Já depositárao a segunda parcela mas o que vai adiantar ser não podemos pegar o dinheiro, só podemos pegar dia 09/06 e fazer transferência .precisamos do dinheiro mãos.

  7. Raiane Quintino da Silva Diz

    A primeira parcela recebi sem problema, mas a segunda, não recebi até agora!!
    E sou do mês de abril!

    1. JOSECLEIDE FRANCISCO DA SILVA Diz

      Já depositárao a segunda parcela mas o que vai adiantar ser não podemos pegar o dinheiro, só podemos pegar dia 09/06 e fazer transferência .precisamos do dinheiro mãos.

      1. Greice Diz

        Meu marido foi aprovado e nem recebeu a primeira parcela ainda
        Ele é de agosto até agora nada

        1. Cláudio Diz

          Eu nasci e outubro era pra ter recebido a segunda parcela dia 10 segundo o calendário mas não foi liberado e agora quando sai ninguém fala nada

  8. Sandra Aparecida Pereira da Silva Diz

    Nossa eu preciso muito e está em análise desde do dia 23 de abril e eu e minha filha sem trabalho

    1. Daniel Diz

      Essa merda ainda ra em analise que raiva

    2. Wesley lima Diz

      Programado para receber dia 23/05 é só ilusão até agora..

  9. Luiz Felipe Diz

    Votei no bolsonaro, mas isso está uma bagunça generalizada.. hoje é o dia de receber a 1° parcela fui aprovado e ainda está em processamento.. falta de respeito desse presidente, eu perdi amigos e alguns familiares pararam de falar comigo por causa que o defendia nas discussões… sinceramente não vou mais defendê-lo ele que se foda.. pelo menos o PT não deixava na mão os benefícios sociais.

    1. Regina Torres Silva Diz

      Sou beneficiária do Bolsa família, recebi no mês de abril, mês de maio não foi creditado e ninguém informa nada. Site do ministério da cidadania impossível de conseguir atendimento através do 121. Logo para o 111 e consta que fui selecionada para receber as 3 parcelas. Bagunça generalizada!!!

  10. Renato Diz

    Os cara paga a segunda sendo que muita gente nao pegou a primeira, governo lixo nao faz nada direito, ate no paraguay um pais pobre ja pagou todos e nao ficou nessa enrrolacao.

    1. Silmara Felício Diz

      Pra minha filha que não foi. Previsão de pagamento dia 23 e até agora nada 😏 Já não chega a ansiedade de não ter uma previsão de normalização da vida, devido a baixa adesão a quaretena, ainda temos que ficar abrindo a conta do banco 10x ao dia, rezando para ter caído esse dinheiro que nunca nem vi. O meu está previsto para dia 28 e já aguardo a novela… Depois não querem fila nos bancos, já que os canais para tirar dúvidas não servem de nada

  11. Jefferson Luiz villas boas Diz

    Malditos governo, caixa e esse ministério da cidadania muitos de nós precisando desse dinheiro e nada. Eu estou esperando o auxílio emergencial desde o dia 7 de abril já estou na terceira análise e continua essa porcaria de análise que não acaba nunca !!! As contas chegando a comida vai acabando desse jeito é mais fácil a pessoa morrer ou pegar covid19 e mesmo assim nem vê a cor desse dinheiro governo ladrão esse país é uma vergonha é muita falta de respeito com o povo.

  12. Alexsandra Diz

    Sou beneficiaria do bolsa família e na 1° parcela recebi 1200 e ja na 2° só recebi 600 enquanto no aplicativo dataprev está aprovado 1200 ligo111 fala só que é 600 fui até a agência eles não sabe me informar.. Manda ligar no 121 esse nem existe … E os meus 600 ta perdido por aí … O que faço algue. Pode me orientar a quem recorrer

    1. Caroline dos santos Diz

      Meu auxílio foi aprovado a uns 10 dias atrás pela data de aniversário deveria receber terça feira amanhã mas até agora está em processamento o pagamento . Demora quantos dias pra vir o código após ser aprovado? Alguém já recebeu a primeira parcela dessa segunda remessa aprovada ?

    2. Solange Fátima de Souza Diz

      O meu também aconteceu a mesma coisa e ninguém resolve nada

  13. Adry Ávila Diz

    O dinheiro em uma conta digital 😠não consigo pagar nada no aplicativo não consigo comprar nada no mercado não consigo sacar o dinheiro só fica ali me olhando os $600 😭😭😭p que fazer isso com as pessoas???to muito mau😓

    1. Marcia Diz

      Bom dia vc tem que ir no caixa tem e fazer seu cadastro que seu dinheiro vai ta la

      1. Adriano Carvalho Diz

        Ainda não recebi a segunda parcela, pelo que percebi era pra ter recebido na sexta dia 22. Porém até agora nada. Quando sairá?

    2. Juliana Diz

      Vai na caixa lá eles gera um código e saca eu tbm sou de março mais o meu não caiu na conta fui lá hj pra saber só que ele disse que o meu só vai sair na segunda parcela que é terça feira que vem

  14. Juciara Diz

    O auxílio da minha mãe foi aprovado,para pegar a primeira parcela, ela faz aniversário em agosto seria dia 25 de maio,mais o pagamento esta em processamento se ela for na caixa econômica ela recebe???

  15. Cláudia Diz

    Bomdia não sei mais o que fazer meu pedido pra o auxílio foi feito dia7de abril e até agora estou em análise oque posso fazer pois sou sozinha e nO tenho mais que fazer para pagar minhas contas

  16. Kelly Diz

    O dinheiro na conta social, mas não posso sacar nem transferir até dia 08 de junho parece parece piada sendo que a pessoa está precisando!!

  17. Mailson Diz

    O meu ainda em análise

  18. Paulo Adriano Livramento Castro Diz

    Desde o dia que saiu eu não recebi nada tem mais de 8 anos de trabalho tenho 10 anos para mais trabalho e não ganhei um centavo como é que pode isso eu precisando de dinheiro e vocês dando dinheiro para quem precisa eu tenho seis filhos não tenho dinheiro votei no bolsonaro para quê Para nada Se alguém puder mandar essa mensagem para ele se puder me ajudar aqui estamos sem nada

  19. Fabrício Diz

    Bom dia por gentileza vc poderia me ajudar, minha solicitou o auxílio e foi aprovada, ela nasce em março e era pra receber no dia 21/05/2020 a primeira parcela, mas só q até agora não caiu nada na conta dela, vcs poderiam me ajudar pra eu saber oq aconteceu, obrigado.

    1. Marcia Diz

      Bom dia vc tem que ir no caixa tem e fazer seu cadastro que seu dinheiro vai ta la

  20. Whanderson Diz

    Bom dia preciso de uma informação, minha tia recebeu a segunda parcela, mas o dinheiro dela voltou e o cadastro dela desapareceu do site do governo, e quando ligo no 111 diz que o CPF dela esta com desconformidades.
    Oque fazer?

    #pedroguimaraes
    #saulomoreira

  21. Cleison Diz

    Engraçado é que eu fui aprovado o número 111 diz que minha primeira parcela e dia 22 de maio hoje é segunda dia 26 de maio e nem um real foi creditado na minha conta, isso se chama auxílio humilhação isso sim é ainda tem gente que aceita isso.

    1. Tricia Gabriela Dos Santos Diz

      Sou beneficiário do bolsa família também recebi a mensagem que tenho direito auxílio mas mesmo assim continua recebendo só o valor que que eu faço

      1. Paula Nascimento Diz

        Olá! Meu auxílio foi aprovado recentemente, e a data prevista para o primeiro saque foi dia 23/05/2020, nasci em Julho. Tenho conta poupança Conta Fácil, porém não foi depositado e qd olhei no Caixa Tem informa que não consta auxílio liberado. Não entendi nada! Como faço pra receber este dinheiro? A situação está difícil, eu e meu esposo desempregados e com os três filhos dele que moram conosco todos eles menores de 18. Como faço para receber este dinheiro?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?