Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Salvador adere a consórcio de vacinas

A lei que autoriza o ingresso de Salvador no consórcio de vacinas contra a Covid-19, organizado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), foi sancionada pelo prefeito Bruno Reis (DEM) na noite dessa terça-feira (9).

A matéria havia sido aprovada por unanimidade pela Câmara de Vereadores em sessão realizada hoje à tarde, em votação realizada menos de 24h após entrega do projeto ao presidente da casa legislativa, Geraldo Júnior, com presença também do líder do governo, Paulo Magalhães Jr.

“Essa lei vai nos permitir entrar nessa disputa para aquisição das vacinas, tão importantes neste momento. Não há nada mais importante do que a vacina. Vamos encaminhar agora para a Frente essa lei, que permite que Salvador integre formalmente o consórcio”, declarou Bruno Reis.

O chefe do Executivo municipal aproveitou para agradecer a todos os vereadores pela aprovação. “Estamos dando mais um passo importante hoje para que possamos adquirir as vacinas, de forma própria, para acelerar o processo de vacinação em nossa cidade”, completou.

Com a constituição do consórcio, previsto para acontecer no próximo dia 22, a intenção é reunir os municípios interessados na compra das doses da vacina contra o novo coronavírus, facilitando a aquisição de grandes quantidades com os laboratórios.

A medida, inclusive, considera a recente decisão do Supremo e do projeto de lei a ser aprovado na Câmara, que permite a estados e municípios a aquisição de doses diretamente dos fabricantes.

“Salvador já possui protocolos assinados com a Oxford/AstraZeneca, Pfizer e Sinovac”, lembrou o prefeito. O consórcio de vacinas também está sendo desenhado para a compra de equipamentos, medicamentos e insumos.

Leia ainda: Lula: “Vou tomar vacina semana que vem”

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.