Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso Perícia Oficial AL 2019: Governador confirma edital até março!


A Perícia Oficial do Estado de Alagoas vai divulgar a abertura de novo edital de concurso público (Concurso Perícia Oficial AL 2019) até o mês de março. A confirmação veio através do governador de Alagoas, Renan Filho, durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta segunda-feira, 04 de fevereiro.

O evento aconteceu para apresentar uma redução dos números da violência em Alagoas, na sede da Delegacia de Homicídios, em Bebedouro, Maceió. De acordo com Renan, já foi feito um estudo técnico da necessidade de vagas da perícia, e o edital deve sair nas próximas semanas.

Agora, o próximo passo será a contratação de uma banca organizado para o concurso, que deve ser oficializada ainda este mês.

Último concurso da Perícia Oficial de Alagoas foi divulgado em 2013

O último concurso para a Perícia Oficial de Alagoas foi divulgado em 2013, quando contou com 37 vagas para as carreiras de Perito Criminal, Perito Médico-Legista, Papiloscopista e Técnico Forense. Na ocasião, o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) organizou o certame.

Para Perito Criminal as vagas foram destinadas as áreas de Ciências Contábeis/Ciências Econômicas, Engenharia Elétrica/Engenharia Eletrônica/Engenharia de Redes de Comunicação ou Engenharia de Redes de Telecomunicação, Análise De Sistemas/Ciências da Computação/Engenharia da Computação/Informática/Tecnologia de Processamento de Dados ou Sistemas de Informação, Engenharia Agronômica, Geologia ou Mineralogia, Engenharia Química/Bioquímica/Química/Química Industrial, Engenharia Civil, Engenharia Mecânica ou Mecatrônica, Biomedicina ou Ciências Biológicas, Física, Medicina Veterinária e Farmácia.

O concurso da Perícia Oficial/AL contou com provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os cargos/especialidades; prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, somente para os cargos/especialidades de nível superior; prova de capacidade física, de caráter eliminatório, para todos os cargos/especialidades; avaliação psicológica, de caráter eliminatório, para todos os cargos/especialidades; e investigação social e de conduta pessoal, de caráter eliminatório, para todos os cargos/especialidades.Além disso, houve curso de formação, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os cargos/especialidades.

Todas as etapas do concurso foram realizadas na cidade de Maceió/AL.

A prova objetiva do concurso para nível superior contou com questões de Língua Portuguesa, Noções de Informática, Raciocínio Lógico, Ética no Serviço Público, Noções de Direito Processual Penal, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Penal e Legislação Especial.

Já para nível médio, as avaliações contaram com questões de Língua Portuguesa, Noções de Direito Constitucional, Noções de Informática e Raciocínio Lógico.

Sobre os cargos

A carreira de Perito Criminal envolve várias. Com isso, o edital sempre traz oportunidades para diversas especialidades. No último edital, a remuneração inicial foi de R$ 6.320,77. O cargo tem atribuições de exercer, no campo pericial criminal, a função técnico-científica para constatação da materialidade do fato, efetuar exames e emitir o respectivo laudo pericial, realizar pesquisa científica em área de interesse da criminalística, bem como exercer, a critério da Administração, atividades em outras áreas periciais das Gerências de Perícias Externas e Internas, independentemente da área de formação a qual foi aprovado. Para ingressar é necessário ter nível superior na área pretendida.

Já o cargo de Perito Médico-Legista, com requisito de graduação em Medicina, teve salário de R$ 6.320,77. Essa especialidade de Perito deverá realizar perícia médico-legal em cadáveres, ossadas e pessoas vivas e emitir o respectivo laudo pericial; exercer a função pericial técnico-científica de sua especialidade.

O cargo de Papiloscopista, com exigência de nível superior em qualquer área de formação, teve salário de R$ 2.701,59. A função deverá orientar e executar coleta de impressões digitais, papilares e plantares, inclusive em cadáveres; realizar perícias papiloscópicas; efetuar as tarefas de identificação civil e criminal e a consequente elaboração de documento correspondente.

Por fim, o cargo de Técnico Forense requer nível médio e curso profissionalizante de Auxiliar de Enfermagem ou Técnico de Enfermagem. Suas atribuições são preparar o cadáver para o ato de necropsia de acordo com a técnica pericial a ser utilizada e prestar assistência aos peritos médicos-legistas e odonto-legistas. O salário inicial foi de R$ 2.704,59.

Informações do concurso
  • Concurso: Perícia Oficial de Alagoas
  • Banca organizadora: a definir
  • Escolaridade: médio e superior
  • Número de vagas: a definir
  • Remuneração: a definir
  • Inscrições: a definir
  • Taxa de Inscrição: a definir
  • Provas: a definir
  • Situação: ANUNCIADO
  • Link do último edital

Leia Também:

top planilha

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.