Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso PM RR: Edital para 400 vagas é retomado

Edital de concurso da PM-RR conta com organização da UERR; Provas serão aplicadas em dezembro deste ano

concurso público da Polícia Militar do Estado de Roraima (Concurso PM RR 2018) está de volta. Nesta segunda-feira, 1º de julho, o governador do Estado, Antonio Denarium, retomou o certame, que oferece 400 vagas.

O cronograma das outras etapas da seleção será definido pela Universidade Estadual de Roraima (UERR), banca organizadora. De acordo com Denarium, a reabertura do concurso traz uma série de benefícios, não só para os concurseiros, mas para toda a população.

Agora, os aprovados serão chamados para a segunda etapa, que será composta por duas fases, sendo: 1ª fase – Exames médicos, odontológicos, toxicológicos; e 2ª fase – Exame de aptidão física.

O concurso foi divulgado para preenchimento de 400 (quatrocentas) vagas no cargo de Soldado PM 2ª Classe do Quadro de Praças Combatentes da Polícia Militar – QPCPM. A Universidade Estadual de Roraima (UERR), organizadora do certame, recebeu 20.804 inscritos, sendo 13.889 do sexo masculino e 6.915 do sexo feminino.

Veja o resultado

O concurso de Soldado do Concurso PM RR 2018

O salário do policial não foi informado no edital. No entanto, o documento informa que enquanto estiver frequentando o curso, o Aluno Soldado PM (SD PM 2ª Classe) fará jus a bolsa de estudo para custeio de todas as despesas decorrentes do curso, bem como deverá providenciar aquisição de fardamentos, equipamentos, acessórios e material didático, exigidos para o Curso de Formação. Ao término do curso, os aprovados no Curso de Formação de Soldado PM, serão promovidos à graduação de Soldado PM 1ª Classe, e farão jus à remuneração de acordo com a legislação vigente à época.

De acordo com dados da Associação Nacional das Entidades Representativas dos Militares Brasileiros, atualmente o salário de Policial Militar na Roraima é de R$ 4.792,96.

Do quantitativo de oportunidades oferecidas no edital de concurso da PM/RR, 340 serão destinadas para o sexo masculino e 60 para o sexo feminino. 

Prepare-se: Apostila Concurso PM RR 2018 – Atualizada

Requisitos do cargo de Soldado do Concurso PM RR 2018

O cargo de Soldado da Polícia Militar do Estado de Roraima exige dos candidatos os seguintes requisitos:

  • Ter nacionalidade brasileira.
  • Encontrar-se no pleno exercício de seus direitos civis e políticos.
  • Possuir Ensino Médio completo (antigo 2º grau) ou equivalente até a data de matrícula no Curso de Formação de Soldado QPCPM, reconhecido ou autorizado pelo Ministério da Educação – MEC.
  • Possuir permissão para dirigir ou carteira Nacional de Habilitação, categoria B, no mínimo. (inciso IX, do Art. 4º, da LC 219/2013).
  • Estar em dia com as obrigações militares, se do sexo masculino.
  • Estar em dia com as obrigações eleitorais.
  • Possuir, nos termos do inciso IV, do Art. 17 da LC 194/2012, idade mínima de 18 (dezoito) anos e máxima de 35 (trinta e cinco) anos no dia do ingresso na carreira militar.
  • O ingresso na carreira militar ocorrerá na data da matrícula no Curso de Formação de Soldado QPCPM.
  • Ter, no mínimo, descalço e descoberto, 1,60m (um metro e sessenta centímetros) de altura se masculino e 1,55m (um metro e cinquenta e cinco centímetros) se feminino.
  • A aferição dos requisitos do subitem 6.8. ocorrerá por ocasião do Exame Médico.
  • Não ter sido isentado do serviço militar por incapacidade física definitiva.
  • Ter sido aprovado em todas as Etapas e Fases do Concurso Público.
  • Possuir aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo.
  • Não ter nenhum impedimento administrativo ou judicial que o impeça de ser investido em cargo público.
  • Cumprir na íntegra as determinações do Edital.

Lotação das vagas do Concurso PM RR 2018

As oportunidades do concurso da Polícia Militar de Roraima são destinadas as cidades de Boa Vista, Pacaraima, Uiramutã, Vila de Maracá, Amajarí, Tepequém, Caracaraí, Iracema, Campos Novos, Santa Maria do Boiaçú, Rorainópolis, Nova Colina, Equador, Jundiá – Novo Paraíso, Mucajaí Cantá, Alto Alegre, Apiaú,Taiano, São Silvestre, Felix Pinto, Samaúma, Bonfim, Normandia, São Francisco, São Luiz do Anauá, São João da Baliza, Caroebe e Entre Rios.

As cidades citadas correspondem às Unidades Operacionais ou Administrativas, bem como às Companhias Independente de Polícia Militar de Fronteira.

Inscrição Concurso PM RR 2018

Os candidatos somente puderam efetuar sua inscrição pela Internet através do endereço eletrônico (https://cpc.uerr.edu.br/) no menu Concursos – Área do Concurso da PM, no período compreendido entre 24 de agosto e 04 de outubro de 2018. O valor da taxa de inscrição foi de R$ 180,00 (cento e oitenta reais).

Etapas do Concurso PM RR 2018

O Concurso da PM de Roraima 2018 destina-se à admissão ao Cargo de Soldado PM 2ª Classe do Quadro de Praças Combatentes da Polícia Militar – QPCPM, regido por este ato e executado pela Universidade Estadual de Roraima (1ª, 2ª e 3ª etapas) e Polícia Militar do Estado de Roraima (4ª etapa), realizado na cidade de Boa Vista-RR. O certame será composto por:

  • 1ª Etapa: Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • 2ª Etapa: Exames médicos, odontológicos, toxicológicos (1ª fase); e Exame aptidão física (2ª fase), de caráter eliminatório;
  • 3ª Etapa: Avaliação psicológica, através de exame psicotécnico, de caráter eliminatório;
  • 4ª Etapa: Investigação Social, de caráter eliminatório.

 

De acordo com o edital, serão convocados para a matrícula no Curso de Formação de Soldados do Quadro de Praças Combatentes Policial Militar – CFSd QPCPM os candidatos classificados nas 04 (quatro) etapas constantes no quadro acima e dentro das 400 vagas.

As três primeiras etapas serão de responsabilidade integral da Universidade Estadual de Roraima – UERR, bem como todos os seus atos decorrentes, enquanto a quarta e última etapa será de responsabilidade da Polícia Militar de Roraima.

Concurso PM RR 2018 vai classificar os 1.200 primeiros aprovados na prova objetiva

Dos candidatos classificados na primeira etapa (prova objetiva) serão convocados para a etapa seguinte, 03 (três) vezes o número de vagas ofertadas, por região, perfazendo um total de 1.200 candidatos convocados para a etapa seguinte, conforme estabelecido no Quadro de Distribuição abaixo:

Provas do Concurso PM RR 2018

A Prova Objetiva contará com 80 (oitenta) questões de múltipla escolha, com apenas uma alternativa correta dentre cinco alternativas, distribuídas entre as disciplinas de Língua Portuguesa (15 questões), Noções de Direito: Constitucional; Direito Penal; Direito Processual Penal e Direito Administrativo (20 questões), Legislação Extravagante (15 questões), Conhecimentos Específicos de legislação da PMRR (15 questões) e Atualidades Gerais; História e Geografia de Roraima (15 questões), conforme disposto no quadro a seguir.

A Prova Objetiva teve a duração de 4 (quatro) horas, incluindo a marcação do cartão resposta. As provas do concurso foram realizadas somente na cidade de Boa Vista-RR.

As avaliações foram aplicadas no dia 09 de dezembro de 2018, turno da tarde, das 14h às 18h.

O Concurso Público de que trata o presente Edital terá validade de 02 (dois) anos, contados da data da homologação de seu resultado junto à Secretaria de Estado da Gestão Estratégica e Administração de Roraima, prorrogável 01 (uma) única vez por igual período, a critério do Governo do Estado de Roraima.

Conteúdo Programático do Concurso PM RR 2018

LÍNGUA PORTUGUESA: Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados. Reconhecimento de tipos e gêneros textuais; Domínio da ortografia oficial. Emprego das letras. Emprego da acentuação gráfica. Domínio dos mecanismos de coesão textual. Emprego de elementos de referenciação, substituição e repetição, de conectores e outros elementos de sequenciação textual. Emprego/correlação de tempos e modos verbais. Domínio da estrutura morfossintática do período. Emprego das classes de palavras. Relações de coordenação entre orações e entre termos da oração. Relações de subordinação entre orações e entre termos da oração. Emprego dos sinais de pontuação. Concordância verbal e nominal. Emprego do sinal indicativo de crase. Colocação dos pronomes átonos. Reescrita de textos de diferentes gêneros e níveis de formalidade. Correspondência oficial (conforme Manual de Redação da Presidência da República). Adequação da linguagem ao tipo de documento. Adequação do formato do texto ao gênero.

DIREITO CONSTITUCIONAL: Constituição. Conceito, objeto, elementos e classificações. Supremacia da Constituição. Aplicabilidade das normas constitucionais. Interpretação das normas constitucionais. Poder constituinte: Características; Poder constituinte originário; Poder constituinte derivado; Princípios fundamentais. Direitos e garantias fundamentais. Direitos e deveres individuais e coletivos. Habeas corpus, mandado de segurança, mandado de injunção e habeas data. Poder Legislativo. Poder Executivo. Poder Judiciário. Funções essenciais à Justiça. Ministério Público. Defesa do Estado e das instituições democráticas. Segurança Pública. Organização da segurança pública. Constituição do Estado de Roraima.

DIREITO PENAL: Fontes do direito penal. Princípios aplicáveis ao direito penal. Aplicação da lei penal: princípios da legalidade e da anterioridade; a lei penal no tempo e no espaço; tempo e lugar do crime; lei penal excepcional, especial e temporária; territorialidade e extraterritorialidade da lei penal; interpretação da lei penal; analogia; irretroatividade da lei penal; conflito aparente de normas penais. Crime. Classificação dos crimes; teorias do crime; o fato típico e seus elementos; relação de causalidade; superveniência de causa independente; relevância da omissão; crime consumado e tentado; pena da tentativa; desistência voluntária e arrependimento eficaz; arrependimento posterior; crime impossível; crime doloso, culposo e preterdoloso; agravação pelo resultado; concurso de crimes; erro sobre elementos do tipo; descriminantes putativas; erro determinado por terceiro; erro sobre a pessoa; erro sobre a ilicitude do fato (erro de proibição); coação irresistível e obediência hierárquica; ilicitude e causas de exclusão; excesso punível; culpabilidade: teorias, elementos e causas de exclusão. Imputabilidade penal. Concurso de pessoas. Crimes contra a pessoa. Crimes contra o patrimônio. Crimes contra a propriedade imaterial. Crimes contra a organização do trabalho. Crimes contra o sentimento religioso e contra o respeito aos mortos. Crimes contra a dignidade sexual. Crimes contra a família. Crimes contra a incolumidade pública. Crimes contra a paz pública. Crimes contra a fé pública. Crimes contra a administração pública.

DIREITO PROCESSUAL PENAL: Aplicação da lei processual no tempo, no espaço e em relação às pessoas. Disposições preliminares do Código de Processo Penal. Inquérito policial; notitia criminis. Ação penal; espécies. Jurisdição. Competência. Prova. Juiz, Ministério Público, acusado, defensor, assistentes e auxiliares da justiça, atos de terceiros. Prisão e liberdade provisória. Das medidas cautelares diversas da prisão. Prisão em flagrante. Prisão Temporária (Lei nº 7.960/1989). Processo e julgamento dos crimes de responsabilidade dos funcionários públicos. Processo em espécie: processo comum. Juizados Especiais Criminais (Lei nº 9.099/1995). Habeas corpus e seu processo. Recursos: apelação, recurso em sentido estrito. Lei de Execução Penal (Lei nº 7.210 de 11 de julho de 1984).

DIREITO ADMINISTRATIVO: Estado, governo e administração pública: conceitos, elementos, poderes e organização; natureza, fins e princípios. Organização administrativa da União; administração direta e indireta. Agentes públicos: espécies e classificação; poderes, deveres e prerrogativas; cargo, emprego e função públicos; regime jurídico único: provimento, vacância, remoção, redistribuição e substituição; direitos e vantagens; regime disciplinar; responsabilidade civil, criminal e administrativa. Poderes administrativos: poder hierárquico; poder disciplinar; poder regulamentar; poder de polícia; uso e abuso do poder. Atos administrativos: conceitos, requisitos, atributos, classificação, espécies e invalidação. Controle e responsabilização da administração: controle administrativo; controle judicial; controle legislativo; responsabilidade civil do Estado.

LEGISLAÇÃO EXTRAVAGANTE: Crimes Hediondos (Lei nº 8.072/1990). Abuso de Autoridade (Lei nº 4.898/1965). Lei de Tortura (Lei nº 9.455/1997). Dos Crimes no Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990). Estatuto do Desarmamento (Lei nº 10.826/2003). Crimes contra o Meio Ambiente (Lei nº 9.605/1998). Lei Maria da Penha (Lei nº 11.340/2006). Lei de Drogas (Lei nº 11.343/2006). Investigação Criminal (Lei nº 12.830/2013). Organizações Criminosas (Lei nº 12.850/2013). Código Penal Militar (Decreto-Lei Nº 1.001, de 21 de outubro de 1969). Código de Processo Penal Militar (Decreto-Lei Nº 1.002, de 21 de outubro DE 1969).

CONHECIMENTO ESPECÍFICO:  Lei Complementar nº 194 de 13 de fevereiro de 2012; Lei Complementar 051/2001, Capítulos, I, II, VI, X e XI; 3. Lei n° 081, de 10 de novembro de 2004, Título I, Capítulo Único, Título II, Capítulo I, II III e IV e Título III, Capítulo I; Decreto nº 158, de 11 de agosto de 1981 (Regulamento Disciplinar da Polícia Militar de Roraima); Lei Complementar nº 963/2014 (Código de Ética e Disciplina dos Policiais e Bombeiros Militares de Roraima). Constituição do Estado de Roraima (arts. 12, 13, 40, 62, 63, 77, 175, 179 a 180, com as alterações da Emenda Constitucional 011, de 19 de dezembro de 2001); Lei Complementar nº 226, de 04 de abril de 2014; Lei Complementar nº 224, de 28 de janeiro de 2014 (Sistema Remuneratório dos Militares do Estado de Roraima por meio de subsidio e dá outras providências); Lei Complementar nº 260, de 02 de agosto de 2017.

ATUALIDADES GERAIS: Tópicos relevantes e atuais de diversas áreas, tais como segurança pública, transportes, política, economia, sociedade, educação, relações internacionais.

HISTÓRIA DE RORAIMA: A ocupação territorial de Roraima; Interesses estrangeiros na região; A presença portuguesa; A vida na região no século XIX; Roraima no século XX; A delimitação das fronteiras; A criação do Território Federal; Os fluxos migratórios; A criação do Estado e dos seus municípios; Patrimônios históricos de Roraima; Pontos Turísticos; Reservas indígenas; Governadores do Território Federal de Roraima; Governadores do Estado de Roraima.

GEOGRAFIA DE RORAIMA: Geografia de Roraima; Clima; Solos; Regime pluviométrico; Hidrografia; Relevo; Principais tribos indígenas de Roraima; Economia do Estado de Roraima; Extrativismo; Agropecuária; Mineração; Indústria e Comércio.

Exame Médico, Odontológico e Toxicológico correspondem primeira fase da segunda etapa do certame

Os candidatos convocados mediante edital específico, publicado em Diário Oficial do Estado e no site da UERR, para a 1ª Fase/2ª Etapa – Exames Médicos, Odontológicos e Toxicológico, de natureza eliminatória, (APTO OU INAPTO), deverão apresentar os Exames de Saúde (Médico), perante uma Junta Médica designada pela UERR, composta por profissionais com habilitação em Medicina, que avaliará as condições para ingresso no cargo de Soldado PM 2ª Classe do Quadro de Praças Combatentes da PMRR, através de exame clínico geral, nas áreas de oftalmologia, otorrinolaringologia, odontológico, toxicológico e exames laboratoriais, exclusivamente, na cidade de Boa Vista – RR, em horário e local determinados quando da convocação do candidato.

O Candidato deverá comparecer ao local, em data e horários estabelecidos no Edital de Convocação, para submeter-se a avaliação médica, munido dos exames especificados edital (subitem 8.5).

Nos exames clínicos serão avaliados: relação peso/estatura, frequência cardíaca, pressão arterial, inspeção geral, exame neurológico, sistema músculo esquelético, aparelho respiratório, aparelho digestivo e aparelho gênito urinário, além do previsto no subitem 6.8 no edital.

A inspeção médica deve verificar se os candidatos apresentam: a) Higidez física compatível com a atividade a ser desempenhada pelo policial; b) Leves variações de normalidade, não incapacitantes, para profissão; c) Alterações, incapacitantes ou potencialmente incapacitantes, de imediato ou em curto prazo, ou determinantes de absenteísmo frequentes ou com iminente risco de se potencializar ou capaz de colocar em risco a segurança dos colegas de curso ou trabalho.

No momento da realização do Exame de Saúde, o candidato deverá apresentar os seguintes exames:

topapostilas.com.br

a) Raio X de tórax com laudo, realizado com até 30 (trinta) dias de antecedência do Exame de Saúde;

b) Eletroencefalograma (com laudo);

c) Hemograma e Coagulograma, realizado com até 10 (dez) dias de antecedência do Exame de Saúde;

d) Glicose sérico, realizado com até 10 (dez) dias de antecedência do Exame de Saúde;

e) Fator RH e grupo sanguíneo;

f) Exame comum de urina, realizado com até 10 (dez) dias de antecedência do Exame de Saúde;

g) Creatinina;

h) Audiometria (com laudo, emitido por Fonoaudiólogo e/ou Otorrinolaringologista);

i) Avaliação oftalmológica com laudo, objetivando verificar: Acuidade Visual sem correção, acuidade visual com correção, tonometria, biomicroscopia, fundoscopia, motricidade ocular e senso cromático;

j) Eletrocardiograma em repouso e teste ergométrico (com laudo cardiológico);

k) Exame Toxicológico: para maconha, cocaína, heroínas e anfetaminas;

l) Será eliminado do certame o candidato que apresentar tatuagem no corpo (pigmentação definitiva), que nos termos do detalhamento constante das normas do Comando da Polícia Militar de Roraima: divulgue símbolo ou inscrição ofendendo valores e deveres éticos inerentes aos integrantes da corporação militar, que faça alusão a: ideologia terrorista ou extremista contrária as instituições democráticas ou que pregue a violência e a criminalidade; discriminação ou o preconceito de raça, credo, sexo e origem; a ideia ao ato libidinoso; ideia ou ato ofensivo aos direitos humanos; vinculação, simpatia a organização criminosa (facção) e/ou congênere; indisciplina, desordem ou atentatória contra as instituições; ao consumo de drogas ilícitas e/ou a prática de crimes; que seja visível na hipótese do uso do uniforme que comporte camisa de manga curta e bermuda, correspondente ao uniforme operacional de verão.

m) Avaliação Neurológica: avaliação clínica do Neurologista com laudo;

n) Avaliação Psiquiátrica com laudo, pois todas as doenças psiquiátricas são consideradas incapacitantes;

o) Avaliação odontológica com laudo emitido por Cirurgião Dentista com registro no CRO.

Caso a Junta Médica entenda haver necessidade de exames complementares, os mesmos serão solicitados no momento da Avaliação Médica, concedendo prazo específico para entrega.

Na hipótese de necessidade dos exames complementares, ficará o candidato obrigado a cumprir o prazo que for estabelecido para a entrega dos respectivos resultados, sob pena de ser eliminado do Concurso Público. O candidato deverá providenciar, às suas expensas, os exames laboratoriais e complementares necessários. 8.9. Os exames laboratoriais e complementares apresentados serão avaliados pela Junta Médica designada pela UERR em complementação à avaliação clínica.

A partir da avaliação médica e da avaliação dos exames laboratoriais e complementares, o candidato será considerado Apto ou Inapto nesta fase. A junta médica, após a análise da avaliação médica e dos exames laboratoriais e complementares dos candidatos, emitirá parecer conclusivo da aptidão ou inaptidão de cada candidato.

Será eliminado do Concurso Público o candidato considerado INAPTO a partir da avaliação médica, exames laboratoriais e complementares. Em todos os atestados, exames laboratoriais e complementares, além do nome do candidato e número da identidade ou do registro no CPF (Ministério da Fazenda), deverá constar, obrigatoriamente, a assinatura e o registro no órgão de classe específico do profissional responsável de forma legível e número do CRM, sendo motivo de inautenticidade a inobservância ou omissão de qualquer dos requisitos elencados.

Será eliminado do Concurso Público o candidato considerado INAPTO nesta fase do certame.

Exame de Aptidão Física – Concurso PM RR 2018

1. FLEXÃO NA BARRA Teste dinâmico de barra – O candidato deverá realizar o número previsto de sucessivas flexões e extensões das articulações dos cotovelos previstas para cada sexo, na barra horizontal, utilizando a pegada em pronação (de frente).

a) Masculino EXECUÇÃO: O candidato pendurado na barra com a pegada em pronação iniciará o exercício com os braços estendidos e através da flexão de braço e antebraço, deverá ultrapassar a borda superior da barra com o queixo sem tocá-la, retornando à posição inicial com extensão total dos braços.

b) Feminino EXECUÇÃO: A candidata pendurada na barra com a pegada em pronação poderá apoiar os pés em um tablado com o tronco ereto e pernas em ângulo reto formando um ângulo de 90º (noventa graus) para diminuir o esforço em sua realização. Iniciará o exercício com os braços estendidos e, através da flexão de braço e antebraço, deverá ultrapassar a borda superior da barra com o queixo, sem tocá-la, retornando à posição inicial com extensão total dos braços.

Repetições Mínimas: HOMENS – 3 ; MULHERES – 2.

2. FLEXÃO ABDOMINAL SUPRA – Masculino e Feminino Força muscular de abdômen – Deverá ser realizado o número previsto para cada gênero de sucessivas flexões abdominais sem interrupção e sem limite de tempo.

EXECUÇÃO: O(a) candidato(a) partindo da posição de decúbito dorsal, pernas flexionadas, braços cruzados sobre o peito, mãos nos ombros opostos, flexionará o tronco retirando as escápulas do solo. As mãos deverão permanecer em contato com os ombros durante todo o exercício.

Repetições Mínimas: HOMENS e MULHERES – 35

3. CORRIDA AERÓBICA – Masculino e Feminino (12min) Resistência aeróbica: corrida de 12min (doze minutos) para ambos os gêneros.

EXECUÇÃO: deverá ser percorrida a distância prevista, dentro do tempo máximo estipulado, admitindo-se caminhadas em qualquer ritmo durante a realização do teste. Percurso Mínimo: 2.400m (homens) e 2.200m (mulheres).

4. NATAÇÃO – Masculino e Feminino – EXECUÇÃO: deverá ser percorrida a distância de 50m (cinquenta metros), estilo livre, sem tempo, não podendo colocar o pé no fundo da piscina ou segurar as bordas laterais, podendo o candidato saltar ou partir de dentro da piscina.

5. VELOCIDADE – 50 metros rasos – Masculino e Feminino

EXECUÇÃO: deverá ser percorrido a distancia de 50m (cinquenta metros), sem obstáculos, no tempo estipulado, podendo a partida ser alta ou baixa.

Tempo Máximo: HOMENS: 08 segundos; MULHERES: 10 segundos.

6. FLEXÃO DE BRAÇO – Masculino e Feminino

a) Masculino:

EXECUÇÃO: O exercício deverá ser executado em quatro apoios, com as mãos apoiadas ao solo em extensão de punho. No primeiro tempo, o cotovelo é flexionado aproximando o peito do solo e no segundo tempo é estendido, voltando à posição inicial, sendo permitida a parada na posição inicial. (não sendo permitido à execução do exercício com os punhos fechados).

b) Feminino

EXECUÇÃO: O gênero feminino se utilizará de 05 (cinco) apoios, palma das mãos, joelhos e ponta dos pés ao solo para a realização do exercício. Iniciará com os braços totalmente estendidos, flexionando para um ângulo de 90º (noventa graus) entre braço e antebraço, retornando a posição inicial com extensão total dos braços. O tronco permanecerá ereto durante a execução, admitindo-se a parada em cima, (não sendo permitido à execução do exercício com os punhos fechados.).

Repetições Mínimas: HOMENS (20) e MULHERES (18).

Informações do concurso
  • Concurso: Polícia Militar de Roraima
  • Banca organizadora: UERR
  • Escolaridade: médio
  • Número de vagas: 400
  • Remuneração: R$ 4.792,96
  • Inscrições: entre os dias 25 de agosto e 04 de outubro de 2018
  • Taxa de Inscrição: R$180,00
  • Provas: 09 de dezembro de 2018
  • Situação: PUBLICADO

Edital Concurso PM RR 2018

Retificação – Edital

Apostila Polícia Militar PM-RR 2018 - Soldado [CD Grátis]
[Apostila Digital] Polícia Militar PM-RR 2018 - Soldado

Leia Também:

Comentários estão fechados.