Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Teste para Covid-19: 28,6 milhões de pessoas já fizeram

Milhões de brasileiros realizaram testes para Covid-19. Então, foram 28,6 milhões que se submeteram a algum dos três tipos de testes. Assim, esses dados foram divulgados pelo IBGE, no último dia 23.

O Centro-Oeste foi a região que mais teve cidadãos realizando testes. Além disso, as pessoas brancas foram as mais testadas. Inclusive, com faixa etária de 30 a 59 anos. Também, as mais alfabetizadas e com maior nível de renda. 

Para saber mais sobre os testes para Covid-19, continue lendo esse artigo. Aliás, conheça os estados que tiveram o maior e menor número de testes. Por fim, para conhecer as demais estatísticas divulgadas, acompanhe a matéria

Estados que mais realizaram testes para coronavírus

Até novembro, aproximadamente 6,5 milhões de brasileiros confirmaram a enfermidade. Ou seja, 22,7% dos 28,6 milhões que fizeram os testes para Covid-19.

Essas foram algumas das informações reunidas pela última PNAD COVID-19. Assim, esse estudo é feito pelo IBGE para apoiar o combate ao coronavírus. Então, 13,5% dos cidadãos brasileiros já fizeram algum teste em busca de um diagnóstico.

São três os tipos de procedimentos que são feitos para confirmar ou descartar a infecção. Desse modo, o mais conhecido e testado, é o SWAB. Ou seja, é aquele onde um longo cotonete é inserido nas narinas da pessoa.

Outro teste é a coleta de sangue, a partir de um furo no dedo. Por fim, outro método é o clássico exame coletando direto na veia do braço. 

O maior percentual de confirmações de infecções foi pelo teste SWAB. Assim, confira a seguir quantas pessoas fizeram cada um dos testes mencionados:

  • SWAB: 12,7 milhões de cidadãos;
  • Coleta de sangue com furo no dedo: 12,4 milhões;
  • Exame de sangue convencional: 8 milhões de indivíduos.

Os estados com maior e menor percentual de testes feitos

Confira a seguir, os estados brasileiros que tiveram maior taxa de exames feitos para Covid-19:

  • Brasília: 25,6%;
  • Goiás: 20,7%;
  • Piauí: 20,6%;
  • Amapá: 16,9%.

Já as menores porcentagens ficaram com Acre (8,8%), Pernambuco (9,3%) e Alagoas (10,3%).

Testes para Covid-19: sintomas de gripe aumentaram

A condutora do estudo também afirmou que pessoas com sintomas gripais tiveram um aumento recentemente. Portanto, os mais frequentes foram:

  • Febre;
  • Tosse;
  • Dificuldade respiratória.

Aumentou também a busca por hospitais e postos de saúde devido a esses sintomas. Embora, a maioria tenha ido a estabelecimentos públicos. Entretanto, também houve crescimento na procura por estabelecimentos privados de saúde. 

A PNAD COVID-19 retratou o Brasil num momento muito difícil para toda a população. Porém, foi um estudo bastante relevante. Pois, mostrou o impacto que a pandemia causou na saúde dos brasileiros. Assim como, no mercado de trabalho. 

A coleta das informações era feita por telefone. Desse modo, trouxe uma inovação para dentro do próprio IBGE.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.