Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Reinfecção por covid-19: doença leve pode dar ‘falsa segurança’ sem garantir imunidade

Sem garantir imunidade, pesquisadores da FioCruz alertam que pessoas já infectadas podem, sim, se contaminar novamente. Segundo o médico, o vírus tem se adaptado e pode aumentar sua capacidade de infecção.

No Rio de Janeiro há uma família de quatro pessoas acompanhada pelos pesquisadores. Porque todos tiveram a doença em março e ficaram doentes novamente em maio. Sendo que na primeira vez os sintomas foram leves e na segunda tornaram-se mais graves.

Em dois casos foi confirmado que os vírus coletados em ambas ocasiões eram distintos entre si. Sendo assim cepas que manifestaram-se porque o primeiro não havia gerado anticorpos necessários.

Porque ocorreu o fato

De acordo com os cientistas, é possível que pacientes voltem a se infectar. Porque seus sistemas não devem ter criado uma resposta após a primeira contaminação. Dessa forma eles continuaram sendo alvos ao Covid-19.

Sem garantir imunidade, os casos servem de alerta para quem já contraiu a doença. Já que muitas dessas pessoas começam a dispensar os cuidados necessários pela falsa percepção de segurança.

Covid-19: sem garantir imunidade

Confirmar a segunda infecção necessita mais trabalho do que na primeira vez. Então, precisa-se ter materiais bem coletados e armazenados para realizá-los. Por isso, até o momento apenas 30 casos foram atestados no mundo.

As amostras coletadas na primeira e segunda vez precisam ser comparadas para que se analise a reinfecção. Isso porque elas precisam ter diferenças para atestar a cepa.

Conforme foi visto na análise do corpo, na primeira contaminação eles não produziram anticorpos suficientes. Sem garantir imunidade assim, para os próximos meses a seguir.

Cientistas acreditam que isso é possível por duas questões:

  • Casos leves – sem manifestações graves;
  • Casos rápidos – não há tempo da resposta adaptativa ser memorizada no sistema. 

Imunidade

Os exames positivos não são um passaporte para a imunidade, o que gera um alerta nas pessoas. Pois muitos jovens que tiveram a doença acreditam que agora estão livres, o que não é real.

É importante ressaltar que mesmo quem já tem anticorpos contra a Covid-19 não deve descuidar-se. Pois, muitas mutações estão surgindo, sendo muitas delas mais perigosas, o que pode torná-las mais fortes. 

Apesar da falta de comprovação dessa teoria até o momento não deve-se baixar a guarda. Sem garantir imunidade, contrair a doença significa colocar sua vida em risco. Portanto, é importante não acreditar no que pessoas sem instrução dizem.

Neste momento é importante que todas façam sua parte. Portanto, mantenha o isolamento, uso de máscara e álcool gel.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.