Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Covid-19 motivou quase 40% das denúncias trabalhistas de 2020

Quase 40% das denúncias trabalhistas de 2020 foram relacionadas ao Covid-19. Assim, afirmou o Ministério Público do Trabalho, que registrou mais de 93 mil reclamações ao longo do ano.

No mesmo período, mais de 22 mil inquéritos foram abertos para analisar irregularidades trabalhistas. Em resumo, todas relacionadas ao vírus e às condições de trabalho.

Entenda no artigo quais são as denúncias e os principais motivos. Também conheça a situação brasileira no combate ao Coronavírus.

Ministério Público recebeu muitas denúncias trabalhistas

Em 2020, quase 40% das denúncias trabalhistas estão relacionadas ao Covid-19. Isso porque, a maioria das medidas de prevenção envolvem o ambiente de trabalho.

Devido a essa situação, o órgão de fiscalização recebeu muitas denúncias. Portanto, o MPT produziu muitas notas técnicas sobre o assunto. Por exemplo:

  • Para professores;
  • Com orientações sobre home office;
  • Aos serviços domésticos;
  • Destinado aos profissionais da saúde;
  • Recomendações ao poder público e setor privado.

Além disso, outro ponto importante é o aumento de denúncias sobre o trabalho infantil e escravo. Assim, mostrando uma triste realidade brasileira.

Vale lembrar que, mesmo com a mudança de ano, as notas ainda estão válidas. Porque a pandemia ainda não acabou.

Motivos das denúncias

As denúncias trabalhistas estão relacionadas a problemas simples, mas que afetam a pandemia. Entre elas temos:

  • Falta de uso de máscara;
  • Empresas que não medem a temperatura;
  • Não cumprimento do distanciamento;
  • Proibição de home office;
  • Recusa em fazer testes do Covid-19.

Em resumo, essas são as principais denúncias dos trabalhadores. Dessa forma, vão contra o que é indicado pela Organização Mundial da Saúde. Afinal, recomenda-se:

  • Uso de máscara;
  • Respeito à quarentena;
  • Manter as mãos limpas e usar álcool gel;
  • Evitar sair de casa sem necessidade.

Assim, seguindo esses cuidados é possível reduzir ou diminuir a contaminação de novas pessoas. Além disso, promove o controle da pandemia.

Como está os casos de Covid-19 no Brasil

Não foram apenas as denúncias trabalhistas que aumentaram neste período. Também teve um alto índice de casos de Covid-19. Aliás, o país fechou 2020 com 195 mil mortes.

Ao longo do ano, mais de 7,70 milhões de casos foram registrados. Dessa forma, o país está entre os cinco mais afetados pela pandemia.

Especialistas acreditam que devido às festas de fim de ano aconteça um aumento de casos. Sendo assim, é preciso reforçar com a população os cuidados.

Por fim, vale lembrar que ainda não há uma data definida para a vacinação. Então, é preciso que respeite-se a quarentena para amenizar a situação.

 

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.