Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

TRANSPETRO: validade do concurso de 2016 para 1.551 vagas é prorrogada

O concurso público da Petrobras Transporte S.A. Transpetro, realizado em 2016, foi prorrogado até abril de 2021. A seleção foi divulgada para o preenchimento de 1.551 vagas, sendo 141 para preenchimento efetivo e 1.410 para formação de cadastro reserva (convocação conforme necessidade). A Fundação Cesgranrio organizou o certame.

As vagas do concurso foram para Segundo Oficial de Máquinas e Segundo Oficial de Náutica, para atuação em todo o território nacional. A prorrogação da validade do certame foi publicada no Diário Oficial da União, edição do dia 06 de março. Agora, os candidatos que foram aprovados e não foram chamados até o momento poderão ser nomeados.

O Concurso

Divulgado no dia 05 de outubro, o concurso foi divulgado com um bom quantitativo de vagas e com remunerações atraentes. O salário básico foi de R$ 3.475,74 com garantia de remuneração mínima de R$ 10.868,28. Além disso, o edital informava que os editais teriam direito aos seguintes benefícios: auxílio-creche ou acompanhante; assistência multidisciplinar de saúde, seja médica, odontológica,  psicológica, hospitalar; plano de previdência complementar; entre outros especificados no edital.

Os inscritos no processo seletivo foram avaliados por provas objetivas, aplicadas no dia 27 de novembro de 2016, em Fortaleza (CE), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA), São Sebastião (SP) e  Belém (PA). A avaliação contou com 70 questões, sendo 20 questões de Conhecimentos Básicos e 50 de Conhecimentos Específicos, cada uma valendo 1 (um) ponto.

O que faz um Oficial?

Entre os exemplos de atribuições para a função de Oficial de Máquinas está substituir o Subchefe (se for o mais antigo que se segue) na sua falta ou impedimento; fazer os quartos (encarregado do serviço de quarto de máquinas) e divisões para os quais foi designado, dando imediato conhecimento ao Chefe ou Subchefe das ocorrências verificadas, fazendo o devido registro no “Diário de Máquinas”; e dar cumprimento às ordens de serviço recebidas para a boa condução, conservação e limpeza de todos os motores e equipamentos, zelando pelo seu bom funcionamento.

Já para o Oficial de Náutica, está integrar o Quarto de Navegação de bordo; substituir o Oficial de Náutica do Quarto de Navegação e o Imediato (se for o mais antigo que a ele se segue) em todos os seus impedimentos legais; auxiliar em todas as manobras da embarcação, no local determinado pelo Comandante; e ter sob sua responsabilidade o regimento de sinais e bandeiras, devidamente inventariado, artefatos pirotécnicos, lâmpadas, lanternas e outros sinais de emergência.

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?