Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Edital do concurso INSS com 8.230 vagas temporárias tem resultado divulgado

As inscrições da seleção são totalmente gratuitas.

Foi divulgado nesta sexta-feira, 29 de maio, o resultado do edital de concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) visando preenchimento de mais de 8 mil vagas.

Segundo o edital publicado, para concorrer foi necessário ser aposentado pelo regime próprio de Previdência Social da União ou militar da reserva das Forças Armadas. Os interessados em concorrer a uma das vagas puderam se inscrever entre 04 e 10 de maio de 2020. São oferecidas, ao todo, 8.240 vagas.

A seleção

As vagas liberadas estão distribuídas em grupos e atuação no próprio Instituto ou demais órgãos que são vinculados ao INSS.

As oportunidades estão divididas em grupos e atuação no próprio INSS ou demais órgãos vinculados. No momento da inscrição, o candidato poderá escolher o grupo a qual deseja concorrer.

Como já era de se esperar, o maior quantitativo de vagas é para atendimento aos segurados e apoio administrativo. São 7.400 vagas abertas para todos os aposentados e militares no posto máximo de segundo sargento.

Salários

Na seleção do INSS, os salários serão oferecidos conforme o grupo escolhido. Os valores foram distribuídos da seguinte forma:

  • Aos aposentados pelo regime próprio de previdência social da União contratados do Grupo E.1 – valor de R$57,50, por processo concluído.
  • Aos aposentados pelo regime próprio de previdência social da União contratados do Grupo E.2 – valor de R$ 61,72 por perícia realizada.
  • Aos aposentados pelo regime próprio de previdência social da União contratados dos Grupos G.1, G.2, G.3 e G.6 – valor mensal de R$ 2.100.
  • Aos aposentados pelo regime próprio de previdência social da União contratados dos Grupos G.4, G.5, G.7 e G.8 – valor mensal de R$ 4.200.
  • Segundo o edital, aos militares inativos das Forças Armadas contratados dos Grupos G.1 a G.8 será devido o adicional previsto em lei.

Além das remunerações, os profissionais vão receber diárias, quando necessário o deslocamento por interesse do serviço para localidade diversa daquela para a qual tenha sido contratado, auxílio-transporte e auxílio-alimentação.

Edital Temporários INSS 2020

Como fica o concurso para efetivos?

A contratação de profissionais aposentados e militares é uma proposta do Governo Federal para amenizar a fila de pedidos do benefícios, antes da abertura de um novo concurso.

Leonardo Rolim, presidente do órgão, em entrevista recente ao jornal O Globo, afirmou a necessidade de realização do concurso. Ele, porém, não confirma há previsão de quando isto poderá se concretizar. “Vamos precisar fazer concursos, mas agora não é o momento”, disse.

Está em análise no Ministério da Economia, o novo pedido de concurso para nada menos que 7.888 vagas, distribuídas entre as funções de Técnico do Seguro Social (nível médio – 3.984 vagas), Analista – diversas especialidades (nível superior – 1.692 vagas) e Perito Médico (nível superior – 2.212 vagas).

O cargo de analista tem remuneração de R$ 7.954,09, enquanto que o perito Médico tem ganhos de R$ 10.616,14 mensais. Os rendimentos já contam com o auxílio-alimentação de R$ 458.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

O último concurso do órgão, aberto em 2015 para técnicos e analistas, contou com 950 vagas. Foram 1.087.804 candidatos inscritos. Desses, 1.043.815 eram para o cargo de técnico (com 800 vagas) e 43.989 para analista (com 150 vagas).

As oportunidades foram divulgadas da seguintes forma:

-Nível Médio: Técnico do Seguro Social (800 vagas). Salário de R$4.886,87 (chegando a R$ 5.259,87, após seis meses), já incluso as gratificações. Jornada de trabalho de 40 horas semanais.

-Nível Superior: Analista do Seguro Social (150 vagas). Salário de R$7.496,09 (até R$ 7.869,09), já com as gratificações. Jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Técnico: São Paulo (113), Acre (5), Alagoas (14), Amapá (5), Amazonas (34), Bahia (76), Ceará (22), Distrito Federal (10), Espírito Santo (4), Goiás (40), Maranhão (33), Mato Grosso (26), Mato Grosso do Sul (12), Minas Gerais (82), Pará (84), Paraíba (4), Paraná (37), Pernambuco (35), Piauí (2), Rio de Janeiro (17), Rio Grande do Norte (20), Rio Grande do Sul (49), Rondônia (22), Roraima (3), Santa Catarina (32), Sergipe (7) e Tocantins (12);

Analista: São Paulo (18), Acre (6), Alagoas (2), Amapá (3), Amazonas (3), Bahia (22), Ceará (7), Goiás (4), Maranhão (4), Mato Grosso (6), Mato Grosso do Sul (7), Minas Gerais (15), Paraíba (4), Rio Grande do Sul (12), Pará (6), Paraná (3), Pernambuco (3), Piauí (1), Rio de Janeiro (4), Rondônia (5), Roraima (2), Santa Catarina (6), Sergipe (1) e Tocantins (5), além do Distrito Federal (1).

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?