Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Divulgado o calendário de restituição do IR 2020; Saiba se você será reembolsado

Segundo a Receita Federal, serão cinco lotes de restituição do Imposto de Renda, que começam a ser pagos em maio.

Apesar de prorrogada a data de entrega de declaração do Imposto de Renda 2020, referente ao ano base de 2019, o calendário de pagamento das restituições do IRPF 2020 foi mantido. Neste ano, está previsto mais de 32 milhões de declarações.

Segundo a Receita Federal, serão cinco lotes de restituição do Imposto de Renda, que começam a ser pagos em maio. Os primeiros dois lotes serão preferencialmente pagos a contribuintes que integram o grupo de prioridades, como idosos com mais de 65 anos, deficientes físicos, pessoas com doenças graves e professores.

Calendário de pagamento de restituição do IRPF 2020

  • 1º lote: 29 de maio de 2020
  • 2º lote: 30 de junho de 2020
  • 3º lote: 31 de julho de 2020
  • 4º lote: 31 de agosto de 2020
  • 5º lote: 30 de setembro de 2020

Pagamento de Impostos

De acordo com a Receita Federal, pessoas que possuem impostos a pagar, as datas também foram mudadas pelo fisco por meio de instrução normativa.

  • Para a cota única ou a primeira parcela, a nova data de vencimento para pagamento à vista será no dia 10 de junho. Anteriormente, o prazo final era 10 de abril.
  • Para a segunda parcela do Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF), que teria vencimento entre os dias 11 e 30 de abril, a nova data será entre os dias 11 e 30 de junho.

Os prazos também poderão mudar para aqueles que já fizeram a impressão da DARF. Em tais casos, o contribuinte precisará imprimir um novo documento, por meio do programa do Imposto de Renda. Porém, para realização de tal procedimento, será necessário esperar a atualização cadastral e documental, a ser feita pela Receita.

Declaração do IR 2020

O prazo para declaração do Imposto de Renda 2020 começou em março deste ano. Para realizar a declaração, o contribuinte deve baixar o sistema por meio do site da Receita. O programa é disponível para computadores, smartphones e tablets. A plataforma também está disponível para diversos sistemas operacionais, como Windows, Linux, Android, iOS e outros.

Impacto do novo coronavírus

Há duas semanas, Tostes Neto afirmou que a Receita Federal está considerando adiar o prazo das declarações de IRPF por causa da pandemia do coronavírus.

Ele explicou que o órgão vai avaliar o impacto da crise nas condições do contribuinte de declarar o imposto.

Veja também: Concurso dos Correios abre inscrições para 4.462 vagas

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?