Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Construtoras se preocupam com liberação do saldo do FGTS em 2019


Já se tornou público que o governo pretende liberar parte do saldo das contas ativas do FGTS, porém, essa notícia não traz reações positivas de todos. Empresas do ramo de construção civil estão preocupados. As informações são do Portal UOL.

O setor de construção civil teme que vá faltar dinheiro para continuar as obras do Minha Casa, Minha Vida, já que os financiamentos para a compra e a construção de moradias do programa usam recursos do fundo. De acordo com o ministro da economia, Paulo Guedes, até 35% do valor depositado pelo empregador atual poderá ser retirado das contas.

Sobre o assunto, os comentários foram:

O presidente da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias, Luiz França, disse em entrevista ao jornal “O Estado de S. Paulo” que a liberação do saque do FGTS seria um golpe no setor, pois segundo suas palavras, “O Minha Casa Minha Vida tem sido o motor do mercado nos últimos anos”.

O vice-presidente de habitação da entidade, Ronaldo Cury, disse sobre o assunto: “Um saque na ordem de R$ 42 bilhões, como foi falado, vai mexer com a liquidez do fundo. Todos os empresários do setor estão inseguros.”

Vale lembrar que cálculos foram refeitos, e o valor passou de R$ 42 bilhões para cerca de R$ 30 bilhões.

Ainda sobre o assunto, o copresidente da construtora MRV, Rafael Menin, disse: “Uma ação do governo federal que possa diminuir a liquidez do fundo não seria boa para o setor”, declarou. “Confiamos na capacidade técnica dos membros do governo e esperamos que não tomem nenhuma medida estabanada que afete a continuidade do programa.”

Ainda foi dito que o saque das contas ativas do FGTS pode impactar os planos de crescimento de construtoras com foco na baixa renda, mas ajudar companhia de shopping centers, por aumentar a confiança dos empresários no setor de varejo e desencadear mais aberturas de lojas.

FGTS pode ser usado para compra de casa própria

O saldo do FGTS pode ser sacado pelo trabalhos apenas em algumas ocasiões, como em caso de demissão sem justa causa ou na compra de uma casa própria. Para quem vai financiar o imóvel, o dinheiro do fundo pode ser usado em três momentos: entrada, reduzir o saldo devedor e pagar parcelas atrasadas.

O saldo pode ser usado somente se o imóvel custar, no máximo, R$ 1,5 milhão. O trabalhador também precisa atender a alguns requisitos:

  • Ter pelo menos três anos de trabalho com carteira assinada
  • Não ser dono de outro imóvel localizado no município de sua atual residência, ou onde exerce seu trabalho principal, incluindo os municípios limítrofes e integrantes da mesma região metropolitana
  • Não possuir financiamento ativo no Sistema Financeiro de Habitação (SFH)

Para quem tem parcelas do financiamento em atraso, só é possível usar o FGTS para quitar até 80% de cada prestação atrasada, sendo que existe um limite de até 12 mensalidades.

Leia Também:

top planilha
3 Comentários
  1. Jucimar rocha Diz

    Os empresários só pensam em si próprio,em usar nosso dinheiro para ganhar mais dinheiro, e nois mesmo que somos o dono, só ficamos chupando dedos.

  2. WINHEN RAMON COSTA MARTINS Diz

    Para os empresários é muito fácil falar que o saque do fgts dos trabalhadores.”que vai faltar dinheiro para a construção no projeto deles para construir casas” mais é porque eles tem dinheiro! O trabalhador que rala para caramba para ter um fgts que é por direito nosso,os empresários usam para are carda mais dinheiro ainda escima da classe trabalhadora.sendo que não tem o retorno que poderiam ter para agente um lucro maior. ja que é nos que é investimos nosso suor. E brincadeira isso.
    Agora eu digo quer fazer as coisas andarem e ver nosso país com boa educação um bom ospital de 5 estrela como um país sub desenvolvido. Deixa agente decidir como aplicar nosso dinheiro como quiser para ver se as coisas não vão andar nos trilhos. É só os empresário procurar pelo povo e pagar a correção serta. Que aí vamos para frente.conversar cara cara.não meter a mão no que é nosso e fazer o que eles querem e como bem entender.isto servi para nossos presidente.
    Ele tem sim que liberar o saque.porque e nosso por direito.e outra votei nele para que ele mudase nosso país e é o que ele tá fazendo.

  3. Lourdes Maria dos Santos Diz

    Gostaria de saber como faço para receber o meu PASEP sou aposentada trabalhei trinta e três anos do que recebe foi 800 reais isso não tá errado o governo tem que ver isso junto as prefeituras eu sou de Recife

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.