Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso Polícia Civil 2018: Edital com 300 vagas para nível médio e superior até março! Até R$18mil

Cresce a expectativa de realização do concurso da Polícia Civil do Estado de Roraima (Concurso PC RR 2018). Previsto para ser publicado no ano passado, o edital não foi publicado devido detalhes administrativos e o recesso da comissão responsável pelo certame. A expectativa é que o edital seja divulgado com 300 vagas.

No dia 03 de dezembro, em entrevista a Rádio Folha 1020, a delegada titular da Delegacia Geral Polícia Civil de Roraima, Edinéia Chagas, disse que o concurso será uma das prioridades para 2018. “Hoje em dia são 66 delegados, com um quantitativo geral de 400 agentes, quando o ideal pela lei é de mil agentes. O quantitativo de delegados da Polícia Civil hoje em dia é pequeno, todos direcionados a atividade operacional. Por isso o concurso é necessário. O crime aumentou em Roraima e a Polícia Civil não cresceu. Nossa meta é torná-la mais eficaz com o aumento do efetivo no ano que vem”, frisou.

A delegada também frisou o interesse em elaborar um projeto de lei com objetivo de criar o corpo técnico da Polícia Civil. As vagas também seriam preenchidas através de concurso. “Eu preciso de dois estatísticos, um administrador, um contador. Preciso de psicólogo e assistente social para melhor atender a vítima vulnerável a partir das delegacias. Como esse corpo técnico ainda não foi criado, hoje a gente percebe o quanto é necessário”, finalizou.

O Concurso Polícia Civil PC RR 2018

Foi divulgado no Diário Oficial do Estado, a escolha da Fundação Vunesp como organizadora do certame da corporação, após possuir a melhor proposta comercial e capacidade técnica comprovada na documentação apresentada. A assinatura de contrato entre as partes deve ser anunciada em breve.

O concurso PC/RR autorizado prevê o preenchimento de nada menos que 300 vagas. De acordo com informações do Secretário de Segurança Pública Estadual, delegado Francisco Araújo, o documento de abertura será divulgado em breve. O delegado também informou que as avaliações objetivas e discursivas devem ser aplicadas no primeiro semestre de 2018, entre os meses de março e abril. O concurso ainda contará com avaliação psicológica, exames biométricos, avaliação de capacidade física e investigação social e funcional. A necessidade por um novo edital é grande, por conta da necessidade por pessoal. “Nós temos um déficit muito grande. Muitos delegados e policiais estão se aposentando e não temos a mobilidade para criar novas delegacias no interior para poder ter uma atuação mais ampla”, disse.

Cargos, Vagas, Requisitos e Atribuições dos cargos da Polícia Civil

O edital de concurso PC/RR deve contar com vagas para os cargos de Escrivão, Agente de Polícia, Delegado, Auxiliar de Necrópsia , Auxiliar de Papiloscopista, Médico Legista e Odonto Legista. Os requisitos dos cargos, conforme o último concurso, são os seguintes:

O cargo de Delegado de Polícia Civil tem requisito de Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Direito, fornecido por instituição de ensino credenciada pelo órgão competente. O cargo deverá Desempenhar atividades de nível superior envolvendo a direção, a coordenação, a supervisão e a fiscalização das atividades administrativas e operacionais do órgão ou unidade policial sob sua direção, bem como desempenhar outras atividades de interesse do órgão. A jornada de trabalho será Integral, com exclusiva dedicação às atividades do cargo, com jornada semanal mínima de quarenta horas, podendo ser convocado a qualquer tempo, a critério da Administração.

O Médico Legista tem requisito de Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Medicina, observadas as especialidades em Ginecologia e Obstetrícia, Ortopedia, Radiologia, Cirurgia Patológica, Psiquiatria, Neurologia, Oftalmologia, Anestesiologia, Cirurgia Geral, Medicina Legal, Genética Médica e Clínica Médica, fornecido por instituição de ensino credenciada pelo órgão competente. O cargo deverá desempenhar atividades de nível superior envolvendo, no campo pericial respectivo, a função policial técnico-científica de polícia judiciária e administrativa, procedendo as perícias médico-legais para determinação da causa mortis ou natureza das lesões e a conseqüente elaboração de laudos periciais, bem como desempenhar outras atividades de interesse do órgão. A jornada de trabalho será integral, com exclusiva dedicação às atividades do cargo, com jornada semanal mínima de quarenta horas, podendo ser convocado a qualquer tempo, a critério da Administração.

O Odonto Legista deverá ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Odontologia, fornecido por instituição de ensino credenciada pelo órgão competente. O cargo vai desempenhar atividades de nível superior envolvendo a orientação e a realização de exames odonto-periciais em vítimas de morte recente, exames anatomopatológicos, exames relativos à lesão corporal, emissão de pareceres, bem como desempenhar outras atividades de interesse do órgão. A jornada de trabalho será Integral, com exclusiva dedicação às atividades do cargo, com jornada semanal mínima de quarenta horas, podendo ser convocado a qualquer tempo, a critério da Administração.

O Perito Criminal tem exigência de diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação, fornecido por instituição de ensino credenciada pelo órgão competente. O Perito vai desempenhar atividades de nível superior, envolvendo planejamento, coordenação e controle na área da perícia criminalística, observada a respectiva especialidade, bem como desempenhar outras atividades de interesse do órgão. A jornada de trabalho é Integral, com exclusiva dedicação às atividades do cargo, com jornada semanal mínima de quarenta horas, podendo ser convocado a qualquer tempo, a critério da Administração.

O Escrivão de Polícia requer certificado, devidamente registrado, de conclusão de ensino médio (antigo segundo grau), fornecido por instituição de ensino credenciada pelo órgão competente. O cargo deverá desempenhar atividades relacionadas ao cumprimento das formalidades legais necessárias aos inquéritos, aos processos e aos demais serviços cartorários, bem como desempenhar outras atividades de interesse do órgão. A jornada de trabalho será integral, com exclusiva dedicação às atividades do cargo, com jornada semanal mínima de quarenta horas, podendo ser convocado a qualquer tempo, a critério da Administração.

Último concurso da Polícia Civil PC RR

O último concurso da Polícia Civil de Roraima foi divulgado com 930 vagas, sendo ofertadas vagas para Médico-Legista (25), Odonto-Legista (05) e Perito Criminal (30), com requisito de ensino superior. Houve oportunidades para nível fundamental nos cargos de Auxiliar de Necrópsia (20) e Auxiliar de Perito Criminal (20). Por fim, o edital de concurso contou com vagas para os cargos de Escrivão (100), Agente de Polícia Civil (400), Agente Carcerário (200), Perito Papiloscopista (30) e Delegado (100).

Os candidatos foram avaliados por prova objetiva; discursiva; avaliação psicológica; exames biométricos e psicológicos; avaliação da capacidade física; e investigação social e funcional.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

O concurso de Delegado contou com provas objetivas de Conhecimentos Gerais (50 questões) e Conhecimentos Específicos (100 questões). Além disso, houve prova discursiva. Já para agente de Polícia Civil, agente carcerário, escrivão e perito papiloscopista foram 150 questões, distribuídas em blocos de conhecimentos gerais e específicos.

Leia Também:

PENSAR CURSOS brasil 123

Comentários estão fechados.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?