Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso PM e Polícia Científica SP: João Doria autoriza 1.039 convocações

Em coletiva de imprensa na última sexta-feira, 15 de março, o governador de São Paulo, João Doria, autorizou o chamamento de 1.039 aprovados em concursos da área de segurança. De acordo com o chefe do governo estadual, serão chamados 590 profissionais para a Polícia Militar e 449 para a Polícia Científica.

Para Polícia Científica serão convocados aprovados nos cargos de médico legista (51), perito criminal (240), fotógrafo (128) e desenhista técnico-pericial (30). Já para Polícia Militar, serão incorporados convocados soldados de 2° classe. “É um conjunto de ações na área de Segurança Pública por força da prioridade que este Governo dá à área para garantir à população condições melhores de policiamento nas ruas”, disse Doria.

O último concurso da Polícia Científica-SP foi divulgado entre 2013 e 2014. Segundo o setor de Recursos Humanos do Estado, os salários chegam a R$8.285,66 para médicos legistas e peritos criminais e R$3.589,86 para fotógrafos e desenhistas.

Na coletiva de imprensa, o comandante-geral da PM-SP, Marcelo Vieira Salles, adiantou que os soldados vão iniciar suas atividades a partir do ano que vem. Antes disso, os profissionais passarão por um curso de formação. “Eles vão iniciar o curso de formação de soldados em maio de 2019 e já estarão atuando em maio de 2020”, disse o comandante.

A remuneração básica inicial para o cargo de Soldado PM de 2ª Classe é de R$ 3.143,70 (três mil, cento e quarenta e três reais e setenta centavos), sendo que as parcelas que a compõem são: padrão no valor de R$ 1.226,03 (mil, duzentos e vinte e seis reais e três centavos), Regime Especial de Trabalho Policial (RETP), no valor de R$ 1.226,03 (mil, duzentos e vinte e seis reais e três centavos), e insalubridade, no valor de R$ 691,64 (seiscentos e noventa e um reais e sessenta e quatro centavos).

Concursos da área da segurança em SP têm 21 mil vagas previstas

O governador João Doria prometeu, no início do ano, aumentar o efetivo e realizar novos concursos para Segurança Pública de São Paulo. No total, ele pretende preencher 21 mil vagas, sendo 13 mil para PM e 8 mil para Polícia Civil.

Polícia Civil

Polícia Civil do Estado de São Paulo vai abrir novos concursos públicos nos próximos anos. O novo governador do Estado, João Dória, afirmou que em seu governo um dos focos é a melhoria na segurança pública e garantiu que irá aumentar o efetivo da corporação abrindo novas seleções. Segundo o novo chefe do executivo estadual, serão abertas 8 mil vagas durante seu governo.

topapostilas.com.br

“Vamos transferir para as ruas os 6 mil agentes que hoje fazem escolta de presos. Isso vai ampliar imediatamente o atendimento à população. Depois, faremos concursos públicos para 13 mil policiais militares e 8 mil policiais civis. Mas será uma ampliação gradual”.

A expectativa é que o edital seja divulgado para os mesmos cargos ofertados no último certame: Escrivão e Investigador de Polícia, Papiloscopista, Agente de telecomunicações, agente policial, Auxiliar de papiloscopista e Delegado.

O último concurso da PC-SP foi divulgado em 2018 com oferta de 2.750 vagas. As vagas foram destinadas aos cargos de escrivão (800), investigador (600), agente policial (400), agente de telecomunicações (300), delegado (250), auxiliar de papiloscopista (200) e papiloscopista (200).

  • Concurso: Polícia Civil do Estado de São Paulo
  • Banca organizadora: a definir
  • Escolaridade: médio e superior
  • Número de vagas: 8 mil vagas anunciadas
  • Remuneração: a definir
  • Inscrições: a definir
  • Taxa de Inscrição:a definir
  • Provas: a definir
  • Situação: ANUNCIADO
  • Saiba mais sobre o concurso.

 

Polícia Militar

Polícia Militar do Estado de São Paulo vai abrir novos editais de concurso público (Concurso PM Soldado) em breve. O governador eleito do Estado, João Dória, em entrevista ao Bom dia Brasil anunciou que em seu governo umas das prioridades é aumentar o efetivo e melhorar a Segurança Pública do Estado. De acordo com novo chefe do executivo estadual, serão abertas novas 13 mil vagas para corporação.

“Vamos transferir para as ruas os 6 mil agentes que hoje fazem escolta de presos. Isso vai ampliar imediatamente o atendimento à população. Depois, faremos concursos públicos para 13 mil policiais militares e 8 mil policiais civis. Mas será uma ampliação gradual”.

Além do quantitativo anunciado, Dória prometeu que vai melhorar a remuneração dos policiais, aumentar as bases da corporação, passando de 400 para 1.200 e, comprar mais armas e equipamentos para a Polícia Militar-SP.

São requisitos para a inscrição no concurso público: ser brasileiro; ter idade mínima de 17 (dezessete) anos; ter idade máxima de 30 (trinta) anos; ter estatura mínima, descalço e descoberto, de: 1,55 m (cento e cinquenta e cinco centímetros), se mulher; 1,60m (cento e sessenta centímetros), se homem. Além disso, no momento de ingresso na corporação será necessário apresentar CNH para condução de veículo motorizado entre as categorias “B” e “E”.

O último concurso da Polícia Militar de São Paulo foi divulgado com 2.700 vagas no cargo de Soldado PM de 2ª Classe do Quadro de Praças de nível médio.
  • Concurso: Polícia Militar do Estado de São Paulo
  • Banca organizadora: a definir
  • Escolaridade: nível médio
  • Número de vagas: 13 mil vagas anunciadas
  • Remuneração: R$ 3.143,70
  • Inscrições: a definir
  • Taxa de Inscrição:a definir
  • Provas: a definir
  • Situação: ANUNCIADO
  • Saiba mais sobre o concurso

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.