Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso INSS: 950 aprovados serão nomeados ainda em 2016


Excelente notícia para os aprovados no último concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (Concurso INSS 2016 – Nomeações). Novos servidores deverão ser nomeados para o órgão até o fim do ano. O anúncio foi feito pelo Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, durante a abertura do Workshop de capacitação, gestão e planejamento estratégico dos gestores do INSS.

De acordo com Osmar Terra, o presidente Michel Temer autorizou as convocações. “Conseguimos com o Presidente Temer o aumento no número de funcionários, pois está muito tempo sem contratar e o INSS tem uma demanda cada vez maior. Nós precisamos ter um corpo minimamente inúmero para exercer a função”, disse.

O presidente do órgão, Leonardo Gadelh, declarou ainda que pretende chamar os 475 excedentes (400 técnicos e 75 analistas), e que o pedido para ter o adicional de 50% das vagas será protocolado no Planejamento. Os candidatos aprovados dentro do número de vagas, serão convocados de acordo com a sua classificação, observando os critérios especificados no edital.

topapostilas.com.br

Logo após a publicação das nomeações no Diário Oficial, confira todas as informações aqui no site.

O Concurso INSS

Divulgado no dia 22 de dezembro de 2015, o Concurso do INSS ofereceu 950 vagas, sendo 800 para Técnico do Seguro Social (nível médio) e 150 Analista do Seguro Social (nível superior). As inscrições puderam ser realizadas até 22 de fevereiro de 2016. As oportunidades foram divulgadas da seguintes forma:

  • -Nível Médio: Técnico do Seguro Social (800 vagas). Salário de R$4.886,87 (chegando a R$ 5.259,87, após seis meses), já incluso as gratificações. O técnico exercerá a função por 40 horas semanais.
  • -Nível Superior: Analista do Seguro Social (150 vagas). Salário de R$7.496,09 (até R$ 7.869,09), já com as gratificações. O analista terá jornada de 40 horas semanais.

Técnico: São Paulo (113), Acre (5), Alagoas (14), Amapá (5), Amazonas (34), Bahia (76), Ceará (22), Distrito Federal (10), Espírito Santo (4), Goiás (40), Maranhão (33), Mato Grosso (26), Mato Grosso do Sul (12), Minas Gerais (82), Pará (84), Paraíba (4), Paraná (37), Pernambuco (35), Piauí (2), Rio de Janeiro (17), Rio Grande do Norte (20), Rio Grande do Sul (49), Rondônia (22), Roraima (3), Santa Catarina (32), Sergipe (7) e Tocantins (12);

Analista: São Paulo (18), Acre (6), Alagoas (2), Amapá (3), Amazonas (3), Bahia (22), Ceará (7), Goiás (4), Maranhão (4), Mato Grosso (6), Mato Grosso do Sul (7), Minas Gerais (15), Paraíba (4), Rio Grande do Sul (12), Pará (6), Paraná (3), Pernambuco (3), Piauí (1), Rio de Janeiro (4), Rondônia (5), Roraima (2), Santa Catarina (6), Sergipe (1) e Tocantins (5), além do Distrito Federal (1).

Leia Também:

top planilha

Comentários estão fechados.