Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso ANTT: Sindicato defende abertura de novo edital, solicitado para 394 vagas


A realização de um novo edital de concurso público para Agência Nacional de Transportes Terrestres (Concurso ANTT) é defendido pela Associação dos Servidores da ANTT (AseANTT). Segundo a entidade sindical, o motivo é a carência de servidores. As informações são da Folha Dirigida.

“A AseANTT endossa a necessidade de ampliar o quadro de pessoal da ANTT. Esperamos que o governo atenda ao pleito para robustecer o corpo técnico da autarquia e, consequentemente, otimizar o trabalho da agência, em prol do desenvolvimento do transporte no país”, disse a diretora de Comunicação e Marketing da AseANTT, Juliana Gonçalves de Oliveira.

Segundo a sindicalista, a Agência está sobrecarregada com a demanda de trabalho atual, pois está operando com um quadro de pessoal bastante defasado. “Estamos sobrecarregados para cumprir as tarefas e desafios propostos para as concessões rodoviária e ferroviária, e suprir as demandas do desenvolvimento logístico do país. Quando da criação da ANTT, o quadro efetivo total era de 1.705 servidores, distribuídos nos quatro cargos existentes. No entanto, apenas 56% desse total foi preenchido. Isso precisa ser melhorado”, disse.

Edital do concurso ANTT foi solicitado para 394 vagas

É grande a expectativa de realização do concurso público da Agência Nacional de Transportes Terrestres (Concurso ANTT 2019). De acordo com informações da assessoria de imprensa da autarquia, um novo edital foi solicitado ao Ministério da Economia com 394 vagas. O pedido foi feito na última sexta-feira, 31 de maio, data limite para os órgãos federais enviarem os pedidos de novos concursos para o próximo ano.

Concurso ANTT 2019 foi solicitado com vagas para os cargos de Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Terrestres (63 vagas), Técnico em Regulação de Serviços de Transportes Terrestres (208 vagas), Analista Administrativo (36 vagas) e Técnico Administrativo (87 vagas).

Os cargos de técnico têm requisito de nível médio completo, enquanto os cargos de analista e especialista têm requisito de nível superior. Os salários chegam a até R$15,5 mil, já considerando o auxílio alimentação de R$458,00. Veja os valores:

R$7.474,64 para técnico administrativo;

R$7.846,37 para técnico em regulação;

R$14.265,57 para especialista em regulação;

R$15.516,12 para analista administrativo.

A ANTT tem sede em Brasília (DF). No entanto, há possibilidade de lotação de vagas nas unidades regionais no Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Sul, Ceará, Maranhão, Bahia, Pernambuco e Santa Catarina.

De acordo com a Associação dos Servidores da ANTT (ASEANTT), o número de oportunidades que deverão ser oferecidas não supre a real necessidade de servidores. “As vagas apenas completam o quadro previsto na criação da agência, com lei de 2001. A realidade mudou muito desde então. É grande a rotatividade de funcionários, o que agrava ainda mais essa realidade deficitária”.

O concurso ANTT é considerado urgente, já que, por lei, a Agência pode ter até 1.705 servidores. No entanto, o órgão tem déficit de 731 profissionais. O quantitativo de cargos preenchidos corresponde a 57,1% do total de servidores

O último concurso da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) foi realizado em 2013, quando contou com oportunidades para Analista Administrativo, Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Terrestres, Técnico em Regulação de Serviços de Transportes Terrestres e Técnico Administrativo. O certame contou com a organização do Cebraspe/Cespe.

Leia Também:

top planilha
1 comentário
  1. Ilda Martins Diz

    Tenho mais de 60 anos ainda não me aposentei; queria tanto trabalhar de Auxeliar de. Serviço Gerai para uma instituição.do Estado porque sempre fui Domestica

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.