Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Instituição promove atividades inéditas para pessoas com deficiência 

O Pertence Cultural está promovendo o projeto “A Arte de Pertencer” que possibilita levar cultura às pessoas com deficiência em vulnerabilidade social e econômica.

O projeto está na sua 4ª edição e neste ano começa em outubro e acontecerá de maneira híbrida. As atividades serão virtuais e presenciais. Ao todo, serão mais de 600 vagas virtuais e 120 presenciais, todas elas gratuitas. 

As atividades consistem em oficinas de teatro, dança e música destinadas para pessoas com deficiência intelectual a partir dos sete anos. 

As entrevistas e inscrições podem ser realizadas online ou presencialmente até o dia 30 de outubro. Os candidatos deverão fazer uma pré-inscrição por meio do site, clicando aqui

Objetivo da ação

O principal objetivo do projeto é possibilitar às pessoas com deficiência o acesso à cultura e suas práticas artísticas, assim como, a sociabilização e a integração, além de benefícios físicos e mentais dos participantes e suas famílias, melhorando assim, a qualidade de vida.

Participantes do país inteiro poderão realizar as atividades online através de uma plataforma e ter o acompanhamento remoto dos profissionais do Pertence ou ainda fazer atividades na hora e local que desejarem. 

As atividades presenciais acontecerão na sede do Pertence, R. Gonçalves Lêdo, 473, no Bairro Partenon, em Porto Alegre/RS.

As oficinas virtuais, que buscam melhor compreensão e interação, buscam desenvolver habilidades físicas e psicológicas dos participantes. 

Além disso, são ótimas opções de exercícios físicos que buscam a autoconsciência corporal e exploram os potenciais criativo e artístico por meio de propostas que podem ser realizadas em casa. 

As oficinas realizadas presencialmente também trabalham todos esses aspectos que buscam despertar alguns conceitos, como:

  • Criatividade, 
  • Autonomia,
  • Interação.

A ação também abre oportunidades para outras organizações que atendem pessoas com deficiência em todo o Brasil, afinal é possível abrir vagas coletivas para disponibilizar aos beneficiários de escolas e organizações especializadas. 

As instituições que desejam disponibilizar atividades para os seus atendidos deverão se candidatar por meio do site, clicando aqui

Por fim, o projeto foi aprovado pelo Ministério do Turismo por meio da Lei de Incentivo à Cultura e conta com o patrocínio das seguintes empresas:

  • Alibem, 
  • Ambev, 
  • Bem, 
  • Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, 
  • Dufrio, 
  • Pedralli, 
  • Pmweb, 
  • Unifértil e TozziniFreire.

E então, gostou da matéria? Não deixe de ler também – Encerramento do Auxílio Emergencial: Confira as últimas datas de pagamento

Avalie o Texto.

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.