Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Vestibular: Como as obras literárias obrigatórias são cobradas

Entre as cobranças certas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e de diversos vestibulares de instituições brasileiras de ensino superior, está a exigência de obras literárias.

Geralmente são exigidas obras do cânone brasileiro, mas na lista de obras obrigatórias podem aparecer também livros de autores contemporâneos ou estrangeiros. Continue a leitura para saber como essas obras são cobradas.

No Enem não há cobrança de uma ou mais obras especificamente, mas aparecem diversos trechos de obras variadas ou mesmo poemas inteiros. Geralmente, textos de autores mais reconhecidos como Machado de Assis, Cecília Meireles, Guimarães Rosa e Clarice Lispector, por exemplo, servem de apoio a alguma temática.

Além da interpretação dos textos, pode ser cobrada alguma contextualização histórica do período de criação e publicação da obra ou sobre as características da literatura do escritor.

Já as universidades que realizam seus próprios processos seletivos, como a USP e a Unicamp, por exemplo, costumam exigir e divulgar uma lista de obras literárias obrigatórias.

Nesse sentido, as questões costumam ser mais complexas e direcionadas aos livros que aparecem na lista.

Há perguntas que exigem do aluno o estabelecimento da relação entre as obras e os eventos históricos. É recomendado, então, além de ler a obra, estudar o período em que ela se insere, bem como a escola literária a qual pertence.

Uma boa forma de se preparar é estudar outros autores que sejam do mesmo período para analisar as características comuns à maioria. Identificar as motivações políticas, sociais e culturais do escritor também é fundamental para responder bem as questões específicas.

Outra característica das obras literárias bastante requisitada nos vestibulares é quanto a sua forma e quanto à linguagem usada nos textos, contudo, a caracterização dos personagens costuma receber maior atenção nas questões.

Assim, o vestibulando deve se ater aos perfis psicológicos e sociais das personagens traçados nas obras.

É fundamental ler as obras e estudar suas características, principalmente para as questões sobre obras contemporâneas que costumam pegar os vestibulandos de surpresa. Quanto às obras canônicas, uma boa forma de se preparar é respondendo questões dos vestibulares de anos anteriores.

Gostou deste texto? Então deixe seu comentário!
Veja também: Literatura no Enem: 5 curiosidades sobre a Semana de Arte Moderna.

5 curiosidades sobre escritores que são cobrados no Enem

 

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?