Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Por falha de segurança, provas do Encceja 2019 podem ser canceladas

Uma quebra no protocolo de segurança do foi detectada nas instalações do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira ( Inep ) e colocou em risco a realização das provas do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) deste ano.

O Encceja tem como principal objetivo construir uma referência nacional de educação para jovens e adultos por meio da avaliação de competências, habilidades e saberes adquiridos no processo escolar ou nos processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais, entre outros.

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) deste ano está marcado para o dia 25 de agosto de 2019 em 611 municípios do país, pela manhã e pela tarde. No entanto, corre o risco de não acontecer devido à falha, conforme informou o presidente do INEP, Alexandre Lopes.

No Brasil e no exterior, o Encceja 2019 pode ser realizado para pleitear certificação no nível de conclusão do ensino fundamental e ensino médio. Para certificação do ensino fundamental, é preciso ter, no mínimo, 15 anos completos na data de realização do exame. A certificação do ensino médio exige a idade mínima de 18 anos completos no dia de aplicação da prova.

Vazamento

De acordo com o presidente do INEP, até a noite da última terça-feira, 21 de maio, não houve vazamento da prova em si. A quebra do protocolo de segurança aconteceu na noite da última segunda-feira (20), na entrega das provas para a gráfica que ficará responsável pela impressão das provas, em São Paulo.

O servidor que viajou de Brasília para abrir a prova apenas na sala cofre da gráfica esqueceu a senha. O servidor ligou para o superior, que entrou na sala cofre do Inep, adquiriu a senha da prova e passou para o servidor, por telefone. O procedimento correto seria gravar outra mídia e ser feita uma nova senha. Ambas deveriam ser reenviadas para a gráfica.

topapostilas.com.br

Servidores serão exonerados

O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Alexandre Lopes, relatou uma quebra de alto risco no protocolo de segurança do Exame Nacional de Certificação e Competências de Jovens e Adultos (Encceja). Dois servidores serão exonerados do cargo em comissão que ocupam na autarquia, por envolvimento no caso.

As inscrições estão mantidas e vão até o dia 31 de maio. “Queremos tranquilizar as pessoas que estão se inscrevendo”, explicou o presidente. Mais de 700 mil pessoas já se inscreveram.

De acordo com o presidente, o problema foi registrado pela equipe de segurança do Inep. Os procedimentos internos foram seguidos à risca para garantir a credibilidade das provas do Encceja.

Exame pode ser adiado

De acordo com o presidente do INEP, “há chance” de a prova não ser aplicada neste ano. É provável, ainda, que o exame seja modificado. Haverá uma análise da equipe técnica para avaliar se aproveita a versão atual da prova ou se elabora outra.

Apesar da indefinição, o cronograma do Encceja segue valendo. O INEP receberá os interessados até o dia 31 de maio. Segundo balanço do Ministério da Educação (MEC), já foram 730 mil inscritos.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.