Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Perspectiva de inflação em 2020 é aumentada pela sexta vez

Semana passada, a perspectiva de inflação era de 1,94%, ante 1,99% dessa semana

A expectativa da inflação para 2020 foi elevada pela sexta vez no ano. O aumento previsto pelo mercado aconteceu após as preocupações sobre alta dos preços. Ao mesmo tempo, a perspectiva para a economia do país melhorou. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (21) pelo Banco Central, após pesquisa Focus.

De acordo com o levantamento semanal, a expectativa de alta da inflação para 2020 é de 1,99%. Anteriormente, semana passada, a expectativa divulgada era de 1,94% e meta de 4%. A margem de tolerância é de 1,5%¨para mais ou para menos. Foi a sexta semana consecutiva que a projeção teve aumento.

Vem sendo percebido forte alta nos preços do atacado, preocupando o mercado. O Banco Central divulgará ata de sua última reunião de política monetária nesta terça-feira (22). A expectativa para a inflação em 2021 continuou igual, em 3,01%. Ainda para 2021, o centro da meta é 3,75%. A margem de tolerância também é de 1,5% para mais ou para menos.

Os especialistas preveem contração de 5,05% no Produto Interno Bruto (PIB) de 2020. Para 2021, a previsão é de crescimento de 3,5% do PIB. Já a Selic deve continuar a 2,0% em 2020 e em 2,50% em 2021. O grupo Top-5, um dos mais que mais faz previsões acertadas, prevê Selic a 2,0% no fim de 2020 e também no fim de 2021.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?