Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Imposto de Renda 2020: Um milhão de brasileiros já estão na malha fina

Motivo mais comum para malha fina foi omissão de salários

Nesta terça-feira, 30 de junho, antes mesmo do prazo para declaração do Imposto de Renda 2020 chegar ao fim, a Receita Federal informou que já havia 1,015 milhão de brasileiros na malha fina. O contribuinte cai na malha fina quando são encontradas inconsistências nas informações dadas.

O balanço mostrava que o erro mais comum entre os contribuintes era omitir rendimentos, em especial o salário. Ao todo, 42,2% das declarações que caíram na malha fina foram por esse motivo. A segunda razão mais comum para malha fina foi por despesas médicas sem comprovação, representando um total de 33,3%.

Até às 18h de terça-feira, 30 de junho, a Receita federal havia recebido 30,9 milhões de declarações. Do total, 1,2 milhão foram enviadas de dispositivos móveis, como smartphones. O prazo terminou às 23h59.

A expectativa da Receita era de receber 32 milhões de declarações. No último dia, o órgão recebeu uma média de 264 mil declarações a cada hora.

Quem perdeu o prazo pode entregar a declaração a partir das 8h da manhã de quarta-feira, 1 de julho. Entretanto, a declaração com atraso será feita com multa correspondente a 1% ao mês sobre o imposto devido. O valor mínimo da multa é R$ 165,74 e o máximo, 20% do imposto devido, com juros proporcionais à taxa Selic.

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?