Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Distrito Federal inicia a semana com 290 vagas

Há chances para todos os níveis de escolaridade e senioridade

Está em busca de uma oportunidade de emprego? Saiba que o Distrito Federal inicia a semana com 290 vagas em diferentes áreas e funções. Há chances para todos os níveis de escolaridade, do ensino fundamental ao superior, e senioridade – de auxiliar à gerente.

Dentre as oportunidades, destacam-se as funções de açougueiro, auxiliar de cozinha, auxiliar de linha de produção, auxiliar de marceneiro, auxiliar de saúde bucal, ajudante de fundidor, ajudante de motorista, ajudante de serralheiro, corretor de imóveis, costureira em geral, mecânico, pedreiro, padeiro, vendedor pracista, vendedor de consórcio, técnico de refrigeração, psicólogo social, pizzaiolo, pintor de obras, motofretista, gerente administrativo, empregado doméstico e muito mais.

As remunerações variam de acordo com a função e, claro, com o empregador. Há opções a partir de R$ 1,1 mil, mais benefícios.

Como se candidatar

Os interessados em concorrer a qualquer uma das vagas oferecidas hoje deverão procurar uma das 14 agências do trabalhador do Distrito Federal. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A relação de agências e outras informações podem ser encontradas no site da Secretaria do Trabalho.

É possível, ainda, conferir a lista completa de oportunidades disponíveis clicando aqui e cadastrar o currículo no aplicativo Sine Fácil. É importante notar que mesmo que o candidato não se encaixe em um dos perfis das vagas disponibilizadas, o sistema poderá cruzar informações e encontrar uma oportunidade de acordo com suas especificações.

A Secretaria de Trabalho também disponibiliza um número de telefone para atendimento em caso de dúvidas. Para entrar em contato com o órgão e tratar sobre qualquer um dos serviços prestados pela pasta, responsável pelas agências do trabalhador, basta ligar (61) 99209-1135.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.