Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Cenário ideal é o auxílio de R$ 600 deixar de existir ou diminuir, diz Banco Central

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou que o país não é capacitado para continuar a pagar R$ 600 de auxílio emergencial em 2021.

Diante da crise econômica causada pela pandemia do coronavírus, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou que o país não é capacitado para continuar a pagar R$ 600 de auxílio emergencial em 2021.

De acordo com Campos Neto, a recuperação da economia no Brasil no próximo ano, provocada pelo consumo, virá da queda da taxa de desemprego e do fato de os trabalhadores gastarem parte da poupança acumulada ao longo deste ano.

“Obviamente temos uma preocupação fiscal e o Brasil não tem capacidade de seguir pagando R$ 600 por mês. O cenário ideal para o BC é onde o auxílio deixa de existir ou diminui [de valor]. A gente entende que vai ter algum tipo de programa, que não nos cabe comentar. Com isso, o efeito auxilio [na economia] tende a diminuir e a poupança será usada no consumo”, afirmou.

Auxílio prorrogado até dezembro

O presidente Jair Bolsonaro anunciou a prorrogação do auxílio emergencial por quatro meses no valor de R$ 300. A extensão do auxílio já foi oficializada por meio de medida provisória e agora terá que ser aprovada por deputados e senadores no Congresso Nacional.

“Não é um valor o suficiente muitas vezes para todas as necessidades, mas basicamente atende. O valor definido agora há pouco é um pouco superior a 50% do valor do Bolsa Família. Então, decidimos aqui, até atendendo a economia em cima da responsabilidade fiscal, fixá-lo em R$ 300”, disse Bolsonaro. 

Neste ano, o Executivo depositou cinco parcelas de R$ 600 para os beneficiários do auxílio, visando ajudar os brasileiros de baixa renda, trabalhadores informais, MEIs, autônomos e desempregados.   

O presidente Jair Bolsonaro já havia informado sobre a redução do valor do benefício e argumentou que, o valor pode parecer pouco para os brasileiros afetados pela pandemia, mas “é muito para quem paga, no caso, o Brasil”.  

De acordo com cálculos feitos pela equipe econômica, o custo mensal do benefício foi de R$ 50 bilhões por mês durante a primeira fase do programa.

Leia Também:

23 Comentários
  1. Guilherme Diz

    É o país dos pilantras e das regalias,
    Juizes ganhando fortunas e não fazem nada. Politicos roubando o tempo todo. Vagabundos que tem saidinha temporária e não voltam.
    Empresários aproveitadores que aumentam os alimentos em tempos de pandemia. E por esses e outros que o Bradil está assim. Uma merda
    O povo tem o poder de eleger mas não de governar.
    Esse país é uma vergonha.
    Será que Bolsonaro viveria com 600 reais? Isso ele gasta no seu almoço pago pelo povo é um pilantra que não faz nada pelo povo. O pior presidente de todos os tempos.

  2. Pedro Diz

    Se tem uma coisa que o Brasil não suporta mais, é pagar tanto imposto e tributos ao Estado, e na hora desse mesmo Estado cumprir com sua função, sempre diz não ter recurso. Claramente o dinheiro desses impostos em sua maior parte não retorna em beneficio público, pois vemos a ausência de resultados governo após governo. E fica o questionamento ao presidente do banco central: Se ele e o banco que preside de fato se importam com o Brasil e com o povo brasileiro, que tal acabar com a agiotagem legalizada dos bancos que espoliam o trabalhador até dizer chega. Quer mudar o Brasil pra melhor cidadão ponha 1° ordem na própria casa.(naquilo que esta sob seu controle).

  3. Andre Diz

    Onde esta calendário de pgto dos 300,00 para quem não é do bolsa família.
    Ninguém fala sobre isso

  4. André med Diz

    Onde está calendário de pgto para quem não é do bolsa família??? Governo precisa liberar isso urgente niguem fala sobre isso a chamada sempre é GOVERNO LIBERA CALENDÁRIO DE 300,00 QUANDO VAMOS VER E DI BOLSA FAMILIA

  5. JULIO HENRIQUE MENEZES ACOSTA Diz

    A única maneira do Brasil começar a dar certo seria fazer um plebiscito fazer uma redução pela metade dos senadores Deputados Federais e vereadores sem exceção e fazer uma limpa no STF trocar todos esses ministros que estão mamando nas tetas do contribuinte essa redução do auxílio emergencial é uma piada o Brasil tem dinheiro para pagar e r$ 600 Com certeza E ainda por cima o presidente foi lá na ONU dizer que tinha pago $1000 de auxílio emergencial ou ele não sabe a cotação do dólar ou não sabe fazer conta kkk

  6. Vanessa Cunha Magalhães do Amaral Lapa Diz

    COM A QUANTIDADE ENOOOORME DE $ Q VAI P BOLSOS, CUECAS, CONTAS EM PARAÍSOS FISCAIS… SEJA PQ ESSES FDP GANHAM MUUUITO E AINDA TEM BENEFÍCIOSSS SEJA PQ AINDA ASSIM REM A CARA DE PAU DE ROUBAR E MUITO E NÃO LARGAM O OSSO, O POVO Q REALMENTE TRABALHA E FAZ O PAÍS CAMINHAR Q SE LASQUE NÃO É MESMO!?! AH FAÇA-ME O FAVOR, NÃO TENHO BANDIDOS DE ESTIMAÇÃO E NÃO ACREDITO NO CONTO CA CAROCHINHA.

  7. Zuleica Aparecida dos Santos e silva Diz

    Se pagar um salario justo,diminuir o valor do salario gordão do
    Presidente do banco centrsl,ai sim p brasil terá recurso pra pagar não só não só 600,00 ,mas um valor de salário digno ao povo brasileiro.
    Esse presidente do banco ventral é outro ladrão do colarinho branco que.posuiu contas gordissima fora do pais ,e que não tem punição ,vai continuar roubando ,pro povo nao tem dinheiro.as pra ele roubar tem.
    E só devolver o que roubam que o dinheiro aparece pra pagar 600,00 de auxilio pro resto da vida,quem vê pensa que esse dinheiro é grande coisa pros brasileiros, não dá nem pra conta de agua e luz ,qto menos pra outra coisas.A gente tem que escolher entre comer mal porque é pra isso que dá ou deixsr de comer pra pagar conta.
    E esse precidente ainda acha que é muito pagar osso.pro povo.Rouba menos que dá,

  8. José Marcondes Diz

    Ideal seria acabar com os previlegios e mordomias dos 3 Poderes .

  9. José Marcondes Diz

    Cenário ideal é acabar com as mordomias e previlegios dos 3 poderes e diminuição dos seus salarios .

  10. Fernando Diz

    Cenário ideal seria a redução de 40 % no número de deputados , senadores , vereadores , ministros , funcionários de gabinete , e afins .

  11. Cida Mendonça Diz

    Povo besta acho que os governantes vai ver os comentários temos mesmo que morrer de fome vai no banco da Suiça que está lá os dinheiros roubados dos confere público cadê a leis brasileira que engavetar tudo e vão dormir tranquilo. Ok

  12. Miriam Priscila da Silva Diz

    Verdade eu tbm não acho justo isso nosso salário é puocou de mas e ainda quando vem um aumento pelo governo é no máximo 15 Reais isso é um absurdo ,aí aumenta o arroz e o óleo pronto lascou tudo aí tem esse auxílio que véu pra ajudar mas ja tá dando confusão danada

  13. 21984798666 Diz

    Temos como manter o salario do.presidennte,dos deputados,senadores e dai por diante,entao já que somos nós que pagamos.Que tal eles ficarem 1 mês sem receber,ja seria uma contribuiçao,kkkkkk.
    Além disso presidente do Banco Central antes de dar entrevista deveria dar uma olha nas contas,afinal qual foi a recadação mesmo que o Banco Central t
    eve?
    E o mais engraçado é que tem empresarios ficando mais ricos,o desemprego maior,mais de 138 mil mortos.
    Não entendo.
    Talvez seja pelo simples detalhe,eu sou analfabeta e quem sabe.burra mesmo.

  14. Nina Cunha Diz

    O cenário ideal seria um salário justo para todos,seria os deputados e senadores ganharem salário mínimo….

  15. Caroline Diz

    Para que pagar 600,00 reais em 2021?
    O Brasil já está um Caos…
    Estamos enfrentando um vírus mortal, não tem empregos, A Saúde, Segurança, etc…
    Uma vergonha!
    Enquanto isso vemos todos os dias um roubo no bolso do cidadão de bem.
    Os Políticos ganhando seus salários recheados de regalias e benefícios.
    ENQUANTO OS ELEITORES NÃO EXIGIREM SEUS DIREITOS E CUMPRIR SEUS DEVERES, VAI TUDO CONTINUAR COMO ESTÁ.
    NÃO HÁ MAIS TEMPO!

  16. Gervana Geremias Da Silva Diz

    Verdade.

  17. Estelita Diz

    Tem pessoas que precisam. Mas na minha rua tem gente recebendo sem precisat. Porque sâo autonimos.

  18. MAX PEREIRA Diz

    LAMENTÁVEL MESMO É SABER TUDO QUE SE TENTA FAZER EM PRÓ DO POBRE SE TORNA INVIÁVEL. PQ O MESMO Ñ SE APLICA A POLÍTICOS. ACABE LOGO COM O FORO E TEREMOS💵 SOBRANDO.

  19. Elaine Diz

    O que me emputece mais, é esse papo de ‘endividamento’ quando o dinheiro está sendo usado exclusivamente para pagamento de contas e consumo das famílias. O dinheiro está sendo pago e voltando como imposto. Que porra de endividamento é esse, caralho? Pra economistas gênios, essa equipe econômica tá bem ruim de matemática.

  20. Maisa Diz

    Na verdade diminuí o salário do presidente do banco central e dos deputados que garanto que vai auxiliar muitas pessoas!!

  21. Cruz Diz

    O presidente não capacidade de gerar empregos no país, só blá, blá, e todos os mentiras alguns gatos pingados o apoia os investidores tão saindo pra investir lá fora.

  22. Cordeiro Diz

    O presidente não capacidade de gerar empregos no país, só blá, blá, e todos os mentiras alguns gatos pingados o apoia os investidores tão saindo pra investir lá fora.

  23. Diz

    Fico puto da vida em ver tantas pessoas que não precisam , recebendo esse dinheiro e ficar fazendo hora da cara das pessoas que realmente precisam.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?