Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial com o valor de R$ 300 começa AMANHÃ!

O Governo Federal liberou o novo calendário de pagamento do auxílio emergencial de R$ 300.

O Governo Federal liberou o novo calendário de pagamento do auxílio emergencial de R$ 300. Mães chefes de família recebem R$ 600 por parcela. O benefício será liberado depois amanhã, quinta-feira, 17 de setembro.

O cronograma de pagamentos será para os beneficiários do Bolsa Família. Assim como nos calendários anteriores para beneficiários do Bolsa Família, o pagamento segue de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS). Ou seja, dia 17 de setembro o pagamento ocorre para quem tem NIS terminado em 1. No dia 18, para quem tem NIS terminado em 2 e assim sucessivamente.

O auxílio emergencial e o Bolsa Família não são benefícios cumulativos. Ou seja, o beneficiário dos dois recebe apenas o que tem pagamento maior. Até agora, foi divulgada apenas a data de pagamento para esse grupo. Os beneficiários que fizeram cadastro pelo site ou pelo app ou inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) ainda não tiveram os detalhes do calendário divulgados.

Veja abaixo o calendário completo da sexta parcela de pagamento do auxílio emergencial para beneficiários do Bolsa Família. O pagamento é de R$ 300 – ou de R$ 600, para mães chefes de família.

  • 17 de setembro: NIS de final 1
  • 18 de setembro: NIS de final 2
  • 21 de setembro: NIS de final 3
  • 22 de setembro: NIS de final 4
  • 23 de setembro: NIS de final 5
  • 24 de setembro: NIS de final 6
  • 25 de setembro: NIS de final 7
  • 28 de setembro: NIS de final 8
  • 29 de setembro: NIS de final 9
  • 30 de setembro: NIS de final 0

Auxílio prorrogado até dezembro

O presidente Jair Bolsonaro anunciou a prorrogação do auxílio emergencial por quatro meses no valor de R$ 300. A extensão do auxílio foi oficializada por meio de medida provisória e terá que ser aprovada por deputados e senadores no Congresso Nacional.  

“Não é um valor o suficiente muitas vezes para todas as necessidades, mas basicamente atende. O valor definido agora há pouco é um pouco superior a 50% do valor do Bolsa Família. Então, decidimos aqui, até atendendo a economia em cima da responsabilidade fiscal, fixá-lo em R$ 300”, disse Bolsonaro. 

Neste ano, o Executivo depositou cinco parcelas de R$ 600 para os beneficiários do auxílio, visando ajudar os brasileiros de baixa renda, trabalhadores informais, MEIs, autônomos e desempregados.   

O presidente Jair Bolsonaro já havia informado sobre a redução do valor do benefício e argumenta que, se o valo pode parecer pouco para os brasileiros afetados pela pandemia, “é muito para quem paga, no caso, o Brasil”.  

De acordo com cálculos feitos pela equipe econômica, o custo mensal do benefício foi de R$ 50 bilhões por mês durante a primeira fase do programa. 

Veja também: Auxílio de R$ 300: Governo usará ferramenta para restringir pagamento do benefício

Leia Também:

PENSAR CURSOS brasil 123

6 Comentários
  1. Luiz de melo borges Diz

    Vcs tem que se lascar tudo na mao do pt mesmo cambada de mau agradecido tudo ta ruim vai ficar pior quando jesus volta ai vc vao e chorar de verdade

  2. Elisângela Filha do Deus vivo estou pedindo justiça pela nação brasileira Diz

    Esse bando de canalhas abaixa desse jeito auxílio-emergencial sendo que eles subiram o preço dos alimentos fora que a água a luz que estão um absurdo quem votar nesse presidente de novo é mais doido que maluco por que nunca passamos tantas necessidades como agora nunca vi um arroz tão caro como agora muito menos um óleo mas eu creio no meu Deus está no céu em Deus vivo todos que estão fazendo isso vão pagar caro por que a mão de Deus ela pesa ela vai pesar sobre esses canalhas aí teve vida boa come do bom e do melhor e depende do voto do ser humano brasileiro e acha que a barriga dele vai dormir só uma vez né novas eleições e virar e aí o povo tem que mostrar a cara e de quem presta e quem não presta e tirar tudo de lá temos o poder nosso título

  3. Caroline Diz

    No aplicativo não mudou nada ainda, está liberado 41 reais

  4. William Rodrigues da Silva Diz

    Pra quem recebeu em maio quando que receberá a 6 parcela

  5. Patrícia Diz

    Entrando os 300 vamos para as ruas revindicar os nossos direitos.

  6. Patrícia Diz

    Entrando os 300 vamos para as ruas revindicar os nossos direitos. E voto NULO GERAL, chegando a votação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?