Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial alcança marca histórica com R$ 200 bilhões pagos

a Caixa Econômica Federal informou que atingiu a marca histórica de R$ 200 bilhões em pagamentos do auxílio emergencial para um total de 67,2 milhões de brasileiros.

Nesta sexta-feira (18), a Caixa Econômica Federal informou que atingiu a marca histórica de R$ 200 bilhões em pagamentos do auxílio emergencial para um total de 67,2 milhões de brasileiros.

Hoje (18), mais um lote do ciclo 2 está sendo pago na Poupança Social Digital para 4 milhões de pessoas nascidas em julho, além do pagamento da 6º parcela do auxílio para 1,6 milhão de beneficiários do Bolsa Família com NIS final 2.

No total, mais de 5 milhões de pessoas serão beneficiadas com o pagamento de R$ 3 bilhões. Neste sábado, 19 de setembro, a Caixa Econômica abrirá 770 agências pelo país para atender os beneficiários do auxílio emergencial e do saque emergencial do FGTS.

Caixa deposita 5 parcelas do auxílio de R$ 600 nesta sexta-feira 

Caixa Econômica Federal efetua nesta sexta-feira, 18 de setembro, o pagamento de uma nova parcela do auxílio emergencial de R$ 600 para nascidos em julho que não estão inscritos no Bolsa Família.

O depósito será feito por meio de conta poupança digital. O dinheiro poderá ser de qualquer uma das cinco primeiras parcelas, a depender de quando a pessoa teve o cadastro aprovado pelo Governo Federal.

Além disso, nesta sexta-feira está liberado o saque da 6ª parcela, com valor de R$300. O benefício será liberado aos inscritos no Bolsa Família que têm o NIS (Número de Identificação Social) terminado em 2.

Ciclo 2: Novos pagamentos para o público geral

Os pagamentos referente ao Ciclo 2 valem para que tem o cadastro pelo aplicativo, site, Correios ou quem já estava no Cadastro Único mas não é beneficiário do Bolsa Família.

A parcela depende de quando o cadastro foi aprovado, de acordo com o seguinte critério:

  • 1ª parcela: quem se cadastrou nos Correios entre 8 de junho e 2 de julho
  • 1ª parcela: quem foi aprovado depois de contestar o cadastro entre 3 de julho e 16 de agosto
  • 2ª parcela: quem teve o cadastro aprovado em julho
  • 2ª parcela: quem foi aprovado depois de contestar o cadastro entre 24 de abril e 19 de junho
  • 3ª parcela: quem começou a receber o auxílio entre o final de junho e o começo de julho
  • 4ª parcela: quem começou a receber o auxílio em maio
  • 5ª parcela: quem começou a receber o auxílio em abril

Calendário de Pagamentos do Bolsa Família

O Governo Federal liberou o novo calendário de pagamento do auxílio emergencial de R$ 300. Mães chefes de família recebem R$ 600 por parcela.

O cronograma foi iniciado ontem, 17 de setembro, com o pagamento sendo feito para os beneficiários do Bolsa Família. O cronograma desse grupo segue o do programa federal, divulgado no início de 2020.

Assim como nos calendários anteriores para beneficiários do Bolsa Família, o pagamento segue de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS). Nesta sexta-feira, 18 de setembro, a liberação ocorre para quem tem NIS terminado em 2.

O auxílio emergencial e o Bolsa Família não são benefícios cumulativos. Ou seja, o beneficiário dos dois recebe apenas o que tem pagamento maior. Até agora, foi divulgada apenas a data de pagamento para esse grupo. Os beneficiários que fizeram cadastro pelo site ou pelo app ou inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) ainda não tiveram os detalhes do calendário divulgados.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

Veja abaixo o calendário completo da sexta parcela de pagamento do auxílio emergencial para beneficiários do Bolsa Família. O pagamento é de R$ 300 – ou de R$ 600, para mães chefes de família.

  • 17 de setembro: NIS de final 1
  • 18 de setembro: NIS de final 2
  • 21 de setembro: NIS de final 3
  • 22 de setembro: NIS de final 4
  • 23 de setembro: NIS de final 5
  • 24 de setembro: NIS de final 6
  • 25 de setembro: NIS de final 7
  • 28 de setembro: NIS de final 8
  • 29 de setembro: NIS de final 9
  • 30 de setembro: NIS de final 0

Leia Também:

10 Comentários
  1. Fabio silva duarte rios Diz

    Em vez de ficar dependendo de auxilio do governo pq
    Tem o hotmart plataforma digital gratuita onde vc escolhe um produto divulga e wdo vende ganha otimas comissoes

  2. Fabio silva duarte rios Diz

    Em vez de ficar dependendo de auxilio do governo pq nao vao procurar trabalho pois eh o que nao falta na internet diversos sites pagam para divulgacao em redes sociais por exemplo
    Tem o hotmart plataforma digital gratuita onde vc escolhe um produto divulga e wdo vende ganha otimas comissoes

  3. Marcia Cristina Santos Diz

    Nasci,em julho fui aprovada e até agora não pegue nem na primeira parcela..o jeito é esperar

  4. Rosana Diz

    Acho incrível como a caixa atrasou a liberação do dinheiro até 30 dias e por conta desse atraso da Caixa, quem está recebendo agora a 4°a parcela, ficará sem receber 2 parcelas de 300,00, fizeram essa manobra pra não pagar a todos. Só alguns receberão as 4 parcelas de 300,00. palhaçada.

  5. IRINEU DE PAULA Diz

    TENDO EU ,RECEBIDO AUXILIO EMERGENCIAL INDEVIDAMENTE, RECEBEREI NOTIFICAÇÃO PARA FAZER A DEVOLUÇÃO ?.

  6. Ucineia Diz

    Recebi hoje a sexta parcela do auxilio e consta no recibo que é a ultima não entendi nada

  7. Paula Helena Miranda Moreira Diz

    Queria saber pra quem foi o meu! Tô só observando pessoas q não se “enquadram ” nos quesitos recebendo todas, o meu foi reprovado e a contestação tb. Temos políticos corruptos pq a maioria das pessoas tb são.

  8. Érica pereira Oliveira Diz

    Eo valor que está sendo pago no bolsa família não e o de 600$ várias pessoas recebendo o valor normal que recebiam ano passado qual motivo de anunciar e não cumprir pq são mães chef de família ou só estão fazendo merchandising cadê nosso direito

  9. Tiago Diz

    Só por Deus

  10. Walmir Diz

    Isso é pouco demais. Pior são os pagamentos do congresso nacional durante séculos. Chega a mais de trilhões anual , fora a corrupção que é mais de trilhões e trilhões. Sabemos que a corrupção é o maior vírus de todos os vírus nesse país. A corrupção nesse país é a maior pandemia de todos os tempos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?