Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio de R$300 e R$600: Caixa paga nova parcela a 5,6 milhões de beneficiários

A Caixa Econômica Federal (CEF) realiza o pagamento a 5,6 milhões de beneficiários

A Caixa Econômica Federal (CEF) realiza o pagamento de mais uma parcela do auxílio emergencial a 5,6 milhões de beneficiários.

Do total de cidadãos com o direito ao auxílio, estão:

  • 1,6 milhão de trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família, cujo número do NIS é terminado em 5. Na quinta-feira (24), o benefício será liberado ao número do NIS terminado em 6;
  • 4 milhões de trabalhadores que estão no Cadastro Único,  inscritos por meio de aplicativo, site ou pelos Correios, aniversariantes em agosto.

Para quem é beneficiário do Bolsa Família, o valor pago é referente a primeira parcela do auxílio emergencial residual com o valor de R$ 300. Os pagamentos para esse grupo são feitos da mesma forma que o Bolsa.

Para os demais grupos, com pagamentos até a 5ª parcela, seguem os depósitos de R$ 600 na conta poupança social digital da Caixa, que poderá ser usada inicialmente para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual.

VEJA QUEM RECEBE NESTA QUARTA-FEIRA:

  • 1,6 milhão de trabalhadores do Bolsa Família aprovados no programa, cujo número do NIS termina em 5
  • 4 milhões de trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em agosto, recebem a próxima parcela:
    – aprovados no primeiro lote recebem a quinta parcela;
    – aprovados no segundo lote recebem a quarta parcela;
    – aprovados no terceiro e quarto lotes recebem a terceira;
    – aprovados no quinto e sexto lotes recebem a segunda;
    – aprovados no sétimo lote recebem a primeira parcela;
    – aprovados no primeiro lote, mas que tiveram o benefício suspenso, recebem a quinta parcela;
    – aprovados em outros lotes, que receberam a primeira parcela em meses anteriores mas tiveram o pagamento reavaliado em agosto, recebem todas as parcelas restantes, até a quinta.

Calendário 

Ciclo 2

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em abril de 2020 – receberá a quinta parcela

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em maio de 2020 – receberá a quarta parcela

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em julho de 2020 – receberá a segunda parcela

Depósito do dinheiro 

  • 28 de agosto – nascidos em janeiro
  • 2 de setembro – nascidos em fevereiro
  • 4 de setembro – nascidos em março
  • 9 de setembro – nascidos em abril
  • 11 de setembro – nascidos em maio
  • 16 de setembro – nascidos em junho
  • 18 de setembro – nascidos em julho
  • 23 de setembro – nascidos em agosto
  • 25 de setembro – nascidos em setembro
  • 28 de setembro – nascidos em outubro e novembro
  • 30 de setembro – nascidos em dezembro

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

Liberação de saque e transferência

  • 19 de setembro – nascidos em janeiro
  • 22 de setembro – nascidos em fevereiro
  • 29 de setembro – nascidos em março
  • 1º de outubro – nascidos em abril
  • 3 de outubro – nascidos em maio
  • 6 de outubro – nascidos em junho
  • 8 de outubro – nascidos em julho
  • 13 de outubro – nascidos em agosto
  • 15 de outubro – nascidos em setembro
  • 20 de outubro – nascidos em outubro
  • 22 de outubro – nascidos em novembro
  • 27 de outubro – nascidos em dezembro

Ciclo 3

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em maio de 2020 – receberá a quinta parcela

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em junho de 2020 – receberá a quarta parcela

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em julho de 2020 – receberá a terceira parcela

Depósito do dinheiro

  • 9 de outubro – nascidos em janeiro e fevereiro
  • 16 de outubro – nascidos em março e abril
  • 23 de outubro – nascidos em maio e junho
  • 30 de outubro – nascidos em julho e agosto
  • 6 de novembro – nascidos em setembro e outubro
  • 13 de novembro – nascidos em novembro e dezembro

Liberação de saque e retirada

  • 29 de outubro – nascidos em janeiro e fevereiro
  • 3 de novembro – nascidos em março e abril
  • 10 de novembro – nascidos em maio e junho
  • 12 de novembro – nascidos em julho e agosto
  • 17 de novembro – nascidos em setembro e outubro
  • 19 de novembro – nascidos em novembro e dezembro

Ciclo 4

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em junho de 2020 – receberá a quinta parcela

Quem recebeu o crédito da primeira parcela em julho de 2020 – receberá a quarta e a quinta parcelas

Depósito do dinheiro

  • 16 de novembro – nascidos em janeiro e fevereiro
  • 18 de novembro – nascidos em março e abril
  • 20 de novembro – nascidos em maio e junho
  • 23 de novembro – nascidos em julho e agosto
  • 27 de novembro – nascidos em setembro e outubro
  • 30 de novembro – nascidos em novembro e dezembro

Liberação de saque e retirada

  • 26 de novembro – nascidos em janeiro e fevereiro
  • 1º de dezembro – nascidos em março e abril
  • 3 de dezembro – nascidos em maio e junho
  • 8 de dezembro – nascidos em julho e agosto
  • 10 de dezembro – nascidos em setembro e outubro
  • 15 de dezembro – nascidos em novembro e dezembro

Calendário da 6ª parcela

O Governo Federal liberou entre 17 e 30 de setembro o pagamento do auxílio emergencial, já com o valor de R$300, para os beneficiários do Bolsa Família. Quem for mãe chefe de família, o pagamento será dobrado, com valor de R$600.

As famílias beneficiárias do programa Bolsa Família não têm alteração nas datas de pagamento de seus benefícios. Dessa forma, quem se encaixa nas regras do auxílio emergencial e recebeu a primeira parcela logo em abril terá direito ao saque da sexta parcela.

O cronograma de pagamento segue o Número de Identificação Social (NIS) final do beneficiário. Quem não é cadastrado no Bolsa Família ainda não tem datas de pagamento. Para quem não recebe o Bolsa Família, o governo não divulgou as datas de pagamento.

Veja o calendário:

  • 17 de setembro: NIS terminado em 1
  • 18 de setembro: NIS terminado em 2
  • 21 de setembro: NIS terminado em 3
  • 22 de setembro: NIS terminado em 4
  • 23 de setembro: NIS terminado em 5
  • 24 de setembro: NIS terminado em 6
  • 25 de setembro: NIS terminado em 7
  • 28 de setembro: NIS terminado em 8
  • 29 de setembro: NIS terminado em 9
  • 30 de setembro: NIS terminado em 0

Veja também: Auxílio BEm: LIBERADO os pagamentos entre R$ 261,25 e R$ 1.813,03

Leia Também:

3 Comentários
  1. Ivone gomes faria marques Diz

    Acho quase pessoas tão achando que e aposentadoria , pessoalzinho mal agradecido , vai trabalhar pra gahar , bolsonaro ajudando e vê um filho de uma égua, reclamar , o povinho pega e agradeça a deus , porq nos outros vírus ,o que o lulaladrao amdei , tanto ele como a Dilma so soybrram estocar ventos , aceita ou devolve , isso é uma ajuda uai se tem 2 ,3 4 , filhos cadê o pai pemra pagar pensão, gente me dar uma raiva dele povo mal educado.

  2. Priscila Diz

    Quando a esmola é demais o santo desconfia, que palhaçada é essa desse governo, as coisa tudo cara o ser humano precisando comer, paga contas, quer dizer vc tem que esperar dois meses sabe lá quanto meses pra receber esse bendito dinheiro, aí faz aquela jogada q vai pagar mais 4 parcela de 300 que nem todos vão pega.
    Congela os preços das coisa quem sabe aí, o dinheiro sobra para alguma coisa.
    Cidadões brasileiros presta atenção quando for votar esse ano, pq a classe alta está bem bem , mais a classe média vai ficar na berlinda não vai ser como uns ano atrás que nós comia, estudava o gás era barato, o arroz era barato. Presta atenção povo brasileiro.

  3. Elisangela Maria Diz

    Sou mãe solteira, desempregada, com 4 filhos, recebi apenas 470 de auxílio emergencial, minha filha desempregada, teve o auxílio cancelado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?