Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio de R$ 600: Governo proíbe mais de um pedido de contestação

Se o governo mantiver a resposta de auxílio negado após a contestação, não será possível fazer nova solicitação.

Aqueles que tiveram o auxílio emergencial negado pelo governo só podem contestar a resposta uma vez. Se o governo mantiver a resposta de auxílio negado após a contestação, essas pessoas ficam impedidas de solicitar novamente. Lembrando que o prazo para solicitar o auxílio termina nesta quinta-feira (2).

“Caso a pessoa faça a contestação, ela não poderá fazer nova solicitação posteriormente. Importante informar que a contestação só pode ser feita uma vez”, informou o Ministério da Cidadania.

De acordo com informações obtidas no site do ministério, se o trabalhador precisa corrigir ou alterar dados no cadastro, é necessário fazer uma nova solicitação.

Por outro lado, se o trabalhador discordar da análise e entender que a situação descrita pelo governo está errada ou se alterou, é preciso fazer uma contestação. Porém, se contestar antes de fazer uma nova solicitação, não poderá pedir o benefício depois.

As novas solicitações são analisadas junto a todos os requerimentos, e as contestações são analisadas a partir da atualização das bases analíticas da Dataprev.

Últimas horas para fazer o cadastro

Nesta quinta-feira, 2 de julho, o prazo para fazer cadastro para o auxílio emergencial de R$ 600 chega ao fim. É possível fazer o cadastro pelo site oficial ou aplicativo oficial até às 23h59.

A Caixa alertou os brasileiros recentemente sobre sites ou aplicativos falsos, mensagens de golpe e links falsos. É importante que o cadastro seja feito apenas no site ou aplicativo oficial. De outra forma, o cidadão pode cair em golpes e ter seus dados roubados. A Caixa não envia links ou solicita informações pelo WhatsApp ou e-mail.

Atualmente, há mais de 1 milhão de brasileiros com o cadastro ainda em análise. Todos os cadastros feitos até o fim de hoje receberão resposta nas próximas semanas. O prazo para cadastro até 2 de julho continuou mesmo após o auxílio emergencial ser prorrogado por mais dois meses.

Quem pode receber o auxílio emergencial?

O projeto altera uma lei de 1993, que trata da organização da assistência social no país. De acordo com o texto, durante o período de três meses será concedido auxílio emergencial de R$ 600 ao trabalhador que cumpra, ao mesmo tempo, os seguintes requisitos:

  • seja maior de 18 anos;
  • não tenha emprego formal;
  • não seja titular de benefício previdenciário ou assistencial, beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, ressalvado o bolsa-família;
  • a renda mensal per capita seja de até meio salário mínimos ou a renda familiar mensal total seja de até três salários mínimos;
  • que não tenha recebido em 2018 rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70.

O auxílio vai ser cortado caso aconteça o descumprimento dos requisitos acima. O texto também deixa claro que o trabalhador deve exercer atividade na condição de:

  • microempreendedor individual (MEI); ou
  • contribuinte individual do Regime Geral de Previdência Social que trabalhe por conta própria; ou
  • trabalhador informal, seja empregado ou autônomo, inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), até 20 de março de 2020, ou que se encaixe nos critérios de renda familiar mensal mencionados acima.

Como pedir o auxílio

Os trabalhadores poderão solicitar o auxílio emergencial de R$600 das seguintes formas:

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

  1. O cidadão, enfim, no primeiro momento, deve acessar a página inicial oficial do site da Caixa (https://auxilio.caixa.gov.br/#/inicio);
  2. Dessa forma, na página seguinte, são mostrados os requisitos necessários para ter direito ao auxílio emergencial de R$600 a R$1.200;
  3. Após isso, o trabalhador informal deve preencher dados como nome completo, CPF e data de nascimento;
  4. Logo após, será necessário o preenchimento do número do celular para recebimento de um código de verificação por SMS;
  5. Assim chegar por SMS, o código de verificação deve ser colocado no campo “código recebido”;
  6. Após isso, o cidadão deverá informar a renda, o ramo de atividade (as opções oferecidas pelo sistema são Agricultura e Pecuária, Extrativismo/Pesca, Comércio, Produção de Mercadorias, Prestação de serviços, Trabalho Doméstico, Outros), estado e cidade;
  7. Em seguida, o trabalhador escolhe se quer receber em conta já existente ou criar uma poupança digital;
  8. O trabalhador poderá escolher se deseja receber o valor do auxílio em uma conta já existente ou criar uma poupança digital;
  9. Após informar a opção, trabalhador deve fornecer seu documento (RG ou CNH);
  10. Em seguida vêm os dados fornecidos pelo trabalhador;
  11. Em conclusão, na tela final, aparece o aviso de que o pedido do auxílio emergencial está em análise.

Leia Também:

brasil 123  
34 Comentários
  1. Valdecir Diz

    Este negócio deles dizerem que está em análise que análise e esta que libera para tantos funcionários públicos e militares isto para mim tem caroço neste angu como o deles passaram

    1. Rozane Diz

      Gente, é sério isso? Fila de espera para acessar o aplicativo Caixa Tem?!?!? Agora tem fila até na internet. Será que tem aglomeração também?

  2. Ednir silva pereira Maria silva pereira Diz

    Isso é um absurdo mesmo meu irmão morreu de couvid . é tive quê comprar um caixão por 350+tive que pagar uma quilometragem 700+.tive quê pagar+200reais Pará abrir a cova.o auxílio dele era prá ter saído ontem é simplesmente bloquearam aí eu pergunto gonvenador é tão engraçado que eu estou sabendo quê cada pessoas que morrem de couvid a funerária come 180000 mil.e agora quêm irar me resasir dó dinheiro quê gastei pró sepultamento dele.estava contando com esse dinheiro pra mim cupri as despesas

  3. Ítalo Alexsandre Luís Pimentel Diz

    Eu não consegui fazer o auxílio emergencial fala que na minha família tem o cadastro minha família não tem cadastro ninguém da minha família não fez o cadastro único

  4. JAILSON BATISTA DA SILVA Diz

    Olá bom dia ,gostaria de saber como faço pra conseguir contestar o meu auxílio pois ele foi negado e tenho todos os requisitos pra receber porque que o meu não saiu

  5. João Macêdo Silva Diz

    Olá Boa tarde, fiz meu cadastro e diz que tem um Cpf de responsabilidade minha, eu reconheço o cpf mais não sou responsavél por ele. me chamo Joao e sou solteiro! E foi negado o que devo fazer porque quando abrir para preencher a parte. Contestar estava em PDF e não abriu ás páginas para preenchimento. Só deu para responder o que perguntaram se o auxilio foi aprovado ou Negado.Obrigada!

  6. Márcia Diz

    O meu auxílio foi aprovado roubaram a primeira e a segunda parcela dei queixa e eles botaram e análise já tem um mês e nada

    1. FRACIELA DE JESUS DOS SANTOS Diz

      Estou desempregada desde o dia 31 de Março de 2020,não recebi seguro desemprego,fui negada 3 vezes por que lá fala que estou empregada…fiz contestação e até hoje nada…fui mandada embora só serviço por causa da pandemia, e o governo Insite em dizer que tenho trabalho formal.

  7. Michele Diz

    Mta injustiça tô desempregada com 2 filhos pequenos só pq recebi em 2018 mais de 28 mil fui excluída do auxílio isso foi em 2018 quando nem tinha filhos agora estamos em 2020 ….aí mtas mães casadas marido trabalhando tem casa própria não pagam aluguel ainda estão recebendo 1200 reais com mãe chefe de família ….

  8. Meire Tatiane Santos Diz

    Fiz o pedido do auxílio emergencial 2 vezes, e nas 2 foi negado por ter recebido seguro desemprego, só q a última parcela foi dia 26/05, fiz a contestação sera q aprovar!?!??

    1. Sueli alferes patuci Diz

      Mas e aqueles que o benefício foi negado porque toda a vês que vamos consultar o auxílio fala que tem dois membros da família recebendo sendo que não tem

      1. Marcos Luiz De Oliveira Diz

        Estou com o auxilio emergncial em análise dei dia 21abril nenhum resposta estou doente preciso compra remedio e a minha mãe e aposentada o dinheiro dela e praticamente para remédio e Eu estou desempregsdo dei novembro estou vivendo de doação e favor da minha mãe moro favor

    2. Rita Diz

      Boa noite!
      Um absurdo total com o povo.
      Estou esperando o análise das minhas documentação ja tem 3 dias.
      Para fazer a poupança social da caixa.
      Só diz q está em validação.
      Q absurdo!!!!

  9. Maria Betânia Calixto da Silva Diz

    Bom dia à todos

    Pago meus impostos , e sou autônoma pago meu INSS em dias, e fui negada. Agora médicos, advogados, pessoas da sociedade que tem condições receberam o auxílio emergencial, governo nojento e maldito temos novanente no poder 👊🏼👊🏼

  10. Sheila Diz

    Não consegui fazer um novo cadastro do pedido do auxílio,para as duas novas parcelas e agora oq faço ?

  11. viviane Diz

    Se uma família tem um maior de 18 no cadastro e não dá a parte dele o qe acontece sendo qe o dinheiro está sendo utilizado pra pagar as contas comida tendo em vista qe ela ainda mora com a mãe essa pessoa tem como fazer um boletim de ocorrência alegando qe qer o dinheiro

  12. Felipe Diz

    Minha primeira parcela está perdida por aí. Não sei aonde ligar . Meu banco que foi feito a transferência diz que está na caixa. A caixa diz que está no banco. Até hj aguardo a resposta e nada.

    1. Felipe Diz

      Alguém me ajuda.

  13. Daniele Diz

    Engraçado fomos negado pela dataprev injustamente sem direito de defender o que eles alegaram sendo que requisitos a receber é nao ser desempregado e eu sou nem registro tenho e no app da caixa em contestacao em analise ai eles mesmo falam que nao podemos fazer nada injustiça e muito que não precisam e falecidis receberam cadê a lei

  14. WASHINGTON BARRETO CHAVES Diz

    Meu tbm está em análise e ainda nao saiu nada pra mim e esta bom tempo em analise

  15. Gilmara Diz

    Dei entrada no meu auxilio quando faltava receber a última parcela do meu seguro desempre, porém foi negado e contestei depois que recebi a última parcela, mas já tem mais de 1 mês que contestei e não sai da análise, queria saber se ainda tenho chances de receber o auxílio?

  16. Jonas da cunha Silva Diz

    Contestei desde 16/05 e até agora não tive resposta nenhuma, só dá situação contestação em análise esse é o nosso Brasil que o próprio presidente falou que o rico continuaria mais rico e o pobre mais pobre está aí a confirmação.

    1. Helton Diz

      Não. E só vc. Amigo igualmente TB estou fiz a contestação desde do dia 15/05 até hoje e nada de.respostta

  17. Irineu júnior Diz

    Essa Dataprev é uma vergonha, bom não precisa ser um burro pra saber que esse governo é outra vergonha, a caixa econômica é outra vergonha , o app da caixa 🤦🏽‍♂️kkkkkk nem vamos comentar… Moral da história , simplismente moramos num país que é a vergonha… É lamentável viver assim , porque tudooooo é uma vergonha.

  18. Edilson Diz

    O governo mesmo admitindo que o sistema da Dataprev estava errando não levou em consideração à muitas pessoas que assim como eu foi erroneamente reprovado por (Cidadão ou membros da família já receberam), o que não é verdade, porque na minha casa só moramos eu e meu filho e só ele recebeu.

  19. Lurdes Diz

    Eu já fiz o cadastro 2 vezes e nãos consigo por que eles falaram que eu tenho emprego formal eu não tenho pago aluguel de 600 que já está mais do que atrasado enquanto isso os artistas da Globo e parentes de jogadores de futebol estão recebendo e eu que preciso estou vivendo de cesta básica cadê o governo desse Brasil

    1. Lurdes Diz

      Não esquecendo de falar vai fazer 4 meses desempregada

      1. Gilmara Diz

        Dei entrada no meu auxilio quando faltava receber a última parcela do meu seguro desempre, porém foi negado e contestei depois que recebi a última parcela, mas já tem mais de 1 mês que contestei e não sai da análise, queria saber se ainda tenho chances de receber o auxílio?

  20. Valdinei Amorim de farias Diz

    Preciso de receber o auxílio estou desempregado a quatro meses

  21. Angela Cristina Diz

    Minha contestação ainda.esta em.analise. eu não recebo dinheiro de lugar nenhum

    1. Helton Diz

      Não e só vc igualmente TB até hoje destes do dia 15/05

    2. JAILSON BATISTA DA SILVA Diz

      Olá bom dia ,gostaria de saber como faço pra conseguir contestar o meu auxílio pois ele foi negado e tenho todos os requisitos pra receber porque que o meu não saiu

      1. Ana Paula Silva Alves Diz

        É um vergonha esse país sem lei onde quem se beneficia é pessoas ricas cadê a Dataprev que análise esse que permite pessoas que não tem direito e recebi auxílio emergencial. Meu auxílio emergencial foi negado porque o ministério da cidadania mais essa Dataprev informa que recebo benefício previdenciário sendo que o que eu recebi por direito meu foi o auxílio maternidade que nem recebo mais é lamentável isso .fiz a contestação na defensoria pública da união agora só aguardar e que der tudo certo assim espero

  22. Angela Cristina Diz

    Quais são os cursos?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?