Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso PM MG: com déficit de 16 mil policiais, governo prevê edital em 2020

Sem abrir novos editais e convocar aprovados, a corporação acumula déficit de 16 mil agentes.

A expectativa de abertura de um novo edital de concurso público para Polícia Militar do Estado de Minas Gerais (Concurso PM MG) é grande. Sem abrir novos editais e convocar aprovados, a corporação acumula déficit de 16 mil agentes. Somente em 2019, a evasão foi de 1.465 servidores. No entanto, apenas 36 ingressaram na corporação.

O comandante geral da PM-MG, coronel Giovanne Gomes da Silva, revelou que para reverter a situação uma recomposição do quadro funcional está na pauta do governo. Segundo ele, existe previsão de abertura de novo concurso público em 2020. Os cargos, no entanto, não foram informados.

Vale lembrar que novas turmas de formação de policiais deverão se iniciar em 2020, nos meses de fevereiro e maio. Nesse caso, os aprovados no último concurso PM-MG serão convocados. As informações foram passadas em reunião na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, no dia 08 de outubro.

Um outro tema debatido com o comandante da corporação foi a recomposição salarial. O coronel Gomes da Silva disse que, até o dia 18 de novembro, o governo do Estado apresentará o anteprojeto de lei contendo os percentuais, datas e valores da recomposição salarial dos PMs.

Em janeiro de 2019, o comandante da PM-MG suspendeu os concursos para soldados, em cumprimento à decisão do presidente da Câmara de Orçamento e Finanças (COF). Segundo o texto, a suspensão fica válida até 2020.

No concurso com 1.560 vagas de soldados, o início do curso de formação das unidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte, passou de 11 de fevereiro de 2019 para o dia 11 de fevereiro de 2020.

Já o início do curso de formação para as unidades do interior do estado passou de 20 de maio de 2019 para o dia 20 do mesmo mês de 2020.

Além disso, os concursos para soldados músico e de saúde, que tinham provas marcadas para 24 de fevereiro, também foram suspensas.

Para concorrer a uma das vagas do Concurso PM MG Soldado, o candidato deverá: a) ser brasileiro(a); b) possuir nível superior de escolaridade; c) estar quite com as obrigações eleitorais e militares; d) ter entre 18 (dezoito) e 30 (trinta) anos de idade na data da inclusão, prevista para o dia 11 de fevereiro de 2019 para os candidatos às vagas para BH/RMBH e dia 20 de maio de 2019 para os candidatos às vagas para o INTERIOR; e) possuir idoneidade moral; f) ter altura mínima de 1,60m (um metro e sessenta centímetros); g) ter sanidade física e mental; h) ter aptidão física; i) ser aprovado em avaliação psicológica; j) não apresentar, quando em uso dos diversos uniformes, tatuagem visível que seja, por seu significado, incompatível com o exercício das atividades policial militar; k) não ter sido demitido da PMMG, de outra instituição militar estadual ou das Forças Armadas; não ter dado baixa no conceito “C” nos termos do Código de Ética e Disciplina dos Militares do Estado de Minas Gerais; não ter sido exonerado ou demitido da PMMG ou do Corpo de Bombeiros Militares de Minas Gerais com base no art. 146, incisos II, III, IV ou V, letra “a” e “caput” do art. 147, da Lei nº 5.301, de 16 de outubro de 1969.

O Soldado de 2ª Classe deverá exercer atividade estudantil, em regime de dedicação integral, e demais atividades internas e externas atreladas à sua formação, durante o período de duração do CFSd, conforme normas em vigor e regulamentos da Escola. Já o Soldado 1ª Classe deverá promover a segurança pública, através de atividades preventivas e repressivas nos diversos tipos de policiamento (geral, trânsito urbano e rodoviário, meio ambiente, guardas e outros). Para tanto, a atuação do Soldado compreende as seguintes atribuições específicas, dentre outras: a) realizar policiamento ostensivo fardado; b) executar atividades operacionais diversas; c) atender e solucionar ocorrências policiais de modo a manter ou restabelecer a ordem pública; d) redigir boletins de ocorrência, relatórios e outros documentos administrativos; e) estabelecer contatos com a comunidade, envolvendo-a na promoção da segurança pública; f) formular diagnóstico de segurança pública de seu subsetor de responsabilidade; g) pautar suas ações em preceitos éticos, técnicos e legais; h) conduzir viaturas da PMMG, em qualquer categoria de CNH, se habilitado e credenciado.

Prepare-se: Apostila Concurso PM MG 2019 – Soldado

Condições gerais de exercício do cargo: trabalhar em contato cotidiano com o público, de forma individual ou em equipe, sob supervisão permanente, em ambiente de trabalho que pode ser fechado ou a céu aberto, a pé, montado ou em veículos, em horários diversos (diurno, noturno ou em rodízio de turnos). Atuar em condições de pressão e de risco de morte e contágio de moléstias em sua rotina de trabalho.

Salários

A remuneração básica inicial para o Soldado 2ª Classe da PMMG atual é de R$ 3.278,74 (três mil, duzentos e setenta e oito reais e setenta e quatro centavos).

Último edital da PM-MG abriu 1.560 vagas

O certame foi divulgado para o preenchimento de 1.560 vagas no Curso de Formação de Soldados do Quadro de Praças da Polícia Militar de Minas Gerais (QPPM). O concurso da PM-MG 2018 contou com mais de 58 mil inscritos.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

Foram oferecidas 1.560 (um mil, quinhentas e sessenta) vagas, conforme quadro de distribuição de vagas a seguir:

BH/RMBH: 

INTERIOR:

Conforme previsto no art. 3º da Lei nº 21.976, de 24/02/2016, o número de militares do sexo feminino nos Quadros de Praças da PMMG será de até 10% (dez por cento) do efetivo previsto.

O concurso contou com duas fases: a) 1ª FASE: Prova de Conhecimentos (Objetiva); b) 2ª FASE: Avaliações Psicológicas, Avaliação Física Militar (AFM), Exames de Saúde (preliminares e complementares) e Exame Toxicológico.

A prova de conhecimentos (prova objetiva) foi realizada nas cidades de Belo Horizonte/RMBH, Juiz de Fora, Uberaba, Lavras, Divinópolis, Governador Valadares, Uberlândia, Patos de Minas, Montes Claros, Ipatinga, Barbacena, Curvelo, Teófilo Otoni, Unaí, Pouso Alegre, Poços de Caldas e Sete Lagoas.

A prova de conhecimentos foi aplicada no dia 02 de setembro de 2018 (domingo), às 08h30min. A PROVA OBJETIVA teve 03 (três) tipos de provas (A, B e C), todas de caráter eliminatório e classificatório e constou de 40 (quarenta) questões pontuáveis, numeradas de 01 a 40, assim distribuídas:

a) 10 (dez) questões de Língua Portuguesa, incluindo estudo e interpretação de texto;

b) 06 (seis) questões de Direito Penal;

c) 06 (seis) questões de Direito Constitucional;

d) 06 (seis) questões de Direito Penal Militar;

e) 04 (quatro) questões de Estatística;

f) 04 (quatro) questões de Direitos Humanos; e

g) 04 (quatro) questões de Legislação Extravagante.

A prova objetiva teve valor de 100 (cem) pontos e foi elaborada com questões de múltipla escolha, contendo cada questão 04 (quatro) alternativas de resposta, devendo ser marcada apenas 01 (uma) delas, no valor de 2,5 (dois e meio) pontos cada questão.

100% de Acordo com Último Edital

Apostila Polícia Militar PM-MG 2020 - Curso de Formação de Soldados [+Curso Online Gratis]
[Apostila Digital] Polícia Militar PM-MG 2020 - Curso de Formação de Soldados [+Curso Online Grátis]

Leia Também:

PENSAR CURSOS brasil 123

2 Comentários
  1. Renata Pimenta Diz

    Não disse que haverá concurso. Disse que o governo estuda convocar excedentes ou um novo concurso no final de 2020. Não tem nada certo.

  2. Walisson Junio Diz

    Ocorre que quem vai pra rua Takahashi é soldado, Sargento e cabo,o comandante suspendeu foi o concurso de soldado, CFO continua de vento em polpa, sem levar em consideração que o soldado ganha menos e está pronto pra atuar em 7 meses, já um Tenente são 3(anos).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?