Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso CRO PE 2020: Prorrogado contrato com a banca e edital em elaboração

Conselho Regional de Odontologia do Estado de Pernambuco confirmou a abertura de novo edital

O Conselho Regional de Odontologia do Estado de Pernambuco confirmou a abertura de novo edital de concurso público (Concurso CRO PE 2020). A expectativa é que o edital não demore de ser publicado, uma vez que a banca organizadora do certame já foi escolhida.

Foi divulgado no Diário Oficial da União, edição do dia 26 de fevereiro, a informação de que o Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro – o Idib, vai organizar o certame. O contrato entre as partes foi assinado no dia 14 de fevereiro.

Em busca de abrir um novo concurso, o Conselho prorrogou o contrato com a banca. O certame ainda não tem cronograma definido e está nas fases finais.

A banca organizadora terá missão de publicar o edital completo, além de receber as inscrições e aplicar as principais etapas de seleção, bem como prova objetiva.

Os cargos e quantitativo de vagas ainda não foram revelados. Além disso, um cronograma para o certame ainda não foi fechado. Sendo assim, ainda não é possível saber quando vai acontecer próximas publicações e previsões de provas ou inscrições.

Último edital CRO-PE foi divulgado com mais de 700 vagas

O último edital do concurso do Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco (CRO-PE) foi divulgado em 2016. Na época, o edital trouxe 769 vagas para cargos de ensino médio e superior. 

As vagas do concurso CRO-PE foram abertas entre provimento imediato e cadastro reserva, visando contratação conforme necessidade. Foram abertas, ao todo, 410 vagas para ensino médio e 359 para nível superior. Os aprovados foram lotados em Recife, Caruaru, Garanhus, Petrolina e municípios adjacentes.

Os salários, na época, oscilaram de R$873,60 a R$3.152, por jornadas de até 40 horas semanais. Do quantitativo de vagas, houve reserva para negros e deficientes. Os aprovados foram contratados sob regime celetista.

As vagas no concurso foram abertas para auxiliar de fiscalização, auxiliar administrativo e fiscal. O Instituto Quadrix foi a banca organizadora do certame. As taxas cobradas foram de R$49 e R$64, para médio e superior, respectivamente.

O concurso CRO-PE contou com provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório. As provas foram aplicadas no turno da tarde, nas cidades de Recife e Caruaru. O exame contou com 50 questões, com duração de quatro horas no total.

Do total de questões na prova, foram 30 de Conhecimentos Básicos (Língua Portuguesa, Noções de Informática, Legislação e Atualidades), para auxiliar e recepcionista, e 20 questões de Conhecimentos Específicos, conforme cargo de opção do candidato.

O edital trouxe ainda, prova de títulos, essa apenas para candidatos de ensino superior, de caráter classificatório. A validade do concurso foi de dois anos.

Leia Também:

brasil 123  
1 comentário
  1. Iranilda Diz

    maria da Penha de email para mamãe não

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?