Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso CRESS SE: Edital tem banca definida; veja os cargos

Conselho Regional de Serviço Social da 18ª Região, de Sergipe, vai abrir um novo edital de concurso público; cargos já foram definidos

No Estado de Sergipe, o Conselho Regional de Serviço Social da 18ª Região confirmou a abertura de novo edital de concurso público (Concurso CRESS SE 2020). O novo documento vai contar com vagas para cargos de ensino médio e superior. O Instituto QUADRIX vai organizar o certame.

Nesta semana, a banca revelou que o novo edital de concurso CRESS-SE vai contar com vagas para cargos de ensino médio e superior. Os aprovados serão lotados em Aracaju (SE).

Para nível médio, o edital vai contar com vagas para os cargos de Assistente Administrativo, com salário de R$1.481,19, além de benefícios.

Para nível superior, o edital vai contar com vagas para os cargos de assistente social/agente fiscal, coordenador geral e diretor técnico. Os salários chegam a R$2.900, além de benefícios.

O quantitativo de vagas e a data de publicação do edital ainda não foram informados. A expectativa é que o documento não demore de ser publicado, uma vez que a banca organizadora já foi definida. Agora, o próximo passo será a assinatura de contrato entre as partes.

Último edital CRESS-SE foi publicado em 2009

O último edital de concurso CRESS-SE foi divulgado em 2009. Na época, o edital trouxe vagas para lotação em Aracaju (SE). O Instituto QUADRIX também organizou o certame.

O edital foi publicado com 07 (sete) vagas, sendo 03 imediatas e 04 em cadastro reserva. As vagas foram abertas para os cargos de assistente administrativo, de nível médio, e agente fiscal/assistente social e coordenador executivo de serviço social, ambos com requisito de nível superior.

Os candidatos foram avaliados através de provas objetivas (para todos), prova discursiva (nível superior) e títulos (nível superior).

O exame objetivo contou com 50 questões para níveis médio e superior. A avaliação contou com questões de íngua Portuguesa, Informática e Conhecimentos Específicos. Para nível médio, ainda foram cobradas questões de Matemática. Já os graduados também responderam a questões de Atualidades.

Segundo o edital, para ser aprovado foi necessário obter nota igual ou superior a 40% da prova. Além disso, apenas foram avaliadas as provas discursivas dos 30 primeiros candidatos habilitados e classificados na prova objetiva. O mesmo critério foi aplicado para o exame de títulos.

Os candidatos foram contratados sob regime da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). O certame teve validade de dois anos, com possibilidade de prorrogação.

Leia Também:

top planilha
1 comentário
  1. Tita Diz

    Até que em fim, graças a Deus.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.