Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso da AGU é homologado!

IDECAN organiza o certame; Provas serão aplicadas no domingo, 09 de dezembro

A Advocacia Geral da União homologou o concurso público (Concurso AGU 2018). O concurso da AGU recebeu 50.482 inscritos. A relação dos candidatos aprovados, conforme o cargo, classificação e nota final já pode ser conferida no site oficial do certame.

O certame prevê o preenchimento de 100 vagas em sete cargos no órgão. O Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (IDECAN) organizou o certame.

Inscritos

O cargo mais procurado foi o de Analista-Técnico Administrativo, cuja exigência é de nível superior em qualquer área. De acordo com os dados divulgados pela banca,  o cargo recebeu 26.472 inscritos, o que resulta em uma concorrência de 2.647 candidatos/vaga. Veja o quantitativo de inscritos:

  • Analista Técnico-Administrativo: 26.472 inscritos;
  • Administrador: 11.020 inscritos;;
  • Arquivista: 453 inscritos;
  • Bibliotecário: 469 inscritos;
  • Contador: 5.420 inscritos;
  • Técnico em Assuntos Educacionais: 4.858 inscritos; e
  • Técnico em Comunicação Social: 1.790 inscritos.

Edital foi divulgado com 100 vagas

O edital do concurso da AGU 2018 conta com oportunidades para os cargos de Administrador (48 vagas), Analista Técnico Administrativo (10 vagas), Arquivista (02 vagas), Bibliotecário (01 vaga), Contador (32 vagas), Técnico em Assuntos Educacionais (02 vagas) e Técnico em Comunicação Social (05 vagas). Os salários podem chegar a até R$ 6.203,34.

“A realização deste concurso é um passo importante no processo de fortalecimento do quadro de servidores da AGU. Todos nós sabemos que as vitórias obtidas pela nossa instituição somente são possíveis graças, também, à incansável dedicação diária de nossos servidores”, afirmou a advogada-geral da União, ministra Grace Mendonça, no momento que o certame foi autorizado.

Prepare-se: Apostila Concurso AGU 2018 – Atualizada

Sobre os cargos do Concurso AGU 2018

Administrador

Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Administração, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), e registro no Conselho Regional de Administração – CRA.

Atribuições: atividades relacionadas com supervisão, programação, coordenação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a estudos, pesquisas, análises e projetos a respeito de administração de pessoal, material, orçamento, organização e métodos.

Salário: R$ 6.203,34 (seis mil, duzentos e três reais e trinta e quatro centavos), composta de vencimento básico no valor de RS 2.220,09, acrescido da Gratificação de Desempenho de Atividade de Apoio Técnico Administrativo – GDAA, cujo valor inicial corresponde a 80 pontos, que é de R$ 3.128,00, nos termos da Lei nº 10.480, de 2002, e da Gratificação Específica de Apoio Técnico Administrativo – GEATA, no valor fixo de R$ 855,25, nos termos da Lei nº 10.907, de 2004.

Jornada de Trabalho: 40 horas semanais.

TOTAL DE VAGAS: 48 (quarenta e oito), sendo 3 (três) reservadas a candidatos na condição de pessoa com deficiência e 10 (dez) reservadas a candidatos que se declararem negros.

Analista Técnico Administrativo

Requisitos: diploma, devidamente registrado no Ministério da Educação, de conclusão curso de graduação de nível superior, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atribuições: realizar atividades que envolvam a administração de pessoas, de processos, de recursos materiais e patrimoniais, de licitações e contratos, orçamento, finanças, contabilidade e auditoria; planejar, desenvolver, executar, acompanhar e avaliar planos, programas e projetos, inclusive voltados à modernização e à qualidade; realizar pesquisas e o processamento de informações; elaborar despachos, pareceres, informações, relatórios, certidões, declarações, ofícios, dentre outros; realizar trabalhos que exijam conhecimentos de informática; operar equipamentos disponíveis e os sistemas e recursos informatizados na execução de suas atividades; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade da função que venham a ser determinadas pela autoridade superior.

Salário: R$ 6.203,34 (seis mil, duzentos e três reais e trinta e quatro centavos), composta de vencimento básico no valor de RS 2.220,09, acrescido da Gratificação de Desempenho de Atividade de Apoio Técnico Administrativo – GDAA, cujo valor inicial corresponde a 80 pontos, que é de R$ 3.128,00, nos termos da Lei nº 10.480, de 2002, e da Gratificação Específica de Apoio Técnico Administrativo – GEATA, no valor fixo de R$ 855,25, nos termos da Lei nº 10.907, de 2004.

Jornada de Trabalho: 40 horas semanais.

TOTAL DE VAGAS: 10 (dez), sendo 1(uma) reservada a candidatos na condição de pessoa com deficiência e 2 (duas) reservadas a candidatos que se declararem negros.

Arquivista

Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Arquivologia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atribuições: realizar atividades voltadas ao planejamento, organização e direção de serviços de arquivo; planejar, orientar e acompanhar o processo documental e informativo; planejar, orientar e direcionar as atividades de identificação das espécies documentais e participação no planejamento de novos documentos e controle de multicópias; planejar, organizar e direcionar serviços ou centro de documentação e informação constituídos de acervos arquivísticos e mistos; planejar, organizar e direcionar serviços de microfilmagem aplicada aos arquivos; orientar o planejamento da automação aplicada aos arquivos; orientar a classificação, arranjo e descrição de documentos; orientar a avaliação e seleção de documentos, para fins de preservação; promover medidas necessárias a conservação de documentos; elaborar pareceres e trabalhos de complexidade sobre assuntos arquivísticos; assessorar os trabalhos de pesquisa científica ou técnico-administrativa; desenvolver estudos sobre documentos culturalmente importantes.

Salário: R$ 6.203,34 (seis mil, duzentos e três reais e trinta e quatro centavos), composta de vencimento básico no valor de RS 2.220,09, acrescido da Gratificação de Desempenho de Atividade de Apoio Técnico Administrativo – GDAA, cujo valor inicial corresponde a 80 pontos, que é de R$ 3.128,00, nos termos da Lei nº 10.480, de 2002, e da Gratificação Específica de Apoio Técnico Administrativo – GEATA, no valor fixo de R$ 855,25, nos termos da Lei nº 10.907, de 2004.

Jornada de Trabalho: 40 horas semanais.

TOTAL DE VAGAS: 2 (duas), sendo que não haverá reserva imediata para candidatos na condição de pessoa com deficiência e/ou que se declararem negros.

Bibliotecário

Requisitos: diploma, devidamente registrado no Ministério da Educação, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Biblioteconomia, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), e registro no órgão de classe competente.

Atribuições: planejar, implementar, coordenar, controlar e dirigir sistemas biblioteconômicos e/ou de informação e de unidades de serviços afins; organizar os serviços de documentação; executar serviços de classificação e catalogação de manuscritos e de livros, de mapotecas, de publicações oficiais e seriadas, de bibliografia e referência; realizar projetos relativos à estrutura de normalização da coleta, do tratamento e da recuperação e da disseminação das informações documentais em qualquer suporte; realizar estudos administrativos para o dimensionamento de equipamentos, recursos humanos e layout das unidades da área biblioteconômica e/ou de informação; estruturar e efetivar a normalização e padronização dos serviços técnicos de tratamento da informação fixando índices de eficiência, produtividade e eficácia nas áreas operacionais da biblioteconomia e/ou ciência da informação; estabelecer, coordenar e executar a política de seleção e aferição do material integrante das coleções de acervo, programando as prioridades de aquisição dos bens patrimoniais para a operacionalização dos serviços; estruturar e executar a busca de dados e a pesquisa documental; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade da função que venham a ser determinadas pela autoridade superior.

Salário: R$ 6.203,34 (seis mil, duzentos e três reais e trinta e quatro centavos), composta de vencimento básico no valor de RS 2.220,09, acrescido da Gratificação de Desempenho de Atividade de Apoio Técnico Administrativo – GDAA, cujo valor inicial corresponde a 80 pontos, que é de R$ 3.128,00, nos termos da Lei nº 10.480, de 2002, e da Gratificação Específica de Apoio Técnico Administrativo – GEATA, no valor fixo de R$ 855,25, nos termos da Lei nº 10.907, de 2004.

Jornada de Trabalho: 40 horas semanais.

TOTAL DE VAGAS: 1 (uma), sendo que não haverá reserva imediata para candidatos na condição de pessoa com deficiência e/ou que se declararem negros.

Contador

Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Ciências Contábeis, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), e registro no Conselho Regional de Contabilidade – CRC.

Atribuições: desempenho de atividades relacionadas com supervisão, coordenação ou execução, em grau de maior complexidade, relativas à contabilidade e à administração financeira e patrimonial, empreendendo balancetes, balanços, registros e demonstrações contábeis.

Salário: R$ 6.203,34 (seis mil, duzentos e três reais e trinta e quatro centavos), composta de vencimento básico no valor de RS 2.220,09, acrescido da Gratificação de Desempenho de Atividade de Apoio Técnico Administrativo – GDAA, cujo valor inicial corresponde a 80 pontos, que é de R$ 3.128,00, nos termos da Lei nº 10.480, de 2002, e da Gratificação Específica de Apoio Técnico Administrativo – GEATA, no valor fixo de R$ 855,25, nos termos da Lei nº 10.907, de 2004.

Jornada de Trabalho: 40 horas semanais.

TOTAL DE VAGAS: 32 (trinta e duas), sendo 2 (duas) reservadas a candidatos na condição de pessoa com deficiência e 6 (seis) reservadas a candidatos que se declararem negros.

Técnico em Assuntos Educacionais

topapostilas.com.br

Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em qualquer área, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atribuições: realizar atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a trabalhos de pesquisa e estudos pedagógicos, visando a solução dos problemas de educação, bem como de orientação e técnicas educacionais, administração escolar e educação sanitária.

Salário: R$ 6.203,34 (seis mil, duzentos e três reais e trinta e quatro centavos), composta de vencimento básico no valor de RS 2.220,09, acrescido da Gratificação de Desempenho de Atividade de Apoio Técnico Administrativo – GDAA, cujo valor inicial corresponde a 80 pontos, que é de R$ 3.128,00, nos termos da Lei nº 10.480, de 2002, e da Gratificação Específica de Apoio Técnico Administrativo – GEATA, no valor fixo de R$ 855,25, nos termos da Lei nº 10.907, de 2004.

Jornada de Trabalho: 40 horas semanais.

TOTAL DE VAGAS: 2 (duas), sendo que não haverá reserva imediata para candidatos na condição de pessoa com deficiência e/ou que se declararem negros.

Técnico em Comunicação Social

Requisitos: diploma, devidamente registrado no Ministério da Educação, de conclusão curso de graduação de nível superior em Jornalismo ou Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e registro profissional de jornalista no órgão competente do Ministério do Trabalho.

Atribuições: realizar atividades que envolvam a coleta, produção, revisão e edição de notícias voltadas à divulgação oficial da competência constitucional da Advocacia-Geral da União em matérias de seu interesse, por meio da imprensa escrita, falada e televisionada, com a aplicação de técnicas de redação jornalística; prestar assessoramento em atividades específicas de jornalismo; analisar mídias divulgadas a respeito da instituição, interpretando e avaliando a cobertura jornalística; coordenar a elaboração de editorial adequado à missão, à visão e aos valores institucionais; usar, de maneira eficaz, os recursos de rádio, tv, endereços eletrônicos e outros meios de divulgação e de comunicação; propor novos canais de comunicação com os diversos públicos da instituição, quando necessário, e o aperfeiçoamento dos já existentes; entre outras.

Salário: R$ 6.203,34 (seis mil, duzentos e três reais e trinta e quatro centavos), composta de vencimento básico no valor de RS 2.220,09, acrescido da Gratificação de Desempenho de Atividade de Apoio Técnico Administrativo – GDAA, cujo valor inicial corresponde a 80 pontos, que é de R$ 3.128,00, nos termos da Lei nº 10.480, de 2002, e da Gratificação Específica de Apoio Técnico Administrativo – GEATA, no valor fixo de R$ 855,25, nos termos da Lei nº 10.907, de 2004.

Jornada de Trabalho: 25 horas semanais.

TOTAL DE VAGAS: 5 (cinco), sendo 1 (uma) reservada a candidato na condição de pessoa com deficiência e 1 (uma) reservada a candidato que se declarar negro.

Inscrição Concurso AGU 2018

Os interessados em concorrer a uma das vagas puderam se inscrever entre 14 horas do dia 03 de outubro e 23 horas e 59 minutos do dia 04 de novembro de 2018, no site oficial da organizadora (www.idecan.org.br). A taxa de inscrição custou R$95,00.

Etapas Concurso AGU 2018

As provas objetivas de múltipla escolha e discursivas foram realizadas nas capitais dos 26 (vinte e seis) Estados e no Distrito Federal, com data inicialmente prevista para o dia 09 de dezembro de 2018 (domingo), com duração de 4h30min (quatro horas e trinta minutos) para sua realização, em dois turnos, conforme disposto abaixo:

Os locais de realização das provas objetivas, para os quais deverão se dirigir os candidatos, serão divulgados na data provável de 03 de dezembro de 2018, por aviso no Diário Oficial da União e na íntegra, no endereço eletrônico www.idecan.org.br.

Provas Objetivas

Serão aplicadas provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, abrangendo matérias de Língua Portuguesa (10), Raciocínio Lógico (05), Noções de Informática (05), Conhecimentos Gerais (10) e Conhecimentos Específicos (30).

As provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, constarão de 60 (sessenta) itens, valendo 1 (um) ponto cada item, e terão pontuação total variando do mínimo de 0 (zero) ponto ao máximo de 60 (sessenta) pontos. Será considerado aprovado o candidato que obtiver, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) de aproveitamento dos pontos das provas objetivas de múltipla escolha e que tenha acertado pelo menos uma questão de cada disciplina.

Os itens das provas objetivas serão do tipo múltipla escolha, com 5 (cinco) opções (A a E) e uma única resposta correta. O candidato deverá transcrever as respostas das provas objetivas para o Cartão de Respostas, que será o único documento válido para a correção das provas. O preenchimento do Cartão de Respostas será de inteira responsabilidade do candidato, que deverá proceder em conformidade com as instruções específicas contidas neste Edital e no Cartão de Respostas. Em hipótese alguma haverá substituição do cartão por erro do candidato.

Provas Discursivas

Serão aplicadas provas discursivas, de caráter eliminatório e classificatório, a todos os cargos, no mesmo dia de realização das provas objetivas, constituídas de 1 (uma) dissertação, a respeito de tema constante do conteúdo programático de conhecimentos específicos.

A prova discursiva terá o valor de 20 (vinte) pontos. Serão considerados aprovados apenas os candidatos que obtiverem o percentual mínimo de 50% (cinquenta por cento) de aproveitamento nos pontos da referida prova.

A prova discursiva destinar-se-á a avaliar o domínio do conteúdo dos temas abordados, a experiência prévia do candidato e sua adequabilidade quanto às atribuições do cargo. A resposta deverá ter a extensão mínima de 30 (trinta) e máxima de 60 (sessenta) linhas para o texto, sob pena de perda de 1,0 (um) ponto a cada linha abaixo do limite mínimo exigido. As linhas que excederem ao limite máximo serão desconsideradas para fins de pontuação, bem como qualquer fragmento de texto que for escrito fora do local apropriado ou que ultrapassar a extensão máxima permitida.

TCU aponta necessidade de abertura do Concurso AGU 2018

O Tribunal de Contas da União (TCU) já recomendou que a Advocacia Geral da União empenhe-se na adoção de providências tendentes a suprir-se de quadro de pessoal efetivo, de modo que o instituto da requisição passe a ser utilizado tão somente pelo tempo necessário ao atendimento do interesse público específico e pontual que motivou a requisição, deixando de servir como forma de preenchimento permanente dos quadros funcionais do órgão requisitante, cujos cargos devem ser providos por meio de concurso público.

Outro reforço para abertura do certame é o projeto de lei 4253/2015, que visa a criação de vagas em diversos órgãos federais. O PL já tramita na Câmara dos Deputados e em breve deverá ser aprovados pelo Congresso Nacional. De acordo com o documento, atualmente, para atender aos mais de oito mil membros das carreiras jurídicas da Advocacia-Geral da União, a AGU conta com o apoio de 3.998 servidores, sendo que desses 2.432 são cedidos ou requisitados de outros órgãos, sendo que apenas 1.313 deles são provenientes do Poder Executivo Federal.

Sobre a AGU

A Advocacia-Geral da União é uma instituição pública que tem como objetivo a representação da União no campo judicial e extrajudicial, sendo-lhe, ainda, reservadas as atividades de consultoria e assessoramento jurídico do poder executivo, nos termos do art. 131 da Constituição Federal.

  • Concurso: Advocacia-Geral da União
  • Banca organizadora: IDECAN
  • Escolaridade: superior
  • Número de vagas: 100
  • Remuneração: R$ 6.203,34
  • Inscrições: entre 14 horas do dia 03 de outubro e 23 horas e 59 minutos do dia 04 de novembro de 2018
  • Taxa de Inscrição: R$95,00
  • Provas: 09 de dezembro de 2018 (domingo)
  • Situação: EDITAL PUBLICADO

Edital Concurso AGU 2018

Edital Retificado

Retificação – Edital – 07/12

(Apostila Digital) AGU 2018 - Analista Técnico-Administrativo [+ Curso Online Grátis]
[PRÉ VENDA] (Apostila Digital) AGU 2018 - Administrador
[PRÉ VENDA] (Apostila Digital) AGU 2018 - Administrador [+Curso Online Grátis]
[PRÉ VENDA] (Apostila Digital) AGU 2018 - Analista Técnico-Administrativo
[PRÉ VENDA] (Apostila Digital) AGU 2018 - Diversos Cargos de Nível Superior
[PRÉ VENDA] Apostila AGU 2018 - Administrador [+Curso Online Grátis]
[PRÉ VENDA] Apostila AGU 2018 - Administrador [CD Grátis]
[PRÉ VENDA] Apostila AGU 2018 - Analista Técnico-Administrativo [+ Curso Online Grátis]
[PRÉ VENDA] Apostila AGU 2018 - Analista Técnico-Administrativo [CD Grátis]

 

[PRÉ VENDA] Apostila AGU 2018 - Diversos Cargos de Nível Superior [CD Grátis]

Leia Também:

Comentários estão fechados.