Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Concurso CEFET RJ 2017: Saiu o edital para 32 vagas de Professor! Até R$ 9.575,67!


Saiu o edital de concurso do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca do Estado do Rio de Janeiro (Concurso CEFET RJ 2017). De acordo com o documento publicado, serão oferecidas 32 vagas para o cargo de Professor do Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. Os aprovados serão lotados nos campi de Maria da Graça, Petrópolis, Angra dos Reis, Nova Friburgo, Nova Iguaçu, Maracanã e Valença.

De acordo com o edital de concurso CEFET/RJ 2017, as vagas são destinadas as áreas de  Segurança do Trabalho, Artes/Teatro, Artes/Dança, Física, Sociologia, Biologia, Engenharia Mecânica, Administração, Engenharia de Produção, Engenharia de Telecomunicações, Química/Ambiental, Língua Portuguesa, Computação, Redes, Programação, História, Química, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia Elétrica, Engenharia Eletrônica, Informática, Turismo, Mecânica/Processos de Fabricação Mecânica, Bancos de Dados e Engenharia de Software e Telecomunicações/Rede de Computadores.

Requisito Concurso CEFET RJ 2017 – Professor

Os cargos exigem graduação na área de atuação, mais titulação em mestrado ou doutorado em alguns casos. Os salários chegam a R$ 9.575,67, mais auxílio-alimentação no valor R$ 458,00, auxílio pré-escolar de R$ 321,00 e auxílio-transporte.

Inscrição Concurso CEFET RJ 2017 – Professor

Os interessados em concorrer a uma das vagas no concurso CEFET/RJ 2017 poderão se inscrever entre 18 de setembro e 06 de outubro de 2017, nos endereços dos Campus:

topapostilas.com.br

Rua do Areal, S/N – Parque Mambucaba, Angra dos Reis/RJ, das 10 às 16 horas –  Campus Angra dos Reis;
Rua General Canabarro, 552, Maracanã, Rio de Janeiro/RJ, das 10 às 16 horas – Campus Maracanã;
Rua Miguel Ângelo, nº 96 – Maria da Graça, Rio de Janeiro, das 10 às 16 horas – Campus Maria da Graça;
Avenida Gov. Roberto Silveira, 1900, Prado, Nova Friburgo/RJ, das 10 às 16 horas – Campus Nova Friburgo;
Estrada de Adrianópolis, 1317, Santa Rita, Nova Iguaçu/RJ, das 10 às 16 horas – Campus Nova Iguaçu;
Rua do Imperador, 971, Centro, Petrópolis/ RJ, das 14 às 20 horas – Campus Petrópolis; e
Rua Voluntários da Pátria, 30, Belo Horizonte, Valença/RJ, das 11 às 16 horas – Campus Valença.

Provas Concurso CEFET RJ 2017 – Professor

O concurso CEFET-RJ 2017 contará com provas escritas, prova pública de aula. A prova escrita será realizada no dia 29 de outubro de 2017, a partir das 08 horas. Os locais serão divulgados no dia 19 de outubro de 2017, a partir das 19 horas.

A validade do concurso será de 12 meses, com possibilidade de prorrogação por igual período, a critério do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca.

Edital Concurso CEFET RJ 2017 – Professor

Sobre o CEFET-RJ

Situada no Rio de Janeiro, cidade que foi capital da República até 1960, a instituição ora denominada Cefet/RJ teve essa vocação definida desde 1917, quando, criada a Escola Normal de Artes e Ofícios Wenceslau Brás pela prefeitura do Distrito Federal – origem do atual Centro –, recebeu a incumbência de formar professores, mestres e contramestres para o ensino profissional. Tendo passado à jurisdição do governo federal, em 1919, e ao ser reformulada, em 1937, a estrutura do então Ministério da Educação, essa Escola Normal é transformada em liceu destinado ao ensino profissional de todos os ramos e graus, como aconteceu às referidas Escolas de Aprendizes Artífices, que eram mantidas pela União.

O Centro é desafiado e se desafia, permanentemente, a contribuir no desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro e da região. Atento às Diretrizes de Política Industrial, Tecnológica e de Comércio Exterior do país, volta-se a uma formação profissional que deve ir ao encontro da inovação e do desenvolvimento tecnológico, da modernização industrial e potencialização da capacidade e escala produtiva das empresas aqui instaladas, da inserção externa e das opções estratégicas de investimento em atividades portadoras de futuro – sem perder de vista a dimensão social do desenvolvimento. Assim se reafirma como uma instituição pública que deseja continuar a formar quadros para os setores de metalomecânica, petroquímica, energia elétrica, eletrônica, telecomunicações, informática e outros que conformam a produção de bens e serviços no país.

Leia Também:

top planilha

Comentários estão fechados.