Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

CGU planeja abrir concursos para preencher 1.573 vagas

Controladoria-Geral da União (CGU) planeja abrir novosconcursos públicos para cargos de níveis médio e superior. A expectativa é que as seleções ofereçam, juntas, 1.573 vagas.
A lotação dos postos poderá ser realizada na sede do órgão, que fica em Brasília (DF), e nas unidades regionais, localizadas em todos os Estados do país.

Oportunidades de nível médio

A CGU discute internamente uma proposta para a abertura de umconcurso com 876 vagas para técnico de finanças e controle, ofício que requer nível médio e oferece salário de R$ 6.065,36, incluindo auxílio-alimentação.
Em setembro de 2014, o órgão já havia solicitado ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) o provimento desses cargos. Porém, em janeiro deste ano, o pedido foi devolvido para análise pelo então novo ministro-chefe da Controladoria Geral da União, Valdir Moysés Simão. Agora, a solicitação está sendo analisada pela CGU e deve ser reencaminhada em breve ao MPOG.

Ofertas de nível superior

O departamento de comunicação da CGU informou que no dia 1º de abril deste ano foi solicitada ao Ministério do Planejamento a abertura de dois concursos e ambos encontram-se em análise neste momento.
O primeiro deles destina-se a 620 vagas para o cargo de analista de finanças e controle, que exige formação superior e apresenta vencimentos de R$ 15.376,70, com o benefício de alimentação incluso.
Já o segundo pedido de concurso da Controladoria-Geral da União é referente a 77 oportunidades de nível superior, nas carreiras de arquiteto (4), engenheiro civil (5), engenheiro eletricista (2), engenheiro mecânico (2), administrador (40), médico 20h (8), assistente social (2), psicólogo (2) e contador (12).

Último concurso da CGU

O último concurso da Controladoria-Geral da União aconteceu em 2008. Foram abertas 400 vagas, sendo 220 para analista de finanças e controle e 180 para técnico de finanças e controle. As oportunidades foram distribuídas entre a sede e as unidades dos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.
Na ocasião, a banca organizadora foi a Esaf (Escola de Administração Fazendária) e o processo seletivo ocorreu por meio de prova objetiva de conhecimentos básicos, específicos e especializados, além de um teste discursivo, para analista; e de avaliação objetiva de conhecimentos gerais e específicos para técnico.

Leia Também:

PENSAR CURSOS brasil 123

Comentários estão fechados.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?