Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Hungria inicia vacinação contra novo coronavírus

Furando a fila da União Europeia, a Hungria inicia vacinação contra a Covid-19. Assim,  ela começou a ser aplicada nos profissionais de saúde no sábado (26). Segundo o porta-voz do governo húngaro.

O país recebeu sua primeira carga de vacinas na manhã de natal. De acordo com a agência de notícias estatal MTI, foram cerca de 4.875 doses. O que deve ser suficiente para imunizar todos os médicos e demais trabalhadores.

O início da vacinação no país

A Hungria é o décimo sétimo país a iniciar seu plano de imunização. Sendo que o primeiro foi o Reino Unido que começou no dia 8 de dezembro. Dessa forma, uma semana depois foi a vez dos Estados Unidos aplicarem suas vacinas na população.

Fora eles os outros países que já iniciaram o processo em seus territórios. Por exemplo:

  • Canadá;
  • Suíça;
  • Israel;
  • Arábia Saudita;
  • China;
  • Sérvia;
  • Rússia;
  • México;
  • Chile;
  • Costa Rica;
  • Bahrain;
  • Kuwait;
  • Emirados Árabes Unidos;
  • Qatar.

Todos pretendem imunizar primeiramente seus profissionais da saúde e grupos de risco. Então, em seguida ampliarão a utilização das vacinas para a população em geral. Espera-se que até a metade do ano boa parte da sociedade tenha acesso ao imunizante.

Como está a Covid-19 na Hungria

A nação possui até o momento 314.164 casos contaminados e 8.951 óbitos. Sendo que mais de 6000 pessoas ainda estão hospitalizadas, deixando sobrecarregado o sistema de saúde. 

Hungria inicia vacinação antes do que ficou acertado com a União Europeia. Porque os 27 países do bloco começaram apenas no domingo (28) a aplicar suas doses. Assim, a ideia do Dia V seria mostrar o comprometimento de todos começarem juntos sua imunização.

O país tem causado diversas repercussões negativas no bloco econômico por inúmeras questões. Por exemplo, a imigração até o veto do orçamento plurianual e o fundo pós-recuperação. 

A situação pode acabar agravando a tensão já existente entre a nação e os seus vizinhos. Já que não foi visto com bons olhos sua antecipação perante todos os restantes. Por isso é preciso acompanhar de perto toda a situação.

Hungria inicia vacinação

Diferente do que todos da União Europeia esperavam, a Hungria inicia vacinação com antecedência. Dessa forma, primeiramente serão imunizados os profissionais da saúde e as pessoas de grupos de risco.

No âmbito político a antecipação aumenta uma tensão desnecessária entre os países. Mas, o que preocupa economistas e sociólogos é o futuro.

Entretanto, enquanto as vacinas não são aplicadas é preciso cuidado. Então, recomenda-se que os cuidados permaneçam entre as pessoas.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.