Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

49 são presos por suspeita de fraude em concurso público!

O concurso do Corpo de Bombeiros do Pará 2015/2016, após ter a suspensão cancelada dias antes da aplicação das provas, foi alvo de nova polêmica durante a aplicação das avaliações neste domingo, 24 de janeiro. A Polícia Civil do Estado prendeu 49 suspeitos de fraudar o certame por cola eletrônica.

A assessoria de imprensa dos Bombeiros informou que o crime teria acontecido no bairro de Tenoné, onde o mentor do esquema respondeu às questões em um colégio da região e depois saiu com o caderno de prova em mãos. Após isso, ele começou a divulgar o gabarito por mensagens de celular a mais 48 pessoas. O Bombeiros do Pará informou que a fraude não deve afetar o andamento do concurso.

O concurso

O Corpo de Bombeiros do Estado do Pará divulgou a abertura de concurso público (Concurso Bombeiros Pará 2015) para provimento de 330 vagas nos cargos de Soldado e Oficial, sendo reservadas 300 vagas para Soldado e 30 para Oficial. Os salários oferecidos variam entre R$ 1.005,71 a R$ 5.469,59. As oportunidades foram para candidatos do sexo masculino e feminino.

Os aprovados no concurso serão inscritos no curso de formação. O salário nessa etapa será de R$ 788 para praças e de R$ 1.005,71 para oficiais, além do auxilio alimentação no valor de R$ 379,75. Concluído o curso com êxito, o soldado fará jus ao salário de R$ 2.521,60 enquanto os oficiais receberão R$ 5.469,59. Os subsídios são compostos de soldo, representação por graduação, risco de vida, habilitação policial militar, serviço ativo, localidade especial (variável) , auxílio moradia (variável), indenização de tropa, além do auxílio alimentação, no valor de R$ 379,75 mensais.

Comentários estão fechados.